Visto Americano: Nova Regras a Partir de 7 de Maio!

As promessas feitas pelo Presidente Barack Obama em janeiro último para facilitar a concessão de visto americano a brasileiros estão se concretizando aos poucos. Novas regras foram criadas e a partir de 7 de maio do corrente ano, elas serão postas em prática para agilizar essa concessão. Serão criados novos postos de atendimento ao público. Nestes novos guichês, os solicitantes poderão deixar a papelada que é exigida para o visto. As fotos que antes eram necessárias levar de casa, agora serão tiradas nestes locais. Em São Paulo por exemplo, serão dois novos postos de atendimento, já que o consulado da cidade não tem mais condições de atender ao grande número de pessoas que buscam conseguir essa autorização de viagem.

A princípio, parece que a coisa não vai melhorar muito, pois agora o solicitante tem que ir até estes postos de atendimento para deixar a documentação e posterior tem de voltar para a entrevista no consulado. Mas essa foi a maneira mais fácil de agilizar todo o processo de entrevista, pois na atualidade tem um tempo de espera muito grande entre a  solicitação e a entrevista em si.

Por falar em entrevista, ela continuará existindo, só que a partir de agora, aquelas pessoas que estão renovando os seus vistos, não mais serão entrevistados.

 Novas Regras para o Visto Americano?

. Fotos agora serão tiradas nos Consulados ou postos avançados nas cidades onde não tem sedes de Consulados

. As entrevistas serão somente para os Novos solicitantes, não mais para quem renova.

. Você precisa preencher o formulário DS-160 em um computador que tenha uma impressora. Tirar uma cópia e levar junto no dia da entrevista. Visualize o exemplo aqui. Este formulário deve ser preenchido com pelo menos 2 dias de antecedência, do dia da entrevista.

. Pagina do formulário D-160, em substituição do Ds-156, 157 e 158. Preencha aqui. É só seguir os passos.

. Mais informações, entre nesta pagina do próprio governo americano e sempre forneça as informações verdadeiras. Se você mentir, terá grande chance de não conseguir o visto. Mantenha esta informação sempre em mente.

. Belo Horizonte já terá o seu posto avançado para entrega dos documentos a partir de 7 de maio. Em breve será Porto Alegre.

. As entrevistas devem ser sempre agendadas online e aqui está o site para fazer isso.

As mudanças já vem ocorrendo há algumas semanas e junto com elas também os preços do serviços consulares já estão com novos valores desde 13 de abril. O fato é que o Departamento de Estado Americano estará fazendo grandes investimentos nos próximos meses e você que é um solicitante de visto, é quem vai pagar a conta. Apesar que no final, até poderá está saindo mais barato, em alguns casos mais caro pela duas viagens que muitos terão que fazer, entre sua residência e o Consulado.

Qual é a sua dúvida sobre o visto americano? Estamos aqui para te ajudar neste processo. Como é um tema muito extenso, é preferido que você use o espaço de comentários para fazer alguma pergunta. Vamos responder com muito carinho.

Deixando claro, também, que as nossas dicas aqui se referem ao visto de turista H1 ou H2. Porém, existem vários outros tipos de visto americano, como; para estudantes, negócios e investidores, artistas, cientistas, e um muito popular, que é o visto americano para trabalho. Dentre vários outros.

Esperemos poder ainda trazer dicas sobre estes outos tipos de visto. Fique ligado.

1.099 Comentários

  1. Flávio Franco Rull disse:

    João, bom dia!
    Estarei solicitando em Janeiro/17 visto F1 para mim e consequentemente F2 para esposa e filho de 2 anos. A dúvida é a seguinte: estarei indo para estudar Inglês do básico ao intensivo numa escola que emite I20, nossos passaportes estão válidos e os vistos de turistas válidos por 10 anos, o tempo do visto F1/F2 sobrepõe ao turista?

    • Não Flávio. O dois vistos têm funções diferentes. O de turista é para multiplas entradas. E o visto de estudante F1/F2, somente cobre essa função. Ele terá uma validade mais curta do que o visto H1. Mesmo te dando a oportunidade de entrar e sair do país, enquanto você for estudante.

  2. Oiie vai lá minha pergunta meu sonho é morar nos EUA tenho apenas 12 anos mais quero muito isso, e meus planos são assim : terminar meus estudos fazer uma faculdade e depois entrar em uma pagina de empregos dos EUA e conseguir um patrocinador com o h1b mais se eu conseguiur um trabalho lá eu vou pode mora permanente ainda mais se eu for despedida? quanto tempo demora para eu conseguir e quanto eu vou gastar? Obg desde já

    • Calina deve ser o o seu nome. Bem, como ainda têm 12 anos, têm muito tempo para se prepara. Com relação ao visto H1B, ele têm mudado um pouco nos últimos tempos. Mas no geral ele te dar 3 anos e possibilidade de renovar por mais 3 anos. Neste período, você estará morando legalmente nos Estados Unidos. E ao mesmo tempo, se você pretende morar permanentemente no país, o patrão ou a empresa que patrocinou o seu visto de trabalho, pode pode patrocinar o seu green-card(cada caso é um caso). Se isso acontecer, você precisa contratar um advogado, os custos sairão do seu bolso(mais uma vez, cada caso é um caso) e isso nao é tão caro. Mas deve sempre procurar um advogado que seja da área de imigração. Até lá, vá se preparando para o seu sonho. Boa sorte!!!

  3. Márcia disse:

    Tenho uma duvida, preenchi o formulário porque estou tirando o visto J1, porem acho que coloquei a data que pretendo ir como sendo dia 3 de janeiro, porque será o dia que pego meu primeiro voo, só que ele vai para São Paulo é só no dia 4 que pego para os estados unidos. N meu formulado esta falando que minha data de embarque é no dia 4. Isso vai me prejudicar?

    • Márcia não acredito que isso vai te prejudicar, mesmo porque você embarcana na sua cidade no dia 3. Porém, teria sido mais coerente se tivesse colocado o dia 4 como sendo o seu embarque. De qualquer forma, se eles encontrarem alguma coisa para não te dar o visto, ou achar que precisa de sua explicação, é fácil, fale a verdade!

  4. faliz disse:

    Bom dia,

    Já fiz várias viagens pela américa do sul e em novembro faço minha primeira para a europa, ficando 20 dias.
    Sou funcionária pública federal à 11 anos e também de uma empresa particular, com IR suficiente para me manter nos EUA pelo tempo previsto ( + de 100 mil no exercício 2013). Não tenho carro ou imóveis, mas moro de aluguel a 4 anos no mesmo local.
    Preciso tirar o visto para ir ao casamento de uma amiga em fevereiro, porém tenho pendências com a receita federal (algumas parceladas e outras vou fazer o parcelamento).
    Existe a chance de eu ter o visto negado pelo problema da Receita federal? Posso falar que vou a um casamento ou melhor dizer que será férias (o período será no carnaval do próximo ano)?
    Qual o período mínimo de intervalo para requerer o visto novamente se ele for negado?
    E meu namorado, tem uma renda bem inferior a minha mas cursa faculdade particular com prouni + fies e moramos juntos, e está no mesmo emprego a 9 meses. Ele não declara IR. Ele teria pouca chance em conseguir o visto, mesmo comigo pagando as passagens e estadias?

    Obrigado.

    • Wow, muitas dúvidas hein? Bem, Faliz, a sua situação é tranquila e acho que não deve se preocupar. Não têm problema pelos financiamentos na REceita, pode requerer o novo visto, no dia seguinte, se negado. O seu namorado também deve conseguir, apesar de ter uma situação um pouco diferente, pois não declara IR, mas você pode cobrir esses gargalo com a sua situação financeira. Boa sorte! A tempo, as suas viagens internacionais é de grande ajuda.

  5. Daiany disse:

    Boa tarde, me chamo Daiany. Gostaria de viajar aos USA no ano que vem, porém meu contra cheque é de um salário minimo, mas quem vai custear minha viagem é meu pai, seu salário é de entorno de 1.100,00, mas ele possui uma boa quantia em sua conta poupança. Sou graduada, moro com meus pais, em casa própria. Queria saber minhas reais chances de ter o visto concedido? Pois não quero dar andamento se eu não tiver a minima chance. O que tem a me dizer? Obrigada.

    • Daiany, com esse salário fica um pouco difícil e além do mais, me parece que você é jovem, portanto, com um grande potencial de ser uma imigrante, para o consulado. Mas isso não quer dizer que você não vai conseguir. Toda regra têm uma exceção, certo?

      • Daiany disse:

        Também penso assim. Que dica você me daria para facilitar? Colocar um outro ‘patrocinador” pra minha viagem, com salário mais alto?

        • Isso não funciona. realmente é difícil com esse salário, mas quem sabe se você tentar juntamente com o seu pai, já que ele parece ter uma melhor situação. Porém, vai ser difícil com esse salário…Se tiver imóveis e uma boa poupança, cartões de crédito etc, pode dar uma melhorada!

          • Daiany disse:

            Entendo. Muito obrigada pela atenção.

  6. Viviane disse:

    Preciso de uma ajuda!! Fui no CASV no domingo com meu esposo e ao colarem as etiquetas, fizeram uma anotação apenas no meu passaporte: 1/2…o que significa??? Já aconteceu com alguém??

    • É uma senha para identificar alguma coisa no seu histórico. Você já tentou visto antes, já viajou para os EU, já morou lá ou têm alguem da sua família morando lá, por exemplo?

      • Viviane disse:

        Obrigada pela resposta João……Nuca fui para lá e nem tentei tirar visto, tbm não tenho parentes por lá….Será que é alguma informação por ser funcionária pública?? Ou sei-lá…Terei algum problema??

      • Viviane disse:

        Obrigada pela resposta João……Nunca fui para lá e nem tentei tirar visto, tbm não tenho parentes por lá….Será que é alguma informação por ser funcionária pública?? Ou sei-lá…Terei algum problema??

        • Pode ser sim viviane. Posso te garantir que é uma informação importante pra eles, e que não necessáriamente vai te prejudicar, fique tranquila!

  7. Breno disse:

    Minha namorada quer vim me visitar nos EUA estou em Geórgia, ela ta tentando tirar o visto mas precisa do reponsavel fianceiro da viagem, a família dela é complicada gostaria de saber se pode ser meu pai e levar a documentação dele como responsável financeiro por ela?

    • Breno, poder, pode, mas o problema e provar a ligação familiar do seu pai com a sua namorada. O que pode ser feito é ele tirar o visto junto com ele e coloca-la como filha adotiva, mesmo que não exista essa ligação em documentos. Ele poderia fazer um aditivo no Ir dele e coloca-la lá como dependente, isso vai funcionar, ok? boa sorte!

  8. max disse:

    Meu tio vai custear uma viagen pra mim ir para o E.U.A, ele e dono de firma e empresario renda boa, mas eu tenho a casa do meus pais em meu nome, tenho 10 mil em conta, meu salario e de 1300, e so afastado pelo aucilio doença sera q tenho chance de conseguir o visto

    • Todsos têm chance Max, você só precisa convece-los de que têm um forte motivo para voltar para o Brasil. feito isso, o seu visto será concedido. Boa sorte!

  9. Maycon disse:

    Boa noite!

    Retornei para contar como foi minha entrevista no consulado americano de Brasília. No dia 11/08 estive no CASV e mesmo eles tirando a foto, pediram pra providenciar uma foto 5×7 para levar no momento da entrevista, porque com o problema no sistema deles, algumas fotos não estavam sendo salvas, Ok. 1º dia tudo feito e no dia 12/08 compareci 30 minutos antes do meu horário que era 10h30min. Havia muita gente lá, mais ou menos 100 pessoas, fiquei espantado, mais fui atendido no horário marcado e pronto. Minha entrevista foi com uma oficial mulher, nova e bonita. Me pediu o passaporte e fez as seguintes perguntas:

    Bom dia!
    P= Trabalha a quanto tempo?
    R= 05 anos (fui direto nas respostas)
    P= Você estuda?
    R= Sim
    P= Quem vai pagar sua viagem?
    R= Meus pai.
    P= O que ele faz?
    R= ???? (respondi a profissão dele)
    P= Sua mãe faz o quê?
    R= Do lar
    P= Já foi a outro país?
    R= Não
    P= Você estuda?
    R= Sim (respondi novamente)
    P= Quanto você ganha mensalmente?
    R= X.XXX,XX

    Imagina a resposta?

    “INFELIZMENTE SEU VISTO FOI NEGADO. NESTA CARTA EXPLICA OS MOTIVOS. PRÓXIMO POR FAVOR”

    Fiquei pasmo e sem reação, porque ela não me pediu nenhum documento se quer e estava tudo certinho, a renda do meu pai é boa o suficiente para financiar minha viagem, temos casa própria, carro, estou fazendo faculdade (Relações Internacionais), tenho trabalho fixo. Irei tentar em novembro novamente, porque ganhei a viagem como presente de formatura e não vou desistir. Na próxima vez vou argumentar mais com eles sem ser exagerado e oferecer para que ela veja os documentos, quem sabe ajuda.

    Boa sorte aos solicitante e fica a dica: levem a foto 5×7

  10. Renata C disse:

    Estou com entrevista e consulado marcados para viagem a turismo para Orlando com minha familia (marido, filhos menores e mae).
    Minha mãe é aposentada e recebe renda mínima mensal (800,00), mas tem aplicação em previdencia e na poupança (aproximadamente R$150.000,00) e declarou imposto de renda este ano. Ela é quem vai custear suas despesas.

    Será que ela terá problema para receber o visto?

    • Renata aparentemente está tudo certo e o seu visto será concedico!

  11. Flavio disse:

    João ! Boa tarde!
    Estou planejando ir para o EUA este ano. Veja minha situação. Tenho um carro em meu nome valor de tabela 30.000, um terreno valor de mercado 300.000, estou no 8º semestre da faculdade de Arquitetura e ano que vem é meu TCC. Trabalho em uma empresa que presta serviços para Petrobrás pois sou formado técnico em edificações também. Minha renda é de 1600.00 reais por mês, e declaro imposto de renda como isento. Eu mesmo é quem vou custear minha viagem. Já morrei 2 anos na Irlanda estudando Inglês de 2008 a 2010 e retornei.
    Como devo proceder?
    Meus documentos já estão bons para provar vinculo? Minha renda está baixa?
    Tenho uns 10.000 reais na conta corrente.

    Abraços e muito obrigado!

    • Renda baixa, mas têm histórico de viagem internacional. Comprove que morou na Irlanda Legalmente e IR, apesar de isento, Carro Terrenos. poupança etc. funciona pra você. Porém, pelas próximas semanas o visto está sendo difícil conseguir, leia lá no blog, os motivos!

  12. Maycon disse:

    Olá! Estou em no meio do processo para tirar o visto americano. Quero fazer turismo em Miami em julho/2015, portanto já estou com minha entrevista marcada no consulado de Brasília para o dia 12/08/2014. Tenho uma dúvida e um receio, no formulário coloquei a verdade sobre minha renda que está registrada na CTPS com o valor de R$1.309,09, porém trabalho na empresa há cinco anos, estou fazendo graduação em Relações Internacionais (8º período, tenho cartão de crédito internacional com um limite bom e R$8.000 em conta corrente. A agência que está fazendo minha assessoria pediu pra levar a Declaração de Imposto de Renda, porém sou isento pelo salário que recebo. Devo fazer uma declaração de isenção de imposto de renda manualmente? Moro com meus pais (casa própria) e não tenho carro, mas meu pai tem. Voce acha que tenho alguma chance de receber o visto de turismo com essa renda?

    • Maycon, não faça esse IR já que seu salário é muito baixo, não vai fazer diferença. Por outro lado, se você tivesse declarado, mesmo isento, te ajudaria. O fato de seu pai ter carro e imnóvel, não faz diferença, o visto é pra você e não para ele. Boa sorte!

  13. Livia disse:

    oi joão… parabens pelo site… tenho uma duvida… quero levar minha sobrinha de 9 anos p disney no final do ano… ja tirei o passaporte dela, só falta o visto que está marcado p dia 25 de julho em Brasilia… Nós moramos no interior de sp e os pais dela além de não terem passaporte nem visto, não estrão presente p entregar os documentos…preciso levar algum tipo de autorização dos pais dela no casv?!?! só quem estará presente sou eu e os avós paternos!

    • Sim Livia, você vai precisar tanto para o visto como para embarcar com ela, de uma autorização de viagem, emitida pelo juizado de menores. Essa autorização deve ser providenciada pelos pais ou responsáveis legais. Para conseguir essa autorização, leia todos os passos em um post aqui no VOB. Boa sorte!

  14. Mauricio disse:

    Olá João, tenho algumas dúvidas sobre o visto:

    Eu irei para a Disney junto de meus tios, primos e namorada em novembro. Entretanto, minha namorada, apesar de ser funcionária pública há um ano, ganha pouco e sou eu quem irá patrocinar a viagem dela. Além disso, ela não declara IR porque é isenta. Nossas dúvidas são as seguintes:
    – Ela terá que mostrar o IR mesmo sendo eu o patrocinador? E se pedirem, o que podemos fazer?
    – Meu salário é de 2.900 reais, você acha que eles podem achar pouco para bancar duas viagens? Preciso ter muita grana na conta?
    – O fato de eu ter dupla cidadania (portuguesa) pode contribuir para concederem o visto? Estou indo com ela na entrevista porque disseram que seria mais fácil para ela conseguir comigo junto.

    Obrigado!

    • O seu salário é bem baixo para bancar essa viagem para dois, mas se tiver um boa poupança, é possível que consiga. Duas cidadanias não deve ter nenhuma influência, a princípio!

  15. Graziele disse:

    Em meados de setembro, vou fazer uma aplicação para o visto J1 e gostaria de pegar o de turista ao mesmo tempo. Gostaria de saber se você acha que pode surgir alguma complicação na entrevista em decorrência disto.

    • Graziele, não faz sentido pegar o J1 e o B1. Vai ficar meio confuso para o consulado, você não acha? este visto já lhe dará direito a viajar pelo país. Não misture as coisas, ok?

      • Graziele disse:

        Olá João Lucena. A questão é que irei para o Canadá quando terminar o J1 e somente depois voltar para Nova York. E como o J1 não me permite sair do país e depois voltar, por isso a dúvida e a necessidade de tirar os dois ao mesmo tempo.

        Liguei para o consulado e eles disseram que consigo tirar os dois tipos de vistos no mesmo dia e sem problemas, só tenho que ir com a taxa paga e durante a entrevista, mencionar a outra necessidade, que será justificada. Inclusive, terei o visto recém tirado para o Canadá já no passaporte. Só queria saber na realidade, se isto me traria alguma complicação na entrevista, principalmente com o J1.

        Mas obrigada.

        • Neste caso, você terá a justificativa, então não terá problema nenhum, mesmo porque o próprio consulado já te deu sinal verde, certo? Só que você não havia mencionado essa viagem para o Canadá, no comentário anterior, portanto falei sobre a não necessidade, ok. Boa sorte!

  16. Jessica disse:

    Oi,

    Em 2011 viajei para Chicago e fui com o visto de estudante (F1), agora quero retornar como turista (B2), neste caso devo renovar o visto ou tentar como se fosse a primeira vez?

    • Jessica, você vai tirar um visto em uma categoria diferente, porém não precisa tentar esconder que já esteve nos US. Mesmo porque eles sabem que você morou lá. Na entrevista deve sempre falar à verdade. Esse é um visto novo e não é afetado em nada, pelo fato de ter morado la’. Boa sorte!

  17. morena disse:

    Ola joao

    Bom fiquei na california ilegal por 06 anos, depois de passar os 10 anos de penalidade dentro do brasil, sera que terei condicoes de voltar, alias de conceder o visto novamente para passear.., retornei em 2005 e pretendo tentar o visto no proximo ano,, dai nao sei se essa penalidade e pra sempre, agradeco se puder me responder

    • A penalidade como você chama, é o seguinte. Quando for tirar m visto novo, eles vão encontrar que você morou por tantos ilegal, e o seu visto não será cooncedido, na maioria das vezes. Mas tente, não custa nada! Boa sorte!

      • morena disse:

        olha nao entendi, mais ja tive um visto negado, dai na epoca o consul disse que somente em 2016 eu poderia retornar para tentar novamente, por isso eu estou na duvida, depois de 10 anos e dificil conceder assim o visto?? ou se tiver alguem ai que conseguiu o visto depois de 10 anos pode me responder??

        • Morena, quando você mora aqui, seja por que tempo for, os seus dados sempre estarão a disposição do consulado para conferência. O que quero dizer é que é bem possível que os seus dados ainda estejam alualizados e eles saberão que você morou aqui ilegalmente, e por quanto tempo. Por isso que é difícil você conseguir um visto. falei difícil, não impossível. Mas só vai saber se tentar. Boa sorte!

  18. ana disse:

    Joao, tenho um irmao de 19 anos que quer vir estudar nos EUA, meu marido e eu aplicamos em uma faculdade americana como sendo os custeadores dele aqui e o I-20 dele deve chegar daqui ha algumas semanas. Vc acha que pelo fato de eu viver nos EUA eles nao darao o visto de estudante pra ele? Ele faz faculdade, tem carro, e faz estagio. Como eh muito jovem eh obvio que nao tem imoveis no nome dele e por que comprovar que esta trabalhando se esta tentando um visto que vai ser usado pelo menos por 4 anos? Acho incoerente, mas enfim quem entende a cabeca dos agentes consulares?

    • Não acho isso ana. Se você está aplicando para ele vir estudar, é porque você pode banca-lo. Assim ele vão olhar essa aplicação. Porém, seria importante você ter como comprovar que vai bancar o seu irmão durante a estadia dele aqui. Aliás, quem vai pagar a faculdade etc. Todas essas questões você deve teve ter em mente como respondelas, ok? boa sorte

      • ana disse:

        Pois eh Joao, ja tivemos que comprovar pra ter o I-20. Taxas, carta do contador afirmando o salario anual, depositos bancarios, movimentcao em conta. tudo isso eh pedido pela faculdade aqui. Mas, segundo a opiniao de algumas pessoas, ele esta numa idade complicada e por ter uma irma vivendo aqui, eh o pior que poderia lhe acontecer.

        • Não é o pior o fato de ter uma irmã vivendo aqui. Isso na verdade pode ser um fato positivo, se a irmã for legal e tiver como comprovar que vai bancar os custos financeiro dele, enquanto morando nos Estados Unidos. Para isso deveria apresentar o Incometax(IR) americano, endereço fixo etc. Matrícula dele na escola e os fundos para despesas…etc!

          • ana disse:

            Vc esta me deixando feliz com essas respostas. Peguei o I-20 hj. as taxas, endereco, fixo e carta de aceitacao da faculdade tudo juntinho pra ser enviado. Vamos torcer pra que nao de zebra. Um grande abraco e obrigada pela resposta positiva.

  19. Francisco Junior disse:

    Bom dia, tenho empresa registra como empreendedor individual em meu nome a 2 anos no ramo de Buffet, tenho um bar na minha cidade e sou formado no curso superior de gastronomia.
    Meus tios são donos de 2 empresas nos e.u.a, qual a chance de eu conseguir o visto se eles me mandarem uma carta como se eu estivesse indo fazer um avento na casa do prefeito da cidade onde eles moram e com a assinatura dele?
    abraço

    • Francisco Jr, não vejo porque você não conseguiria o visto. Mas o mais interessante seria conseguir uma carta da prefeitura desta cidade. Você será convidado da prefeitura e não do seu Tio, se é você me entende. Vamos facilitar as coisas pra você, ok?

  20. Luiz disse:

    Olá, tudo bom? Eu tenho 27 anos e sou autônomo, trabalho com internet e free-lancer e meu pai vai financiar a minha viagem, meu pai tem diversos imóveis, carros e chácaras no nome dele, eu levando uma declaração que ele vai pagar a viagem e o imposto de renda dele eu tenho chance de conseguir o visto? Muito obrigado pela ajuda! =D

    • Luiz, o interesante no seu caso seria o seu pai tirar o visto também, mesmo que ele não viage. Se você for sozinho, existe a possibilidade de não ganhar o visto, já que ele é quem vai pagar. Não esqueça que eles querem que você prove o seu vínculo com o Brasil e você não têm essa prova, pois é autônomo! Boa sorte!

  21. mpaulo disse:

    Olá joão, tentei o visto com minha esposa em fevereiro mas infelizmente não foi concedido, estamos pensando em fazer outra entrevista daqui um mês e gostaria de saber se você tem algumas dicas pra autônomo ql documento levar? e no caso congregamos em uma igreja é valido levar algo relacionado a isso oq seria interessante? e também minha mãe pensa em viajar para conhecer conosco, porém ela já é de idade e faz tratamento isso pode ser dado como vinculo para ela? desculpe tantas perguntas mas esperamos conseguir desta vez, obg

  22. Vanessa disse:

    Oi! Tenho uma dúvida. Sou funcionária do Banco do Brasil. O que devo colocar como categoria de profissão? Governo, Negócios ou outros?

    Agradeço desde já!

    • Vanessa, acho que você é funcionária pública

      • Vanessa disse:

        Oi João! Obrigada por responder! Mas minha dúvida é em qual categoria colocar… Governo mesmo? Pois essa seria a mais próxima de funcionária pública… Já que é funcionário público é diferente de servidor público…

        • Você pode colcar Governo mesmo e ao te perguntar, na entrevista onde trabalha, fale Banco do Brasil, ok? Boa sorte, não têm segredo!

          • Vanessa disse:

            Obrigada João! Só mais uma dúvida! Meu esposo está cursando faculdade, mas no formulário pedem uma data de conclusão que não pode ser futura. Colocamos até a data do ultimo semestre cursado ou não incluimos esta informação no formulário? Somente levamos para a entrevista?

            Obrigada mais uma vez.

        • Marcos Paulo religião não combina com nada aqui.. . quanto a sua situaão também não vejo nada de especial e não existe nenhum documento especial que seja beneficiente para um autônomo. O que você precisa provar é a sua ligação com o Brasil. O que vai fazer você voltar dos EU para o Brasil. É isso que eles querem saber. Como autônomo é meio difícil provar isso e foi o que fez eles negarem o seu visto. Boa sorte!

  23. Tamara disse:

    João,

    Meu filho morou 9 meses na Florida com 2 filhos (2 anos e10 anos+esposa),renovaram a I94 por lá, contudo o visto dele venceu e voltou ao Brasil.
    Após estar no Brasil 30 dias tentou voltar pois deixou a familia na Florida.Seu visto de turista foi negado.O oficial do consulado perguntou da familia …, ele respondeu (mentiu) que estavam aqui no Brasil. Meu filho mencionou no formulario que tinha um tio lá (verdade) .Será esse o motivo de terem negado?Ele está desesperado pois deixou os filhos e chora muito de saudades. Precisa voltar.Se ele disser a verdade que a familia está lá, poderá ter o visto mais facilmente?Quando poderá tentar o visto novamente? É de cortar o coração vê-lo assim deprimido.

    • Tamara, desculpa a demora… Sim esse é o motivo de negarem o visto dele. Eles no Consulado sabem que a família do seu filho esta nos EU e ele não vai conseguir o visto, posso te garantir. Mas ele pode tentar todos os dias se quiser, não existe um prazo para tentar denovo. Boa sorte pra ele…

      • Tamara disse:

        Ola João

        Agradeço sua resposta,fiquei muito triste!
        E se ele tentar outro tipo de visto?

        um abraço,e obr.

        • Acontece Tamara que no Consulado eles têm todo o histórico do seu filho morando nos EU. Ao colocar o nome dele no PC, eles terão o mapa da vida dele e ai fica a criterio do Consulado para dar ou não o visto. Quem sou eu para julgar esse caso, né?

  24. Marcos P. disse:

    Olá João gostaria de tirar uma duvida, sou filho unico e casado, nós estamos no meio da Facul e ela estagia, minha mae viuva advogada/func pub tenho a casa em que moro e outra que alugo.. e tive que sair do emprego pra gerenciar outras casas de minha mãe e negocios do dia a dia dela de adov. porém no caso faço alguns serviços para pessoas fisicas e pego comprovantes porem o contador recomendou por na IR, no caso devo colocar esse trabalho na DS160 ou apenas que estudo? apenas a IR serve de documento de rendimentos? pq o dinheiro em si aplico no dia a dia então não fica em conta etc. Obrigado!

    • Marco, desculpe pelo atraso na resposta. Acho que você deveria colocar todos os seus ganhos no IR. É isso que eles querem para comprovar a sua ligação com o Brasil. Sei que estudante, mas somente isso não té dar muito respaldo para conseguir o seu visto de viagem, ok?

      • Marcos P. disse:

        Opa mtu obrigado pela resposta. também pensei nisso é uma renda a mais e vou declarar no IR agora,

  25. Olá João. Estou planejando uma viagem aos EUA. Vou tirar o visto nos próximos dias. Meus vínculos com o Brasil são, matrícula efetiva na universidade. E tenho histórico acadêmico pra comprovar que ainda tempo tempo pendente para concluir o curso na universidade, cerca de 700 horas/aula pendentes. Também dou aula como professor de inglês no núcleo de línguas de outra universidade. Para comprovar tenho apenas o contrato de trabalho, que é de 4 meses renovável por mais um ano. (O problema é que não os 4 meses vencem exatamente quando estou planejando viajar, será que a cláusula ‘renovável por mais um ano’ pode complicar minha situação?) Tenho movimentação de cerca de 1500 mensal reais na conta entre o que recebo do trabalho como professor e bolsa paga pela universidade. Além de economias que tenho feito há um tempo. Quando for para a entrevista, terei cerca de 3 mil a 4 mil reais em conta. Terei também reserva de hostel para mostrar no dia. Você acha que meu vínculo maior sendo a universidade, tenho boas ou más chances de ter o visto aceito? Ah, outra coisa, já morei um ano nos EUA com visto J1, morei na Philedelphia e voltei no tempo determinado, sem nenhum problema, e a cidade que visitarei será outra, NYC no caso, fora não ter nenhum vínculo no país. Planejo uma viagem de 10 dias, para sightseeing e compras.

    • As coisas lhe são favoráveis Cleber. estudante, professor, já viveu aqui mas voltou dentro do prazo etc. A única coisa que não gostei muito é o salário e reservas, mas nada para você se preocupar. vai conseguir… Boa sorte!

      • Obrigado João. Os números que falei foram um pouco por cima, posso acabar tendo mais em conta. Sobre o formulário DS-160, na parte de contato no exterior, não consigo marcar ‘DOES NOT APPLY’, nesse caso deveria colocar informação de onde ficarei hospedado nesses campos (no caso hostel)?

        • Outra coisa, faria mal eu dizer que minha mãe ajudaria a pagar a viagem? Ela é professora aposentada. Tem renda de quase 3 mil reais, e declara imposto de renda. Uma amiga minha que já tirou vários vistos disse que eu deixasse isso de lado e dissesse que eu mesmo iria custear a viagem, pois dizer que alguém mais ajudaria poderia atrapalhar. E outra pergunta que até já fiz aqui, se eles vão pedir pra ver o limite do meu cartão, e tive a resposta que não, eles não pedem pra ver o limite do seu cartão. Pois como não terei passagem ainda na data da entrevista, alegarei que vou comprar no cartão de crédito. Mas como será no cartão de crédito de um amigo, pois o meu não tem limite suficiente pra passagem, não poderia mostrar o limite do meu.

          • Eles não pedem pra ver limite de cartão ou coisa do tipo. Apenas pra ver o cartão, em alguns casos. Sim, é verdade, mas o que você poderia fazer e, ai vai te ajudar, é tirar o visto junto com a sua mãe, mesmo que ela não viaje. Isso seria bem positivo. Não diga que outra pessoa vai pagar a sua viagem, não é bom, realmente!

  26. LHC disse:

    Oi João, como vai? Fui selecionada para um programa de voluntariado nos eua, num santuario de animais. Eu me comprometi a permanecer por um ano e eles me fornecerão acomodação, comida e uma pequena ajuda de custo mensal. Ainda não fiz o pedido de visto, mas pensei em pedir o visto B-1 para trabalho voluntário. Estou aguardando uma carta do santuário declarando que eu irei pra la e terei acomodação e tudo mais. O santuário está classificado como non-profit charity organization, tal como diz que tem que ser nas especificações para o visto B-1. O que vc acha? é possivel conseguir o visto e permanecer por um ano sem ter que sair do pais? obrigado.

    • Claro que é LHC, você têm todo o respaldo da organização, o que quase que garante o seu visto e ainda pode, por cima, ganhar uma grana. Bem acho que ficar por um ano é bem legal para aprimorar o inglês, conhecer a cultura etc. Boa sorte!

  27. Ariane disse:

    Preciso de ajuda.. tenho 21 anos, meu visto foi negado por nao estar estudando, nem trabalhando, ou seja, falta de vinculos com o Brasil…isso mesmo alegando que meu pai iria pagar a viagem..
    confesso que arrisquei absurdos..mas nao entendia direito como funcionava..acabei pagando caro por isso..
    mas minha duvida é.. se eu conseguir um emprego ainda esse mes de FEVEREIRO e tentar tirar meu visto la pra JUNHO.. sera que consigo ? meu medo é o pouco tempo de serviço, apenas meses, isso é motivo pra eles negarem ? vou começar a estudar tbm ! mas tenho a mesma duvida dos estudos (pouco tempo). Minha viagem é pra Outubro.. posso ter esperanças ? Obg desde ja..

    • Esperança é sempre válido, Ariane, porém você chegou aqui depois de cometer o erro e, não posso te dar certeza de que vai pegar esse visto ainda esse ano. Pra te falar a verdade, é bem possível que não, mas tentar sempre e sempre, sem desistir. Como você já comprovou que não têm vínculo, não adianta chorar a água derramada. Você já respondeu a sua pergunta, “pouco tempo”. Há que haver um histórico e ele não se constroi em alguns 6 meses. Boa sorte!

  28. ronaldo jack disse:

    Brigado João qualquer duvida te chamo novamente.

  29. ronaldo jack disse:

    Olá João tudo bem? Meu nome é ronaldo e tenho varias duvidas, estou querendo ir para eua, ainda terei que fazer meu passaport mas a minha duvida é quanto a questão do visto vou me formar no curso superior esse ano isso pode ajuda a retiralo? e não tenho como comprovar uma renda alta porque estou estágiando mas estou guardando dinheiro a um bom tempo, isso teria algum problema?
    Pretendo ir em novembro de 2015!
    Obrigado aguardo sua resposta

    • Como ainda tem um logo tempo até sua viagem, deve fazer um histórico de trabalho e renda que vai te ajudar. Quanto ao ser Universitário, pode e não te ajudar. Não atrapalha, é claro. O mais importante Ronaldo, é um vínculo forte com o Brasil. Exemplo; Trabalho bem renumerado. Imposto de Renda, Bens móveis etc.

  30. Stefanie disse:

    Boa tarde,

    Meu nome é Stefanie, tenho 21 anos e sou corretora de imóveis:

    Estou planejando dar de presente aos meus pais uma viagem para Miami, onde eu vou arcar com todos os gastos (passagens, hotel, compras e passeios).

    Porém estou com dúvida ao preencher o formulário DS 160 que pede uma renda mensal, sendo que eu não possuo… eu só recebo algum dinheiro quando fecho uma venda, o que devo colocar?

    Não faço faculdade, não sou casada e nem tenho filhos, não tenho imóveis ou carros em meu nome, não declaro imposto de renda, nem nada… estou com muito medo de ter meu visto negado.

    O máximo que tenho são meus extratos bancários da minha poupança, que apesar de terem uma quantia em dinheiro, não possuem movimentação (já que não é todo mês que vendo um imóvel).

    Fico também apreensiva na hora da entrevista ele perguntar minha renda ou pedir para comprová-la… o que eu posso fazer, dizer ou até mesmo levar no dia (documentos)?

    Desculpe-me caso a dúvida seja bobinha, mas é que essa vai ser minha primeira viagem ao exterior e estou meio perdida.

    Agradecida desde já.

    • Stefanie, leia o post aqui no Blog, Como preencher o Formulário DS-160, lá explica tudo, mas as informações devem ser em inglês. Se ainda tiver dúvida, faça sua pergunta lá, ok?

      • Stefanie disse:

        Ok 😀

        Muito obrigada.

      • Você pode também colocar um renda aproximada e na entrevista explica que você é corretora de imóveis. Leve extratos bancários, cartões etc.

  31. Olá João, tenho alguma dúvidas:

    Quem irá comprar minha passagem é um amigo, pois meu cartão não tem limite suficiente. Não gostaria de comprar antes de ter o visto concedido. Na entrevista devo apresentar extrato da conta corrente, contento o um alto valor que cobrisse um suposto valor de passagens? Ou basta ter uma quantia razoável para custear os dias que planejo para a minha viagem? Posso alegar que comprarei as passagens no meu cartão de crédito? Meu cartão é internacional. Nesse caso, eles pediriam para ver um comprovante do limite de crédito do cartão?

    Tenho um emprego que paga R$400, mais R$400 reais de bolsa da universidade, mais uma certa quantia que tenho guardada, no meu extrato constará uma quantia plausível para a quantidade de dias que vou ficar lá, fora os extratos com movimentação dos últimos meses no nome da universidade que me paga a bolsa, e no nome de local onde trabalho. Como comprovante de renda terei apenas isso, o contrato do trabalho e os extratos. Terei uma carta dizendo que retornarei para o segundo semestre do ano (pretendo viajar em junho). Para comprovar vínculo, terei declaração de matrícula na universidade.

    Devo ter uma reserva em hostel para mostrar? Ou apenas dizer que vou ficar em hostel? Como no caso do comentário anterior, vou ficar em casa de amigos lá nos EUA. Mas já sei que não devo comentar que conheço ninguém para onde vou. Isso pode complicar por que já morei na Filadélfia por um ano, mas já soube que é melhor dizer que vou para NYC, por se tratar de cidade mais turística, e de ser mais fácil de acreditar que eu não connheço ninguém lá que se eu disse que vou pra Filadélfia mesmo.

    Será que tenho a chance de ter o visto negado?

    Desde já agradeço.

    • Olha Cleber, com esses valores ai que vc está me mostrando, corre um grande risco sim, Por outro lado, como estudante ainda existe uma esperança. Mas mesmo assim, eles querem saber da sua vida financeira, que é na verdade a úncia coisa que comprova que têm uma vida estável no Brasil. Não vou te desencorajar, pois toda regra têm exceção. Mas se quer ir seguro, preccisa pensar melhor para melhorar a situação financeira. Com esse valor de R$800 por mês, eu tenho minhas dúvidas. O cartão de Crédito, pode apresentar o seu, eles não vão checar, e boa sorte!

      • Obrigado pela resposta rápida João. Eu realmente pensei que esse valor fosse baixo. Porém mesmo tendo um bom dinheiro na conta que seja suficiente pros dias que planejo viajar você ainda acha arriscado? Nesse caso deveria então buscar uma nova fonte de renda até a entrevista que pudesse comprovar.

        • Cleber, leve os seus extratos de contas e cartão de crédito, já que têm uma boa quantia no banco. Isso também vale, falou?

  32. Obrigado João! Li bastante sobre as dúvidas frequentes ,inclusive quero lhe elogiar,pelo excelente trabalho desenvolvido. Tenho receio do visto ser negado pelos motivos da minha pergunta anterior e porque o destino que escolhi para turismo não é usual,e o tempo de permanência de 2 semanas ,algumas pessoas me orientaram a reservar um hotel ou um hostel para indicar no formulário,e mesmo para terem uma segurança maior. No entanto ficaria hospedada na casa desse casal de amigos,no caso americanos mesmo.Você acha que se eu os menciona-los,teria algum problema? Quanto ao hotel,seria seguro colocar no formulário ?

    • Maryelle, não deveria mencionar que vai ficar em casa de amigos. Por outro lado, Reservar um hotel é uma boa dica. Faça isso.

  33. João boa tarde,tudo bem? Tenho 26 anos,e pretendo ficar 15 dias em Nashville /TN ,para Turismo ,no entanto irei sozinha , tenho conhecidos na respectiva cidade, sou estagiária e recebo uma bolsa auxílio no valor de R$ 1.210,00,já possuo uma graduação e estou no 5º período do curso de Direito,não tenho bens em meu nome,e sou isenta de imposto de renda,a viagem será custeada por mim,possuo cartão internacional.Conversei com o agente de viagens o mesmo me informou que seria melhor eu tentar tirar o visto antes de comprar as pasagens,você acha que consigo ter o visto concedido,mediante tal situação?

    • Claro Maryelle, como você é estudante e ainda têm uma renda, emsmo sendo baixa, você conseguirar. O segredo, no seu caso, é a entrevista. Nesta hora você pode botar tudo a perder, ou ter sucesso. Não minta em nenhuma situação, e seja firme em suas respostas. Leia outros comentários aqui, para saber como eles procedem na entrevista. Têm muito materia que vai te ajudar. Boa Sorte!!

  34. Jessica disse:

    O comentário abaixo foi o primeiro que deixei no seu blog,não informei meu estado civil nele,você está me confundindo com outra pessoa

    Jessica disse:
    10 de janeiro de 2014 às 12:08
    Tenho registro em carteira no valor de R$ 1150,00 mas tenho renda como autônoma vendas de roupa no valor de 2.000, no formulário coloco a renda total ou somente a registrada? Como deveria inserir que sou autônoma também no formulário ? Irei declarar no imposto

    • Entao desculpa, te darei uma resposta condizente com o seu caso logo em seguida, ok?

      • É bom informar todos os seus ganhos. se você tiver um IR que mostre os seus ganhos, isso vai te ajudar. Mas se não tiver nenhuma forma de comprovar esse ganho, pode não fazer nenhuma diferença. Aconselho fazer o IR deste ano e colocar esses ganhos para somar na sua renda, já que o trabalho de autônoma não têm registro em carteira. Mas parece que é jovem, ainda vai se matricular na Univ. Essa matrícula pode te ajudar bastante, mesmo sendo considerada uma imigrante em portencial.

  35. Jessica disse:

    olá João,eu sou solteira,acho que você está me confundindo com outra Jéssica,pois o comentário que deixei foi referente a renda como autônoma,não deixei outro comentário

  36. Jessica disse:

    Olá João,obrigada pela resposta,vi que no formulario so tem espaço para profissão e renda.sem espaço para por outras rendas,irei declarar no meu imposto 3150,00,2.000,00 autonoma e o 1150,00 do registro em carteira ,coloco nome da empresa,cargo e coloco a renda 3150,00 mesmo estando somado a de autonoma?sera que dara algum problema ja que terei que explicar que esse valor não é so do meu trabalho,mas de autonoma tambem? Trabalho na empresa a 3 anos,só que de registro tenho 1 ano e meio.

    Antes da entrevista ja estarei matriculada em faculdade,e ja estarei com a declaração do imposto em mãos,25 anos,solteira,sem filhos,moro com minha mãe e vó,tenho um carrinho no nome,apenas isso.Acha que minhas chances são poucas? Quanto viagens internacionais irei para a Argentina somente em setembro e ja estou com passagens compradas.

    • Você era casada mas já ficou solteira… Jessica, preste atenção, você já está mudando todo o roteiro da sua entrevista. Antes você era casada e agora está solteira. É dificil te ajudar assim. Se não manter as informações, sinto muito. A cada comentário você muda a história. Você deveria procurar um despachante, não tenho como te orientar. Ok? Boa Sorte!!!

  37. Jessica disse:

    Tenho registro em carteira no valor de R$ 1150,00 mas tenho renda como autônoma vendas de roupa no valor de 2.000, no formulário coloco a renda total ou somente a registrada? Como deveria inserir que sou autônoma também no formulário ? Irei declarar no imposto

    • Jessica, se vai declarar IR nos seus ganhos totais, você deve coloca-los no seu formulário, que seria os R$2.000. Mas tem que provar isso na declaração. Ou seja, as contas devem bater…

  38. Isabella Mello disse:

    Ah outra dúvida minha mãe possui casa própria e declara IR eu sendo casada é interesssante levar essas informações?

    • Não involva sua mãe, você é casada e como tal deve proceder o seu processo. Bem, como são jovens, o risco é maior de ser negado, Mas você é estudante, leve as provas de que estar matriculada na universidade, Ele as provas de que é militar e o IR, é muito importante. Como ainda tem um certo tempo, você vai poder aprender mais sobre a entrevista, que vocês devem fazer juntos, ok? e por ai adiante. leia outros comentários aqui em baixo que vai te ajudar bastante.

  39. Isabella Mello disse:

    Oi João adorei o seu blog!
    Se você poder me ajudar, a minha situação é a seguinte, planejo uma viagem para Orlando com meu esposo para o fim do ano que vem, em razão de querem passar mais de uma semana na cidade e conhecer todos os parques nosso planejamento financeiro começou já.

    Ocorre que não temos visto e tenho muito medo dele ser negado.
    Eu tenho 24 anos, e a época da viagem terei 26, sou estudante universitária na graduação de bacharel em Direito, faço estagio pela prefeitura da cidade onde moro com uma bolsa auxilio de R$ 623, sou isenta de IR; meu esposo tem 23 anos, a época da viagem terá 25, é militar, Cabo da Marinha do Brasil tem contracheque com soldo de R$ 1809,00 mas como foi promovido a cabo a pouco tempo só declarará o imposto ano que vem (até a graduação de marinheiro era isento). Não temos casa própria em razão dele sendo militar nos mudarmos e
    ainda não possuirmos carro, moramos de aluguel, não temos filhos.

    Acha difícil conseguirmos o visto? o melhor seria irmos a entrevista juntos ou separados?

    Pretendemos custear nossa própria viagem, utilizando toda minha bolsa auxilio + parte do salario dele.

  40. Daiane disse:

    vc acha q ela deveria escrever uma carta dizendo que vai pagar minhas despesas???

    • Maria disse:

      Poxa, veja bem… Você está desempregada, estudando para concurso, sua mãe te banca e vc ainda pretende passar as férias na Disney, bancada pela mamãe? Fala sério! Usa esse tempo de “férias” (entre aspas porque só tira férias quem trabalha) e usa para estudar mais, 38 aninhos na aba da mãe é uma vergonha.

  41. Daiane disse:

    Oi João Lucena! q otimo esse site! Parabens! Agora veja se pode me ajudar!
    Estou desempregada desde nov/2012, tenho 38 anos, formada em Administração com registro no CRA, tenho conta corrente a mais de 10 anos (porem, ultimamente sem mta movimentação) e cartões de credito (Visa e Master) internacional com limites altos, e uma biz em meu nome. Durante esse intervalo de nov/2012 ate agora estou estudando para concurso (tenho os comprovantes de pagamento para provar q estou estudando), mas ainda nao fui aprovada dentro do total de vagas, somente classificada (nao sei se isso iria implicar em alguma coisa, meu nome sair na lista dos primeiros classificados). Minha mae, funcionaria publica federal aposentada, viuva, 66 anos. Moro com minha mae, ela quem me sustenta, mas nao sou dependente dela no IR, eu declaro IR, mas como isenta, ja q ultimamente nao atingia o valor. Pretendo viajar para a Disney em maio. Todos me falam q se eu nao estiver trabalhando registrada será praticamente impossivel conseguir o visto. Entao o q fazer? eu teria chance de conseguir o visto se o tirasse junto com a minha mae e dizer q estou viajando com ela e ela quem vai pagar minhas despesas??? ou fazer um decore (isento do IR) e dizer q estou prestando serviço??? entao, tenho saída??? rsrs. Abçs

    • Diana, a resposta é… tentar esse visto com a sua mãe, pois você não têm nenhum vínculo com o Brasil. Mesmo assim, corre o risco de não ser aprovado. Falei corre o risco. Não é pra você ficar assustada. Tentar nunca é demais. Boa sorte!

  42. José Souza disse:

    Olá pessoal.
    Hoje fui ao consulado aqui em São Paulo, pois moro a 100km da capital e quero compartilhar minha experiência com os leitores do blog e em especial o João pelas ótimas dicas.
    Antes de resolver solicitar o visto americano, pesquisei muito na internet até acha o esse blog.
    Pois bem, no dia 15/12/2013, preenchi o DS 160, meu da minha esposa e minha filha de 2 anos. Gente o DS tem que ser preenchido em inglês, sob pena de ser recusado.
    Pois bem, após o preenchimento, resolvi para a taxa via boleto bancário, pois só de IOF, eu ia gastar uns 30 dólares a mais.
    Eu e minha esposa somos funcionários públicos, eu também sou advogado. Hoje na entrevista foi super tranquilo , o agente consular foi super simpático, fez poucas perguntas, não olhou qualquer documento, apesar de ter lavado uma pasta cheia.
    Foram as seguintes perguntas:
    AC: Bom dia.
    Nós: Bom dia.
    AC: O que vcs vão fazer nos EUA?
    Nós: Turismo
    AC: Vcs são casados?
    Nós: Somos
    AC: O que vcs fazem?
    Eu: Advogado e funcionário público.
    Minha esposa: funcionaria pública.
    AC: Para onde vão?
    Nós: NY
    AC: Quando?
    Nós: Abril
    AC: Vcs tem casa própria?
    Nós: Sim
    AC: Vcs vão para Orlando?
    Nós: Não, NY.
    Agente consular digitou um minuto, e pediu para eu colocar minhas digitais, e falou que o meu visto e da nossa filha estava aprovado, porém na hora de aprovar o visto da minha esposa, falou que o sistema caiu. Achei estranho, porém, tinha a certeza que tudo que estava descrito no DS 160 é verdade, bem como tinha a documentação que comprovavam os fatos alí descrito.
    O agente consular perguntou se nos queríamos marcar outra entrevistas ou poderia esperar por umas duas horas até o sistema voltar. Resolvemos esperar e quando voltamos, o visto foi aprovado sem que o agente consular fizesse mais nenhuma pergunta.
    Não sei o que de fato aconteceu, mais o importante é que os vistos foram aprovados.
    Acho que o mais importante é vc falar a verdade, sempre à verdade que tudo dará certo, afinal, só vamos fazer umas comprinhas, pois apesar de novos, temos toda uma vida aqui, bem como seguranças em nossos empregos.
    Outra coisa que achei muito legal, foi a agilidade no procedimento, pois em 11 dias, fiz todo o procedimento.
    Obrigado João.

    • É muito bom saber que as dicas do Viajando Online blog têm ajudado muito gente, incluisive você josé. Parabens pelo visto e pode contribuir divulgando o nosso site. Boa viagem!!!

  43. José Sousa disse:

    Valeu João. Fiquei na dúvida pq os holerites dela essa ano, consta R$ 4.400,00 e não R$ 4.200,00 como coloquei no DS 160.

    obrigado.

  44. José Sousa disse:

    Olá João. Estou com uma dúvida. Tenho entrevista agendada para o próximo dia 26, eu minha esposa e minha filha de 2 anos. Acontece que foi eu que preenchi os DS 160, e coloquei que minha mulher ganha R$ 4.200,00, quando na verdade ela ganha R$ 4.400,00. Ela é funcionaria publica. Vc acha que isso vai interferir na concessão do visto? Coloquei R$ 4.200,00 com base na declaração de imposto de renda dos ganhos do ano passado. Desde já agradeço a atenção.

    Grande abraço.

    José Sousa.

    • Melhor ainda pois as informações batem com o IR. Está tudo certo!

  45. FERNANDA disse:

    Alguem sabe me responder quantos dias tenho p pagar o boleto depois de emitido?

    • José Sousa. disse:

      Uns três dias após a emissão. Tmb paguei via boleto.

      José Sousa

  46. Carla disse:

    Veja minha situação: Tenho um relacionamento de 13 anos e uma filha de 3 anos, mas não moramos juntos. Faremos a entrevista juntos?

  47. Luciana disse:

    Olá, boa tarde.
    Eu fui para minha entrevista esses dias e tive meu visto negado.
    Acredito que no primeiro ponto eu não passei confiança, já tinham sido 4pessoas negada para a mesma consul que iria me atender e fiquei morrendo de medo. Em seguida ela me pergt pra onde eu iria e no formulário eu tinha colocado Nova York, mas na hora eu respondi Miami 🙁
    ai ele na mesma hora disse: No seu formulário tem Nova York.. ai eu: Sim, pretendemos passar nas duas cidades. Ela me pergt tbm se eu já tinha viajado pra outro pais, e eu disse que sim, mt nervosa por já ter me complicado. Mas no formulário eu coloquei e não.

    Enfim, acredito que esses erros, acarretaram na recusa do meu visto. Já que ”eu na verdade mentir pra ela”..

    Ela me deu a carta 214(b)
    vocês acham que ele pode ter escrito algo a respeito da ”mentira” e que na minha próxima tentativa eu posso ser negada?

    Abraços.

    • Luciana, se você tivesse chegado por aqui antes, não teria feito esse besteira, né? Agora me responda, como você coloca uma informação no formulário e dar outra resposta para a entrevistadora? Pra você faz sentido? Mas não é o fim do mundo, apesar de suas informações estarem lá, resgistradas. você deve esperar um pouco e tentar novamente. Mas você precisa ser sincera, assim como na vida…Boa sorte!!!

  48. Elite Araujo disse:

    Tive o visto negado pro estados unidos mas fiz outras viagens pra outros lugares
    De feris turismo isso aumenta minhas chances de uma nova tentativa?

    • Com certeza Elite. Tudo ajuda, desde que seja algo positivom ok?

    • Com certeza Elite. Tudo ajuda, desde que seja algo positivo ok?

  49. Polly disse:

    Olá João Lucena,muito bom os posts.
    Tive visto de estudante (1999) e fiquei somente 1 mes, tempo do meu curso. Depois obtive visto de turista e vivi ilegalmente nos USA (2000-2003) por imaturidade. Em 2004, quando fui a passeio com minha mãe,negaram minha entrada e tive punição de 5 anos,onde esta punição venceu em 2009.
    Minha dúvida que me consome e muito me frustra, se hoje na minha atual situação,estou com 32 anos, posso provar vínculos no Brasil, possuo casa própria, carro, terreno, uma renda razoável,me formei na universidade, já fiz várias viagens para Europa, inclusive tenho visto de trabalho vigente em Portugal.Hoje estou em uma relação estável a mais de 2 anos, conta conjunta,essa conta tem alta movimentação,cartões de crédito internacionais, limite de 25 mil reais cada,meu marido declara IR, possui bens, possui empresa de imp. exp.,casa própria.
    Sempre leio postagens e nunca encontro um caso parecido com o meu.
    João Lucena,voce já viu alguém com um caso de entrada negada por expirar o tempo de permanecia e depois essa pessoa conseguiu um visto de turista? Seria muito frustrante nao conseguir mais voltar a turismo nos USA, tenho saudades dos lugares, da comida, do povo em geral.

    • Polly, pessoalmente não, mas acho que você deve tentar o seu visto outra vez, mesmo porque hoje a sua situação é outra. O que deve fazer, caso eles perguntem durante a entrevista, é ser honesta qto ao tempo que morou nos EU, ilegalmente, mas acho que eles não perguntariam isso. Junte toda essa documentação e se dirija a entrevista, aposte na sua capacidade e vá em frente. Não custa nada tentar, apesar de existir a possibilidade de ser negado outra vez. É fato, ficar ilegalmente, diminui as possibilidades de conseguir outro visto, mas não elimina por completo. A sua situação financeira hoje, te favorece muito. Boa sorte!

      • Polly disse:

        Muito obrigada pela resposta.

  50. daniel araujo disse:

    Boa tarde,

    Tenho um visto B1 emitido ha 3 anos, e durante este periodo obtive um visto J1 que expirou em maio deste ano. Ja retornei ao Brasil e fui convidado pra ir a um Congresso em Novembro em New Orleans, e como ja tenho este visto B1 valido teria que solicitar novo visto? O J1 anulou o B1??

    Grato

    Daniel

    • Não Daniel. Veja a validade do seu B1, se for de 5 pu 10 anos, ele está válido e você pode viajar sem problema… não vai precisar de outro visto!

  51. Anna Clara disse:

    Tenho chances de ser aprovada?

    • Não existem especificações, é apenas uma carta, a qual você está sendo convidade para se hospedar com essa pessoa nos EU!

  52. Anna Clara disse:

    Essa carta convite tem que ser especifica? formataçao ou algo do genero?

  53. Carla disse:

    João, sou eu de novo. Acabei de ver uma passagem super promocional no péríodo dezembro/janeiro, que é a época que mais queria viajar. Vou tirar meu visto ainda esse mês, porém acredito que não teria dinheiro para estudar lá, apenas hospdeagem e passeios pelo país. Se eu for na entrevista e disser que estou indo para passeio somente (passar o Natal e Ano Novo) não é o suficiente? Tenho medo de dizer que vou estudar e eles me encherem de perguntas: aonde? quanto tempo? e não quero mentir.
    Uma coisa é certa, vou tirar o visto com minha mãe junto. Acredito que ela não terá interesse de tirar um visto para ela. Ela levará todos os documentos necessários.
    Só recaptulando: digo que vou viajar a passeio, minha mãe vai bancar meus gastos e vou só para passear. Assim você acha que consigo? A carta convite do meu tio não seria ruim, já que eles podem pensar que vou querer morar com ele?

    • Não entre em parafuso Carla, faça o lhe for mais conveiente, a coisa não é tão difícil como você pensa, vai para passear e faça o que eu tefalei que sairá tudo bem…

  54. Anna Clara disse:

    Minha tia é naturalizada, tem mais de 24 anos que mora la. Meu esposo não vai por causa da faculdade!

    • Que tal pedir a ela uma carta convite, a qual deve constar que vai custear da viagem e que vc vai ficar com ela, Ao mesmo tempo leve os ducumentos do seu marido que vai ficar no Brasil. Isso prova que você têm um vínculo com o país, falou? boa sorte…

  55. Anna Clara disse:

    Boa tarde!
    Tenho 23 ano, casa e com uma filha de 3 anos. Meu esposo cursa o curso de medicina. Tenho uma tia que mora em Los Angelis, quero visita-la, sem meu esposo. A viagem vai ser custeada por ela, eu nao declaro renda e meu salario é assinado como minimo, mas ganho em torno de 1600,00. pretendo ficar uns 15 dias. meu nome esta no spc. Por favor me ajude!!!!

  56. Carla disse:

    Oi João,tudo bem? Minha situação é a seguinte: tenho 21 anos, sou estudante de TURISMO e estou no 4º semestre. Sou estagiária de um Hotel a 5 meses. Moro sozinha em SP e quem me sustenta é minha mãe. Tenho um tio que mora a muito tempo nos EUA e trabalha como professor numa grande universidade em Raleigh, capital NC. Pretendo passar 1 mês nos EUA viajando,quero conhecer NY e depois ficar um tempo na casa do meu tio. Minha mãe é aposentada pela prefeitura de SP, ganha aproximadamente R$ 4000,00 e vai bancar toda minha viagem. Tenho uma poupança guardada já para a viagem em si. Tenho infinitas perguntas:
    1-É mais fácil para mim tirar um visto com um curso de inglês em vista ou visto de passeio? Ainda estou em dúvida se pretendo estudar lá ou não.
    2-A renda da minha mãe é muito pequena, ou o fato dela ter imposto de renda declarado desde sempre e ser aposentada como funcionária pública ajuda em algo?
    3-É favorável eu citar que tenho um tio que trabalha e mora nos EUA?
    4-Uma carta convite dele seria bom?

    Alguma dica acional?
    Desde já obrigada

    • Carla uma carta convite do seu tio acho que ajudaria e se você preferir estudar isso também ajuda, mas não é necessário você ir para estudar. O visto vai ser concedido se você provar que têm vínculos com o Brasil. No seu caso, você é estudante, isso é positivo. O salário de sua mais e a poupança que tens é suficiente para tirar visto, porém seria mais interesante vocês tirarem o visto juntas, mesmo que a sua mãe não viaje, ok?

  57. Fernando disse:

    Olá João!Em Junho de 2011 tive o visto negado, na época não tinha declaração de imposto que me foi solicitado.Trabalho na mesma empresa desde 2008 emprego simples (recepcionista hotel) e recebo salário bruto de R$1,900.Estou pensando em tentar novamente ano que vem porém seria muito frustrante levar outro não já que trabalho em um hotel franquia/marca americana e justo nos EUA tenho tarifa especial de colaborador nos hotéis da rede, além do trabalho não tenho bens/vinculos com o Brasil, mas também não tenho a menor intenção de morar nos EUA, tenho 30 anos, solteiro, nunca viajei pra fora, tenho declaração de IR e poupança com R$23.000, cartão internacional etc, o que acha?Tenho chance?

    • Parece que vc está e nao deve ter proble,as para tirar o seu visto, Fernando. com o IR as coisas ficam bem mais faceis, Ok

  58. Fernando disse:

    Fui ontem fazer a entrevista, não precisei apresentar nenhum documento…
    O agente simplismente perguntou em qual cidade eu iria, respondi que iria para NY pois é perto de Toronto, onde vou fazer o intercâmbio.
    Depois ele só perguntou quanto tempo ia ficar no canadá, se eu estudava ou trabalhava e pronto! visto concedido!

  59. Aline disse:

    Oii, gostaria de tirar uma duvida.
    Farei uma viagem a Disney custeada pelo meu pai, eu farei essa carta para provar vinculos no Brasil, eu queria saber se eu posso ir sem o meu pai no cartorio para reconhecer firma que sera reconhecida como semelhante. Eles aceitam a carta de custeio reconhecida como semelhante ou precisa ser autenticada ?
    Obriigada.

    • Altenticada Aline, e acho que pra isso o seu pai precisa estar presente no Cartório!

  60. Fernando disse:

    Boa noite.
    Minha entrevista é amanhã cedo. no momento não estou trabalhando, mas estou cursando faculdade e tenho um carro alienado ao banco.
    Vou fazer um intercambio no canadá e já tenho o visto canadense, carta de aceitação da escola, a confirmação do hotel que vou ficar no canadá e também a passagem de ida e volta para toronto.
    Quem vai custear a viagem é meu tio, mas a carta de custeio ainda não chegou(ele mora no guarujá). Tenho a carteira profissional dele, imposto de renda e os ultimos contracheques, será que terei problemas?

    • Fernando, você não está pronto para essa entrevista. De qualquer forma você deve comparecer, pode ser que eles aceitem os seus argumentos, porém, não será fácil, mas como você têm o visto do Canadá, var confiante e seja rápido na hora de responder as perguntas. Não enrrole e não minta. Seja natural e convincente, falou?

      • Fernando disse:

        Mesmo a renda do meu tio sendo alta?
        Vi que muitas vezes eles pergunta o motivo da viagem, quando me perguntarem isso, devo falar que vou somente por turismo ou também devo citar o intercâmbio?

        • O Intercâmbio é o seu princcipal motivo da viagem e ele deve ser mencionado sim… Mas você não têm a carta convite que mencionou. Se ela não estiver presente, pode dificulatr o seu visto. Foi isso que eu falei! Como você pretende provar que o seu Tio vai pagar a viagem?

  61. Martha disse:

    obrigada…fico aliviada, pois vou negociar o débito com a receita; eu achei que com o leão eu teria problema….

  62. Martha disse:

    Se você ganha uma bolsa para estudar seis semanas nos eua e eu tiver com divida na receita federal e nome no spc, meu visto pode ser negado???

    • seu visto não será negado por esta razão!

  63. Joceli Frankonis disse:

    Ola João, fiz todo o processo de renovação para visto e agendei entrevista em Sao Paulo para mim meu marido, como estou em Curitiba, quero enviar uma pessoa com procuração, isso é possível e qual modelo de procuração seria? Nossos vistos ainda não venceram e foram tirados depois de janeiro de 2008.
    Agradeço sua resposta e ajuda
    Joceli Frankonis

    • Joceli, isso não é uma boa idéia, se eu fosse você, nem pensava em fazer isso! vai lá vocês mesmo! Alias, eu não tenho essas informations!

  64. fabio disse:

    ola joão estou pensando em ir seriamente pro estados unidos a trabalho mas não estou trabalhando no momento pois tenho problemas na justiça mais ja paguei tudo que tinha que cumprir mesmo assim eu consigo o meu visto? tenho amigos que maram la .

    • Fabio, não acredito que vai conseguir um visto, porém isso não quer dizer que não possa tentar. Você está querendo migrar para os EU. por esta razão, não deve conseguir! veja bem, você não têm nenhum vínculo com o Brasil, isso está claro, e eles saberão descifrar essa questão, durante a entrevista!

  65. Domingos Neto disse:

    Olá João.
    Tenho duas perguntas. A primeira é a seguinte: Tenho que preencher o DS 160 em inglês ou português?

    A outra é a seguinte: vou tentar os vistos para mim, minha esposa e para nossa filha de 2 anos. Acontece, que não pretendemos levar nossa filha nessa primeira viajem, pois achamos ela muito novinha para aguentar a maratona da viajem.
    A solicitação do visto para nossa filha é pelo fato do visto ser por 10 anos, ou seja, quando ela tiver uma melhor idade, não precisamos solicitar um visto só para ela. Pergunto: Se viajarmos só nos dois, mesmo solicitando o visto para os três, poderemos ter algum problema quando chagarmos em território americano?

    • Começando pelo final, não terão problema nenhum em ter tirado o visto de sua filha e ela não está viajando com você. A primeira pergunta, Se você sabe inglês preencha em inglês, do contrário em português está tudo certo, afinal de contas você não é obrigado a ser fluente na língua para conseguir um visto. Mas se souber, ainda melhor, falou?

      • Domingos Neto disse:

        Muito obrigado pelas respostas João. Seu blog ajuda muita gente, pode acreditar. Parabéns.

        Grande abraço.

  66. jaqueline disse:

    Uma duvida, meu visto foi negado p EUA e vou tentar novamente, preciso ir ao CASV de novo ou somente no consulado???

    • jaqueline, precisa fazer tudo novamente…

  67. Jaqueline disse:

    Olá, gostaria de saber se uma criança, que o pais não possuem visto nem passaporte, a tia pode requerer o visto americano? Qual o procedimento? Obrigada

    • Claro que pode mas os pais é quem deve providenciar, por ser os responsáveis pelo menor, ok?

  68. Daniele disse:

    Bom dia estou indo para os EuA com o visto B1 e irei renovar na fronteira,qual o país que devo ir?Muito obrigado!

    • Daniele, não entendi porque você têm de renovar na fronteira, você têm o B1 e não têm de renavar nada. Ele te dar opções de multiplas entradas e a renovação é somente quando estiver para vencer. Na verdade, não estou entendo do que você está falando!

  69. Olá, saberia informar se o consulado do RJ entra em recesso no fim de ano? Vou passar Natal e Reveillon por lá e gostaria de aproveitar a mesma viagem para tirar o visto! Obrigado!

    • Melo, como todas as repartições públicas, o consulado também fecha, mas não sei te falar as datas. Seria bom entrar na página e ver as datas!

  70. Ju disse:

    Obrigada pelas dicas! Retorno para dar meu depoimento, ok? Abcs!

  71. Ju disse:

    Sim… Temos esses comprovantes todos. Cartões de créditos. Propriedade em nosso nome. Saldo bancário etc etc etc… O fato é q eu sou o homem da casa. Kkkkkk inclusive na criação do meu filho. Ele já deu autorização para o passaporte e farei então esta autorização de viagem. A pergunta técnica é se todos têm riscos ou somente meu marido, minha irmã estudante e o filho do outro casamento? Ja fui aos EUA 2 vezes, meu ultimo visto expirou em 2008 e viajamos bastante (leia-se Europa e América do Sul).

    • Juliana não tem porquê ter medos, as viagens internacionais que fez ajuda bastante e mesmo o visto americano que já teve. Não se preoculpe!

  72. Ju disse:

    Pretendo ir em Janeiro-14 pra Disney com meu marido, filho e filho do primeiro relacionamento e minha irmã que além de ser presenteada, me ajudará com meu baby de 1 ano. Indagações: eu q estou bancando tudo. Respondi no formulário a renda bruta de 20.000 mil reais. Há possibilidade de meu marido q ganha menos ter o visto recusado? E minha irmã (ela estuda em faculdade publica)? e meu filho do outro relacionamento? Preciso de declaração do pai dele autorizando o processo do visto? Ah,, meu visto expirou em 2008. Sou funcionaria publica estadual há 10 anos. Meu marido faz IR simplificado e tb está cursando direito… Levo todos os comprovantes? Grata! Ufa! Ps: na verdade, nao pretendo! Kkk já estou com passagens compradas e pacote tb! Kkkk q risco!!!!!

    • É que risco. Deveria levar todos os comprovantes de bens imóveis e móveis, IR, saldo bancário, cartões de crédito etc! O seu filho vai precisar de uma autorização de viagem do pai. Pesquise isso aqui no Blog, têm tudo lá. Quanto o visto, quem é o responsável por ele. Na verdade eles vão perguntar pelo pai. o Pai é presente ou não? são questões que você deveria ver resolver antes de ir para a entrevista. Boa sorte! Mas se vc for a responsável por ele, ai fica mais fácil!

  73. Isadora S. S. disse:

    Olá João!
    Vou viajar com um grupo de pessoas através de uma agência de viagens em fevereiro do ano que vem. Dia 30 de setembro terei a entrevista do visto.
    Tenho 22 anos e quem vai pagar minha viagem será meu pai, que é supervisor de segurança do trabalho. Coloquei isso no formulário. A renda dele fica em torno de uns R$6.000,00 por mês. Porém, sou MEI e tenho CNPJ, só que meu IR não foi declarado. Sou isenta, mas teria que declarar isso. Será que isso pode me complicar na hora de tirar o visto?
    Na lista que foi passada pelo despachante dos documentos que eu teria que levar, estavam o extrato da minha conta bancária e cópia da declaração do IR. Só que meu extrato bancário não anda dos melhores. Isso pode me complicar? Mesmo sendo o meu pai a bancar a viagem? Ah, sim! Tenho um carro em meu nome. Isso ajuda em algo?

    Muito obrigada!!

    • Isadora, não creio que terá problemas mesmo sendo de maior, o pai vai pagar a viagem. Porém esse fato também não cai muito bem para os olhos dos entrevistadoes. Mas deve sair tudo bem. Boa sorte. Sim o IR é muito importante, mas se não declara, pasciência, né ?

  74. Bom dia. Em 2006 morei durante 8 meses no estados unidos e estudei la. Meu visto é B1. Meu visto ja venceu e ja estou com processo de renovação. Gostaria de saber se, esses 2 meses que fiquei a mais la poderia me dar algum problema na hora de renovação!? Minha entrevista esta marcada pro dia 13 de setembro. Tenho uma viagem programada pra dezembro, mas ainda nao comprei as passagens por medo de ter a renovação negada.

    • Nicolle, se você ficou lá sem visto, ou com ele vencido, definitivamente poderá ter problemas e não consguir renovar, falei poderá. Mas também pode ser que nada acontece e você consiga renovar. Boa sorte!

      • Não fiquei com ele vencido… na verdade eu nao sei quanto tempo foi dado para minha estadia no país, so fiquei la 8 meses dizem que o maximo da estadia é de 6 meses certo? Então, meu visto tinha validade de 5 anos!

        • Se esse for o caso, você não têm com o que se preculpar. Com certeza o seu visto será aprovado!

          • Ah que bom! Fico mais aliviada! Mas essa informação de que fiquei dois meses a mais consta no sistema deles?

  75. Silvia disse:

    Olá, meu visto vence dia 01/10/2013 e pretendo viajar no dia 25/09/2013 com retorno programado para 06/10/2013. Meu passaporte é válido por mais 3 anos, sem problemas.

    Minha dúvida: vou ter algum problema para entrar e permanecer 10 dias sendo que meu visto vence no meio da viagem?

    Viagem de turismo e visto de turismo.

    obrigada

    • Silvia, você não terá problema, mas eu aconselho você renovar o seu visto antes de vencer, pois isso te dar muito mais segurança, caso eles venham a questionar a sua viagem, pelo mesmo motivo. E outra, depois de vencido, você vai ter mais trabalho para renovar. Portanto, antecipar uma solução, você ganha dobrado, vai por mi!

  76. José Sousa disse:

    Olá, João. Tenho uma dúvida. Sou Advogado há 7 anos. Tenho meu escritório, ou seja, não tenho carteira assinada. Tmb sou funcionário publico (professor), recebo uns R$ 1.000,00 como professor, trabalhado três dias pela manhã. No meu imposto de renda, declarei que ganho uns R$ 3.200,00, como Advogado autônomo e professor. O que eu coloco na DS 160 as duas profissões? Com essa salário declarado tenho condições de ter aprovado o visto? Tenho um terreno em meu nome.

    Desde já agradeço a atenção.

    • Isso José, preencha o DS-160 de acordo com o seu IR. Aliás, seja sincero durante todo o processo, e isso inclui a entrevista. O Valor por não ser alto, mas fazendo a coisa com coerência com os seus documentos, a possibilidade de aprovação ée bem maior. E saiba o que esrtá fazendo, pois na entrevista eles vão te perguntar mais ou menos o que leram em seu DS. Boa sorte!

  77. Thais disse:

    Oi. Tenho 18 anos, sou estudante do 3º colegial e me formo esse ano, pretendendo prestar vestibular para estudar ano que vem. Não tenho nada em meu nome.Meu pai é professor de música autonomo e declara IR com valor baixo (R$1500,00). Minha mãe é cabelereira e esse ano não declarou IR.Porém temos casa própria, carros, terrenos e um bom dinheiro guardado e também cartão internacional. Vou viajar com meu namorado e a familia dele( mãe,irmão e pai que é empresário ) que tem uma situação financeira muito boa.Posso agendar a entrevista com eles? Seria melhor dizer que o pai do meu namorado vai custear minha viagem? Pelo fato de terminar o colegial esse ano e ainda não ter prestado o vestibular pode ser dificil? Quais minha chances?

    • Thais, Não estou certo que vc pode agendar a entrevista com eles. Se houver essa opção e vocês estiverem falanddo a mesma língua sobre quem vai custear a sua viagem, é uma grande chance. Porém, você pode tentar com os documentos do seu pai, só que ele não pode ir na entrevista. A opção seria você, pai e mãe, mesmo não viajando, tirar o visto juntos. Ai fica numa boa!

      • Thais disse:

        Ok! Mas o que me preocupa é o valor declarado no IR. Apesar da renda deles ser bem boa e termos vários bens(imóveis, carros,cartões) os documentos são de baixo valor.Acha que esse valor de R$1500,00 no IR complica um pouco? Outra coisa, ouvi dizer que tão pegando pesado na imigração. Como nunca viajamos pra fora, não temos nem idéia de como é isso. Sabe me informar algo sobre isso? É preciso levar alguma documentação pra apresentar na imigração? Muito obrigada pela atenção!

        • Thais a Renda é pouco sim, e pode atrapalhar o seu visto, é verdade!. Uma vez você têm visto, não se preoculpe em chegar no EUA. Essa de pegar pesado é conversa! Nào precisa de nenhum documento, o seu passaporte é tudo!

          • Thais disse:

            Oi João! Obrigada pela atenção! Então tendo em vista que o valor declarado no IR do meu pai pode atrapalhar meu visto, não seria melhor dizer que o pai de meu namorado vai bancar minha viagem, sendo que ele tem excelentes condições? Posso dizer no formulário no campo de ” parentesco” que ele é meu padrinho pra não dizer que é pai do namorado e assim não ter vínculos familiares? Vamos viajar todos juntos e sendo assim, não facilitaria o meu visto?O que vc acha?

            • Eu acho que facilita sim Thaís, vale apena a sua aposta. Vá em frente!

              • Thais disse:

                Ok! Mas digo que é meu padrinho ou que é meu amigo…tem que ser necessariamente um ” parente” pra custear a viagem?

                • Talvés funcione melhor se você disser que é o seu Padrinho!

  78. Mileny disse:

    Boa tarde. Gostaria de tirar uma dúvida, tive meu visto negado em 2010 pois menti dizendo que não conhecia meu namorado que também estava tirando visto no mesmo local e na mesma hora. Agora vou tentar novamente, porém estou casada com ele e tenho residencia fixa, e para ajudar vou tirar junto com minha mãe. Será que corro o risco do meu visto ser negado de novo? Obrigada

    • Mileny, corre sim, mas isso não quer dizer que vai ser nagado. Você jogou no ventliador qdo mentiu e se eles trouserem isso pra mesa, podem negar novamente.mas vá confiante e firme e, sem mentiras, somente a verdade!

  79. Ailton Oliveira disse:

    Para renovação do visto do casal ja foram tomados todos os procedimentos e a esposa levará a documentação de ambos.. No site de agendamento diz sobre levar a documentação de idoso por procurador. No caso de casal, a esposa agendou entrevista de ambos no CASV, sendo o marido com mais de 66 anos e não comparecerá. Ela deverá levar uma procuração dele para poder entregar a documentação? Há algum modelo de procuração? Deverá ser feita em cartório ou não? Necessário reconhecimento de firma? Ela está em dúvidas quanto a esta questão.
    Grato. –

    • Ailton, não acho necessário uma procuração, basta a certidão de casamento e os demais documentos que devem provar que são casados. Espero que tenham uma declaraçào de imposto de Renda juntos. Isso ajudaria bastante. Mas não se preoculpe, se algo acontecer, por qualquer razão, eles poderão solicitar a presença do Sr.!

  80. Boa noite! Eu, minha esposa e o meu filho de 4 anos estamos solicitando o visto para passar 10 dias na Disney, só que nas novas regras serão preciso dois dias para solicitar o visto. ( Entrega de documentos/entrevista).Como trabalho na iniciativa privada fica difícil me ausentar do trabalho os dois dias. Será que a minha esposa pode entregar os meus documentos e no dia seguinte eu chego para entrevista ou se no consulado é possível marcar a entrevista para o Sábado.Assim eu só faltaria um dia de trabalho. Obrigado!

    • Não Bruno, você precisa está presente para tirar os dados biométricos!

  81. CÁSSIO disse:

    obrigado meu amigo, Deus te abençoe com muita saude e te de muitos anos de vida.

  82. CÁSSIO disse:

    minha mae é produtora rural. tem uma chacara. acha que isso me ajuda em alguma coisa eu comprovando isso ? ou nao alivia em nada ja que eu preenchi o ds 160 e ja coloquei que eu mesmo que iria pagar minha viagem..

    • Cássio quando vc decidir o que quer fazer eu poderei te ajudar, não faça confusão e misture muito, pois isso só complica. Se já preencheu o DS-160, pra que enventar mais. Já fez o que tinha de fazer meu caro!!!

  83. CÁSSIO disse:

    ok. vc acredita que se eu fizer declaraçao de prestaçao De serviço de 5 clientes meus que eu dou aula pra eles e registrar em cartorio e levar. vc acha que isso ajuda em alguma coisa meu amigo ou somente os extratos e o decore mesmo? Deus te abençoe!!! ta me ajudando muito obrigado por td que vem fazendo.

  84. CÁSSIO disse:

    MEU AMIGO SE EU FALAR QUE DECLARO E NAO APRESENTAR ISSO VAI SOAR COMO MENTIRA E COM ISSO MEU VISTO PODE SER NEGADO ? ENTAO MELHOR DIZER QUE NAO DECLARO PQ DAE AS CHANCES SAO BEM MAIORES ?

    • A verdade sempre, Cássio! Leio outros comentários que te dará uma melhor idéia, falou?

  85. CÁSSIO disse:

    OU VC CONSIDERA MELHOR EU FAZER O DECORE NO VALOR DE 1500 JUNTAMENTE COM OS EXTRATOS BANCARIOS QUE COMPROVAM QUE MINHA RENDA É DE 2500 ?? FAÇO UM DECORE NO VALOR DE 1500 OU 2500 MEU AMIGO ?? JUNTAMENTE COM OS EXTRATOS BANCARIOS QUE PROVAM RENDA SUPERIOR. AGUARDO SUAS RESPOSTAS O MAIS BREVE. DESDE JA AGRADEÇO MUITO.

    • Cássio, decore de R$2.500 está bem e acho que você não vai precisar de mais documentos. Se perguntar sobre o IR, fale a verdade que não declara. mas se tiver algum bem, além do carro, leve junto. Os Cartões de crédito, extratos do banco, está tudo certo! Boa sorte!

  86. CÁSSIO disse:

    OLA JOAO TD BEM ? SOU FORMADO EM ED FIS. TRABALHO A TRES ANOS COMO PERSONAL TRAINER E MINHA RENDA DE 6 MESES PRA CA ESTA 2500 REAIS. NAO DECLARO IMPOSTO DE RENDA PQ A RENDA AUMENTOU SOMENTE A 6 MESES. POSSUO EXTRATO BANCARIO COMPROVANDO ESSA MOVIMENTAÇAO. TENHO TRES CARTOES DE CREDITO. TB MANDEI FAZER O DECORE COM A RENDA NO VALOR DE 2500 REAIS. POSSUO TB O DIPLOMA PARA APRESENTAR SE FOR PRECISO. ALEM DE POSSUIR TB UM CARRO NO VALOR DE 40 MIL NA QUAL PAGUEI 20 MIL E CONTINUO PAGANDO O CONSORCIO DELE AINDA. JOAO NECESSITO DE MAIS ALGUM DOCUMENTO OU ESSES JA ESTAO BONS ? SE ELES ME PERGUNTAREM SE EU DECLARO IMPOSTO DE RENDA O QUE EU DIGO MEU AMIGO ? ESTOU NO AGUARDO MEU AMIGO

    • CÁSSIO disse:

      OLA JOAO TD BEM ? SOU FORMADO EM ED FIS. TRABALHO A TRES ANOS COMO PERSONAL TRAINER E MINHA RENDA DE 6 MESES PRA CA ESTA 2500 REAIS. NAO DECLARO IMPOSTO DE RENDA PQ A RENDA AUMENTOU SOMENTE A 6 MESES. POSSUO EXTRATO BANCARIO COMPROVANDO ESSA MOVIMENTAÇAO. TENHO TRES CARTOES DE CREDITO. TB MANDEI FAZER O DECORE COM A RENDA NO VALOR DE 2500 REAIS. POSSUO TB O DIPLOMA PARA APRESENTAR SE FOR PRECISO. ALEM DE POSSUIR TB UM CARRO NO VALOR DE 40 MIL NA QUAL PAGUEI 20 MIL E CONTINUO PAGANDO O CONSORCIO DELE AINDA. JOAO NECESSITO DE MAIS ALGUM DOCUMENTO OU ESSES JA ESTAO BONS ? SE ELES ME PERGUNTAREM SE EU DECLARO IMPOSTO DE RENDA O QUE EU DIGO MEU AMIGO ? ESTOU NO AGUARDO MEU AMIGO
      *OBS=SOU PERSONAL TRAINER PARTICULAR E DO AULA EM CASA, APARTAMENTOS.

  87. Daniele disse:

    Ola, muito bom os posts. Uma duvida para tirar visto para crianca menor de 3 anos com pais separados. Pode só o pai ir com uma carta de autorização da mãe ou os dois precisam ir? É verdade que os dois precisam ter o visto para que deem para a crianca? Fico no aguardo Obrigada

    • Daniele, o ideal seria a família tirar o visto juntos. Essa questão de pais separados, é bem complicado para tirar visto de menor. O que fica caracterizado nestes casos, se um dos pais forem for tirar o visto com o menor, é que estar acontecdndo uma imigração deste pai. O melhor a fazer, se este for o caso, tentar ir o três e jamais mencionar que são separados. Do contrário as chances para pegar o visto, são remotas. Boa sorte!

  88. RAFAEL AZEVEDO disse:

    só mais uma duvida João: como meu salario(3mil) e considerado baixo pra bancar a viagem da família. você acha que na hora de ser perguntado quem pagara a viagem da minha esposa, ela pode responder que nos fizemos uma economia(para o entrevistador pedir o extrato. ja que tem mais ou menos 20 mil) ou isso poderia dar a impressão que estaríamos juntando dinheiro pra morarmos la? sou sargento da marinha, estabilizado e com 11 anos de carreira. e tenho uma autorização pro escrito do meu comandante me autorizando a viajar para o exterior.

    Obrigado e mais uma vez, parabéns pelo blog, onde eu ja tirei ate mesmo duvida sobre destinos de viagem.

    • Sem problema Rafael, pode falar da economia que você fez para fazer essa viagem, isso só vai te ajudar. Boa sorte!

  89. RAFAEL AZEVEDO disse:

    Ola João, td bem? tenho algumas duvidas: Eu tenho visto de turismo valido ate 2022. passei 12 dias nos EUA em Janeiro. Agora quero viajar com minha esposa e meu filho de 10 meses. ambos ja tem o passaporte. Como faco pra marcar a entrevista? Pois se se a mãe tb já tivesse o visto era só entregar os documentos da criança. mas ja que a mãe não tem , qual o procedimento? marco uma entrevista para os dois?

    Obrigado mais uma vez….

    • Rafael o procedimento é o mesmo que fez para você, falou?

      • RAFAEL AZEVEDO disse:

        ola João. como eu havia dito, eu ja tenho o visto e viajei sozinho em janeiro deste ano. minha esposa não trabalha e minha renda e de 3mil. ela tem uma quantia na poupança que comprova tranquilamente suficiência para custear a viagem. sera que temos boas chances? obrigado

        • Rafael, leve o extrato da conta dela, o seu passaporte o o IR se tiver, o que seria muito bom. Acho que não terá problema por já ter viajado também, o que é muito positivo. mas tenho receio quanto ao seu salário. Vá firme que passa!

          • RAFAEL AZEVEDO disse:

            se eu declarar que irei custear a viagem dela, poderei acompanha-la na entrevista?

            • Acredito que não Rafael. Mas mesmo assim é possível porque você têm a criança e neste caso deve haver uma brecha você estar nessa entrevsta. Procure o CASV ou ligue para esta informação, ok?

  90. Eduardo Sousa disse:

    Olá pessoal alguns dias atrás deixei aqui nesse site meu comentário em busca de conselhos para tirar meu visto que já havia sido negado, pois bem hoje fui pela terceira vez ao consulado americano para a entrevista e vou resumir para vocês, tenho muita fé em Deus e rezei muito não só antes da entrevista mas também durante, muitas pessoas desacreditaram e os próprios funcionários do CASV deixaram transparecer certa descrença, a entrevista foi muito longa, dessa vez a oficial foi muito simpática e atenciosa, leu todos os documentos que eu ia lhe apresentando conforme ela solicitava minhas informações, perguntou quando eu me formava no ballet? Se eu tinha planos para após a formatura? eu falei que já tinha um contrato de trabalho e o apresentei, ela analisou, levou pra dentro voltou depois levou também a declaração do patrocinador, voltou depois de alguns instantes, perguntou varias coisas sobre o contrato de trabalho e sobre o curso eu respondia as perguntas e dava as declarações da escola ao mesmo tempo como prova, bem tranquilamente, ela analisou tudo voltou mais uma vez para dentro com as cartas da escola, voltou depois pegou meu passaporte e levou para dentro, retornou e perguntou porque motivos eu fui negado e eu respondi que não havia comprovado vínculos, e expliquei que eu não comentei sobre o contrato de trabalho, porque eu achei que não fosse necessário, já que eu trabalhava atualmente em outro emprego que eu já tinha citado, ela perguntou quando eu pretendia viajar e eu disse que ia comprar a passagem assim que tivesse meu visto aprovado, ela sorriu, e disse: Certo , ela pediu pra eu guardar todos os meus documentos e disse que meu visto foi aprovado!!! Detalhe essa foi a terceira tentativa em menos de dois meses, não tenho religião, mas creio muito em Deus e devo essa conquista a ele, então galera se vocês tem um caso como o meu fiquem tranquilos, peçam a Deus, e tentem de novo !!!Obrigado João Lucena!!!

  91. Bia disse:

    Mesmo com um baixo salário e uma quantidade em dinheiro em conta até o momento da entrevista ( 2000,00) a viagem é para nov/2014 é grande a chance de ser negado? Estava pensando na probabilidade de dizer q a viagem seria um presente da minha mãe para mim, no caso ela ganha em torno de 2500,00 declara IR, ate esse ano sou dependente dela pq estudo tenho 22 anos, mas ano que vem não serei mais. A possibilidade de conseguir é maior? Ai no caso eu e meu noivo tiraríamos o visto separado e não haveria casamento ou união estável.

    • Stefânia disse:

      Boa Tarde João.Meu visto foi negado,fui em Brasilia mes passado.Renda R$ 1.500,00 na conta tinha R$ 3.000,00,tenho emprego fixo casa no meu nome cartões internacionais.E a mulher que me entrevistou mal me fez 5 perguntas e nem olhou nada e disse que tinha sido negado por nao tem vinculos com Brasil,me entregou um papel para tentar uma outra vez.Quando poderei tentar novamente?

      • Stefânia, pode tentar já de imediato, não existe um prazo pre-determinado.

  92. Bia disse:

    Olá João, eu e meu noivo estamos planejando tirar o visto americano, a duvida é a seguinte: a minha renda é de 764,00 sou concursada e trabalho para o Estado por meio de uma empresa tercerizada, creio que minha renda é super baixa se isso for analisado pelo consul, mas estou fazendo uma poupança inicial, até a data da entevista de +-2000,00 para a viagem levaremos 8000,00, eu não declaro IR sou isenta, mas ano que vem farei para comprova-la. Já o meu noivo é microempreendedor individual (autonomo) a renda dele é de +- 3000,00 … vc acha viavel eu fazer uma declaração de união estável para comprovar que ele bancará a maior parte da despesa? ou teria que ser um casamento no civil. lembrando que estamos juntos há 7 anos. Já é um casamento. Em relação aos 8000,00 que levaremos poderá ser na minha conta somente ou tem que ser separado, cada um com sua conta corrente. Att.

    • Bia, uma conta em conjunto seria o ideal mesmo porque o seu salário é muito baixo, e ele deveria declarar o IR para facilitar as coisas. Não se a união estável mudaria alguma coisa, mas é provável que sim. Acho uma boa tentativa, mas nada comparável com um casamento, porém o mais importante é a situação financeira, falou, Boa sorte!

  93. Veronica disse:

    Muitíssimo grata. As informações foram de grande valia.

  94. Veronica disse:

    Ops…Esqueci de explicar que esta é nossa renda anual. Vc acha que, ainda assim, não teremos dificuldade?

    • claro que não, está tudo certo com o seu futuro visto de viagem americano, vai por mim!

  95. Veronica disse:

    O fato de já termos viajado à Europa e outros países da America Latina, podem favorecer?
    ou isto não é levado em consideração?

    • Sim favorece e muito, mas você não deve ter nenhum receio em tirar um visto, Verônica. Com esse salário não será problema pra vocês, ok? Boa sorte!

  96. Veronica disse:

    Boa noite João. Sou funcionária pública federal e meu esposo é func. pub. municipal, nossa renda somada é de aproximadamente R$ 180.000,00. Pretendemos fazer um cruzeiro no Caribe em abril do próximo ano. Para tanto, queremos solicitar o visto desde já (para que possamos comprar o pacote de viagem) e gostaria de saber se há possibilidade de ser negado pelo fato de ser solicitado com toda essa antecedência. Sim…temos 4 filhos todos já casados e viajaremos com o mais novo e a esposa e eles já possuem visto.
    Desde já agradeço

    • Não Verônica, isso não existe, pode solicitar o seu visto a qualquer momento, mesmo com muita antecedência dos planos de viagem.

  97. Priscila disse:

    Boa noite João,
    Sou estudante de direito e faço apenas estágio, fechei uma viagem para orlando em janeiro para ficar 15 dias, irei com meu namorado e sua família, iremos agendar o visto esse mês mas estou insegura quanto minha comprovação de vínculo. Meu pai é empresário e ele que irá custear minha viagem levando o IR (com um valor um pouco inferior) dele, o cartão de crédito dele é internacional e tem um bom limite e também o contrato social da empresa seria bom levar o que mais além do meu atestado de matrícula?
    O fato de fazer a entrevista junto com a familia do meu namorado é um ponto favorável?

    • Priscila, acho que você têm tudo mas o fato de fazer a entevista junto com a família, pode te favorecer mas pode não ter infuência nenhuma, é relativo. O mais importante é IR e a sua matrícula na universidade, falou?

      • Jean disse:

        João, estou preenchendo o formulário para o visto H1B para mim e H4 para minha esposa, Gostaria de saber se é preciso preencher um DS160 para mim e um para ela, ou é somente 1 para nós dois??? Na hora de fazer o agendamento para entrevista, eles pedem o número do formulário, tenho que colocar qual?

        Obrigado

        • Jean, você precisa preencher um DS-160 para cada um e na cada vai gerar um número de formulário(depois de enviado). São esses números que vai colocar.

  98. Pedro disse:

    Boa tarde João. Vou para os EUA para estudar por 3 meses. Sou formado em Direito e no momento só estou fazendo pós-graduação. Meu pai esta custeando minha viagem, levei todos os documentos que comprovam isso. Minha viagem ja esta paga, tenho o formulario I-20, porem meu visto foi negado e alegaram que eu nao tenho vinculos para voltar ao Brasil. Porem estou indo apenas para aprender o ingles e ter um curriculo melhor para entrar no mercado de trabalho, inclusive algumas empresas disseram que me contrataria se eu fizesse esse curso de 3 meses. O que eu faço? A viagem é em setembro.

    • Pedro, se você se matriculou na escola para o curso, deveria ter recebido os documentos de comprovação e mostrado no consulado. Se fez isso e ainda assim foi negado, é difícil te orientar. Mas posso dizer a princípio que você deve ter cometido algum erro nesse processo, e depois de negado, fica mais complicado. O que eu posso de aconselhar, é tentar novamente, comprovar por A+B que o seu pai têm condições de te manter por lá neste período, ok?

  99. Roger disse:

    Boa noite,estou indo estudar no estado do Kansas ,ganhei uma bolsa de estudos para jogar futebol pra uma universidade. Eu tenho parentes que moram em Nova York. Tem algum risco de ter o visto negado por ter parentes morando la ?

  100. Evellyn C.C.C disse:

    Boa Noite Joao,

    Preciso de sua ajuda, estou nos Estados Unidos desde Abril com o Visto J1, estou fazendo um programa de intercambio agrícola. Porem ele termina em Setembro e eu gostaria de extender. A agencia que eu vim alega que não tem mais vagas. Porem eu sei de outras que tem. Eu poderia extender meu visto por outra agencia? Como funciona a emissão de um novo DS 2019? Ou eu poderia arrumar um emprego em uma fazenda e eles mesmo pediram a extensão do meu visto sem eu ter que precisar de uma agencia? Obrigada Evellyn

    • Evellyn voc6e pode fazer as duas coisas, porém é bom agir o quanto antes, não deixando para final. É só procurar um escritório do INS mais próximo de você, falou? na verdade pedir um emprego você terai de mudar a categoria do visto, Talvés seja possível. As melhores infos você teria com advogado de Imigração

      • Evellyn CCCC disse:

        Muito Obrigada Joao, Vou correr atrás disso o quanto antes, Como eu faco pra saber os endereço mais próximo de mim?

  101. Maria de Lurdes disse:

    Obrigada pela resposta, João! E parabéns pela iniciativa, ajuda muito a esclarecer dúvidas que não conseguimos sanar na página oficial.

  102. Maria de Lurdes disse:

    Olá, João! pretendo levar minha sobrinha à Disney, e marquei no Casv dia 30/06, e no consulado dia 05/07. Li que menores não precisam comparecer, mas e a minha irmã e o marido, precisam ir comigo? Devo levar alguma autorização logo no Casv ou só para a viagem mesmo? Agradeço se puder me esclarecer.

    • Os páis ou responsáveis devem comparecer no consulado para a entrevista e uma autorização de viagem deve está junto a documentação no CASV e Consulado!

  103. Darlene disse:

    Bom dia sr João!
    Tirei o passaporte este mês junho2013, mais ainda não agendei a entrevista,nossa viagem é para janeiro 2014…Meu companheiro é separado(não legalmente),vai levar seus 3 filhos menores e eu,ele é militar…Sou autonoma e declaro como isenta…Tenho cartões de credito e conta em banco…moro em casa própria que é dos meus pais…Tenho uma casa ,porém ela ainda não esta em meu nome,mas tenho um contrato com firma reconhecida,que comprei essa casa,..Meu namorido já comprou as passagens para Orlando e pagou o hotel, minha dúvida é:
    Tenho dupla cidadania,mas ainda não a tirei, se eu providenciar isso ,fica mais fácil conseguir o visto?
    Por favor me responda com urgência,pois o grupo que está indo a esse passeio,já estão com suas entrevista marcadas…
    Desde já te agradeço.

    • A dupla cidadania não vai te atrapalhar, pode te ajudar mas não se garante somente neste fato. Você precisa mostrar ligações fortes com o Brasil, se as têm, passa tranquilo.

  104. Wanderson disse:

    boa noite João, agente escuta cada historia terrível quando se vai passar na imigração! você tem algumas dicas para quem vai passar na imigração?

    • Não existe nada para te assombrar, companheiro, use a mesma tática que usou para pegar o visto. Honestidade, sinseridade e firmeza, a trípice aliança!

  105. Oi João, muito bom seu blog. Já esclareci várias dúvidas aqui, porém restou uma. Ficaria grata se pudesse me ajudar.
    Eu não sou casada no civil, tenho apenas a declaração de união estável. Como no momento não estou trabalhando e não declaro IR,( tenho apenas 1 carro no meu nome) irei junto com meu marido na entrevista ( ele tem IR e tudo certinho). Nossa conta é conjunta e tem boa movimentação, cartão de crédito com limite alto tb, etc) Será que seria melhor casar no civil ou a declaração de união estável e nossa ida junto a entrevista é suficiente?
    Obrigada!!!

    • Claudia, é suficiente sim, pois vocês têm contas em conjunto etc, tá de bom tamanho, boa sorte!

      • Muito obrigada João! Seu blog esclareceu todas as minhas dúvidas! Obrigada por compartilhar seu conhecimento!

  106. Eduardo Sousa disse:

    Muito obrigado João Vou solicitar um entrevista de emergência, Parabéns pelo seu trabalho!!!

  107. Eduardo Sousa disse:

    Olá João Lucena li o blog todo e evi que realmente tenho muitas poucas chances de conseguir um visto, inha situação é a seguinte tenho 19 anos não tenho bens em meu nome, trabalho como recepcionista, e sou estudante de dança, no ano passado ganhei uma bolsa de estudos para o curso de verão da Academia Americana de Ballet Na SUNY, paguei a parte que a escola cobrava referente a hospedagem e alimentação, tenho declaração de empresa patrocinadora da viagem, declaração de liberação do trabalho somente pelo período do curso, comprovante de pagamento do curso emitido pelo banco, todas as cartas recebidas da escola com os contatos da escola, que pede que eu solicite um B2 por se tratar de um curso de verão, e mais outros documentos, tive meu visto negado duas vezes e a escola pede que eu tente de novo pois eles não entendem porque tive problemas já que o curso recebe pessoas de varios lugares do mundo, e que segundo eles não tem esse problema. faltam duas semanas para começar o curso, você acha que vale a pena tentar de novo, e tem mais um detalhe a escola só devolve parte do dinheiro mediante atestado médico. Obrigado!!!

    • Eduardo, não vejo porque o seu visto foi negado, é claro que você deve tentar novamente, e se eles não quiserem ver os papeis, insista para mostrar, ok? sem explicação!

      • Como ela só têm 16 anos, não está isenta da entrevista, Vanda? eu acho que sim. Seria bom você o post do Blog outra vez, essa informação deve está lá, ok?

  108. vanda disse:

    Desculpe esqueci de te dizer que eles pretendem ir para a Disney….

    • Não faz diferença para onde vão, pode marcar a entrevista dela separada, mas seria melhor fazer juntas. Qto a documentação está tudo relacionado no post Vanda, leia!

  109. vanda disse:

    Bom dia!!! Oi João por me tire umas dúvidas!!! Minha filha tem 16 anos e pretende viajar com a tia e o primo em janeiro de 2013 quais os procedimentos que tenho que tomar para solicitar o primeiro visto dela?? e quanto a entrevista teremos que marcar junto com a tia ou posso solicitar separado??

  110. Nathalia disse:

    Obrigada pela resposta. Vou reformular a pergunta para ver se fica mais claro. A regra diz que preciso estar no meu país de origem durante dois anos antes de poder modificcar meu visto para um mais permanente (residência ou trabalho, por exemplo), a minha dúvida é se eu estiver morando em outr país (Argentina, por exemplo), os Estados Unidos vão contar esse tempo lá nesses dois anos ou tenho que estar realmente residindo no Brasil? Obrigada de novo!

    • Não Nathalia, esse tempo vivendo em outro país não é contado.

  111. Nathalia disse:

    Olá! Tenho algumas dúvidas com relação à regra dos dois anos do visto J1. preciso estar no Brasil durante esse período ou poderia viver em um terceiro país? E se quiser renovar o visto, devo fazer isso enquanto estou aqui? Obrigada!

    • A renovação é sempre melhor enquanto está nos EU, qto a outra pergunta, não entendi!

  112. Lucas disse:

    João! Boa tarde!

    Desculpe o incomodo, mas existe uma renda ‘mínima’ para conseguir visto?
    Tenho 26 anos, solteiro, trabalho com informática, NÃO DECLARO IR, mas existiram meses no ano passado que ganhei por volta de 4.500,00.
    Hoje minha renda mensal, gira em torno de 1500-2500 reais. Será que terei o visto negado?
    Tenho carro (valor de 17.000 – financiado) e moto (valor de 10.000) em meu nome, sou matriculado em faculdade particular e tenho 50% de uma casa, isso registrado com escritura.
    Sei que a renda é baixa, por isso não tentei visto anteriormente, mas agora ‘afrouxaram’, e desde os meus 15 anos quero conhece NY.

    Obrigado.

    • Lucas, não existe uma renda mínima e acho que você consegue o visto, apesar de ser jovem e considerado um imigrante em potencial. Mas ao mesmo tempo têm trabalho fixo e frequenta a universidade. Acredito que esses pontos são positivos para você. Vai fundo, sendo sincero na entrevista, é isso que você precisa, boa sorte!

  113. RAFAEL AZEVEDO disse:

    Boa noite João. em primeiro lugar, quero dizer, sem demagogia. que pessoas como você fazem do mundo um lugar melhor. Isso porque num mundo em que tantas pessoas veem nas necessidades das outras um motivo de se dar bem, você oferece ajuda. E suas orientações foram de grande valia para a aprovação do meu visto no ano passado.
    E se me permite pertuba-lo mais uma vez .rsrsrs tenho uma duvida. Tenho um filho de 9 meses, e minha esposa também não tem visto. Eu tenho que marcar entrevista para os dois? tenho que pagar duas taxas de solicitação? qual o procedimento?
    Obrigado.
    Rafael Azevedo

    • Muito obrigado Rafael pelas palavras, e quero dizer que o Blog está ai cheio de dicas de Nova York e outros destinos, passagens aéreas etc. Aproveitem para fazer as suas pesquisas. Bem, quanto a sua pergunta, sim, precisa pagar as duas taxas de emissão de visto e uma entrevista para a sua esposa, o bebê não precisa, claro, e marcar entevista da mesma forma que fez para você. Boa sorte!

  114. Amanda disse:

    Ok entendo. é que neste video, a moça diz ter declarado um valor muito acima do que ela realmente ganha.

    • se você quer correr esse risco, tudo bem, faça o mesmo!

  115. Amanda disse:

    ganho 2 salarios na carteira sei que é pouco. se eu conseguir um comprovante de renda com um valor 3 ou 4 vezes o meu salario real. poderia dar algum problema?

    • Amanada, o problema é como você vai provar isso. Teria que está também justifica no seu IR, se não consta, não vale muito apena. O melhor é você ter um conta bacária com um valor expressivo e cartão de crédito internacional. Boa sorte!

  116. Junior disse:

    Olá João tudo bem? vejo muitas pessoas que conhecem alguém nos EUA perguntando se devem na hora da entrevista dizer que tem ou não algum conhecido lá.
    Bem no meu caso o meu namorado mora nos EUA e eu já tinha resolvido dizer na hora da entrevista que “não conheço ninguem” mas o meu namorado já me mandou dinheiro e encomendas dos EUA e acho que o consul vai ter essa informação na hora da entrevista o que voce acha? como devo proceder? meu namorado é americano e já veio 4 vezes ao Brasil

    • Não vejo como o Consul teria essa informação junior. isso não procede!

  117. Felipe disse:

    Ola João,

    Sou agente de viagens em uma grande agência de turismo corporativo há 2 anos e no ano passado tive o meu visto de turista negado. Tenho 26 anos, solteiro, formado em turismo desde 2010 e não declaro imposto de renda, sei que sou considerado um imigrante em potencial. Quando eu tinha uns 14 anos eu tirei o visto com validade de 10 anos, porém nunca viajei. Ele expirou e dessa última vez o consulado o anulou com caneta.
    No consulado me disseram que não comprovei vínculos suficientes com o Brasil. Na época eu iria para San Francisco com meu namorado para uma festa de família. Levei uma carta convite da família dele, cópia do passaporte americano dele, carta de férias e de solicitação de visto da agência que trabalho, holerite, carteira de trabalho, etc, mas não me permitiram nem mostrar os papéis.
    Em agosto tentarei novamente e considero que a minha situação mudou se comparada com o ano passado. Tive uma promoção no trabalho e meu salário foi para 1860,00 esse ano, mesmo assim ainda não declaro imposto de renda. Fiz três viagens internacionais nesse período (Chile/Argentina e Bolívia) tenho aproximadamente R$ 6000,00 em conta (comprovação com o extrato) e levarei a escritura da casa da minha mãe que está no meu nome e no dela e os dois últimos comprovantes de rendimentos pagos e de retenção do imposto de renda (mesmo não atingindo o valor para declaração). Levarei também reserva de hotel em Miami por uma semana. Você acha que terei muita dificuldade por terem me negado o visto uma vez? Teria mais alguma coisa que eu poderia agregar a todos os papéis e documentos que eu já irei levar?
    Desde já agradeço pela ajuda!
    Grande abraço

    • Felipe, os seus papéis estão bem na foto, e aposto que eles nem vão pedir para olhar outra vez. A sua situação é um pouco complicada pelo fato que você mesmo já mencionou, Porém isso não quer dizer que não vai conseguir o visto, espero que sim. É importante você saber que o seu histórico está sempre atualizado no consulado e, como já foi negado uma vez, é bom você seguir a mesma linha de raciocínio do ano passado, para a sua entrevista. Como você disse, a sua situação mudou, não para eles, que vão te olhar ainda hoje com o perfil de um potencial imigrante. O grande problema da primeira vez, foi o passaporte do seu namorado americano que te denunciou que poderia ficar nos states. Bem, não precisa de mais nada com relação a documentação e tens um fator a seu favor, as viagens aos três países Latinos. Seja firme na entrevista e mostre que não precisa de ficar lavando pratos por lá, apesar do seu salário também ser baixo. Boa sorte!

      • Felipe disse:

        Olá João,

        Fui para a entrevista hoje no consulado de São Paulo e volto aqui para dar o meu relato. Estava agendado para às 11:00. Peguei a primeira fila (do lado de fora às 10:15 e saí de lá às 12:00 (Estava lotado). A sequência da entrevista foi mais ou menos assim!

        Legenda; AC (Agente consular) EU: Eu hehehe

        AC:
        Bom dia! Para onde vai?

        EU:
        Bom dia! Eu vou para Miami

        AC:
        A lazer?

        EU:
        Sim! Porém sou agente de viagens e o lazer acaba sendo um trabalho também!

        AC:
        Você trabalha?

        EU:
        Sim! Em uma agência de viagens!

        AC:
        E o que você faz lá?

        EU:
        Sou agente de viagens! =P

        AC:
        Quanto tempo faz que você trabalha nessa empresa?

        EU:
        2 anos e 8 meses.

        AC:
        Você é formado em quê?

        EU:
        Turismo

        AC:
        Solteiro?

        EU:
        Sim.

        AC:
        Mora com quem?

        EU:
        Divido apartamento com um amigo!

        AC:
        E os seus pais? O que fazem?

        EU:
        Minha mãe é aposentada e meu pai já faleceu!

        AC:
        Qual a sua renda?

        EU:
        R$ 1900,00! Estou com os comprovantes aqui se o Sr quiser dar uma olhada!

        AC:
        Não! Obrigado!

        AC:
        O que a sua mãe fazia antes de se aposentar?

        EU:
        Era costureira!

        AC:
        E o seu pai?

        EU:
        Mecânico!

        *Nessa hora, um outro agente consular o interrompeu e ficaram alguns minutos conversando sem que eu pudesse escutar.

        (Voltando)

        AC:
        Quando o seu pai morreu?

        EU:
        Em 2007

        AC:
        Você mora com a sua mãe?

        EU:
        Não! Divido apartamento com um amigo!

        AC:
        Você conhece alguém nos Estados Unidos?

        EU:
        Sim! Tenho um amigo lá!

        AC:
        Como se conheceram?

        EU:
        Ele é piloto e nos conhecemos em um evento no hotel em que ele estava hospedado. Ele viaja frequentemente para o Brasil.

        AC:
        Você já viajou para outros países?

        EU:
        Sim! Chile, Bolívia e Argentina!

        AC:
        Você já foi para os Estados Unidos?

        EU:
        Não!

        AC:
        Onde você mora?

        EU:
        Em SP

        AC:
        Você já foi para os Estados Unidos?

        EU:
        Não! Eu já tive um visto, mas nunca fui para lá!

        AC:
        Quanto tempo faz que você trabalha nessa empresa?

        EU:
        2 anos e 8 meses. (again)

        AC:
        Quando você viajou para os outros países, você foi a lazer ou a negócios?

        EU:
        Lazer!

        AC:
        Ok. O seu visto foi concedido! Boa viagem!

        Ele não pediu NENHUM DOCUMENTO, porém fez mais perguntas que o normal. Levei uma pasta cheia de docs e já estava ensaiando para oferecer alguns papéis que eu julgava importante e que não tive oportunidade de mostrar da outra vez quando negaram o meu visto. Mas não precisou! Ele não perguntou sobre o meu visto negado e nem sobre imposto de renda. Senti que um dos fatores determinantes para ele aprovar o visto foi as viagens internacionais que eu fiz, pois ele conferiu os carimbos no passaporte!

        As dicas que acho que são importantes:

        1. Não desvie o olhar do rosto do agente consular, mesmo que ele não olhe para você.
        2. Não pense muito para responder
        3. Responda com firmeza e clareza
        4. Vista-se bem, mas tome cuidado para não exagerar (Crianças e adolescentes de terno e gravata não cola – vi alguns casos lá)
        5. Mantenha a calma! Não gagueje, não trema e tente ser simpático (Por mais difíceis que essas coisas sejam, elas fazem muita diferença.)

        As dicas que peguei aqui no blog me ajudaram bastante João!
        Muito obrigado!

        • Felipe, acabei de publicar o seu relata, pois achei que você esclareceu muito bem como se passa a entrevista, trazendo informações preciosas para o leitores, que com certeza vai ser muito relevante para alguns deles. Valeu, obrigado!

  118. Juliane disse:

    Olá João!
    Pretendo tirar meu visto ainda esse ano, porém não tenho uma renda alta, algo em torno de R$ 1.800,00 mensais.
    Isso seria um impecilho para conseguir o visto?
    Seria o visto de turista.

    • Juliane, realmente é um baixo salário e eiste a possibilidade de não conseguir sim, mas não fique assustada, tudo pode acontecer favorável a você também. Boa sorte!

  119. Maria disse:

    Na imigração conferem nossos dados com os do formulário DS 160? Meu visto foi concedido porém falei que iria ficar num hotel. Na verdade em parte da viagem ficaremos na casa de um primo do meu noivo, que está lá legal (possui green card), no restante ficaremos em hotéis.
    Poderemos ter problemas na imigração?

    • Isso não influi em nada Maria, essa informação não cconsta ao chegar nos EUA, OK?

  120. Beatriz disse:

    Eu iria ficar na casa de um primo na florida, na cidade de Sarasota, ele é legal no pais. Você acha que eu posso dizer que vou pra casa dele ou melhor dizer que vou a passeio para disney já que meu voo seria pra Orlando? Neste caso precisaria ter reserva em algum hotel na hora de passar na imigração?

    • Não seria bom mencionar que têm pessoas no país não Beatriz, é melhor ficar calada sobre esse assunto!

  121. Wanderson disse:

    João, fiz a entrevista no dia 10/06 com minha família. o consul nos fez algumas perguntas e disse visto concebido. só que hoje fui olhar o andamento do meu visto pelo site e vir o dar minhas filhas, esposa e sogra como status issued e o meu como NO STATUS o que significar?

    • É alguma restrição com o seu nome Wanderson, alguma investigação está em andamento, mas vc não deve se preoculpar. São coisa inesplicáveis.

      • Wanderson disse:

        João, olhei novamente hoje e esta como ISSUED! obrigado!

  122. Beatriz disse:

    Desculpa mas ainda não entendi João! Eles vão me dar uma data pra voltar ou tendo o visto de turista eu já posso ficar 6 meses?

    • Eles vão te dar uma data que é no máximo 6 meses.

  123. Beatriz disse:

    Mas eu só quero ficar 6 meses mesmo João. Me passaram a informação de que a permanência com o visto de turista é somente de 3 meses e depois eu teria que pedir extenção, conferi isto?? Eles me dão uma data específica pra sair do pais ou posso permacer os 6 meses?

    • Beatriz, esse tempo varia, pode ser uma semana, 2 dias etc. O máximo é seis meses, mas você pode sim pedir a extensão, sem problema, o que não quer dizer que vai conseguir, mas No seu caso, acho que o visto de turista funciona sim.

  124. Beatriz disse:

    Olá!
    Pretendo viajar com meu namorado para estudar, ele já tem visto mas eu não. Consultando algumas pessoas nos aconselharam ir com visto de turista e procurar uma escola com cursos com carga horaria menos que 16 horas pu que não exija o visto de estudante o que você acha? Sou formada e curso pos graduação porem minha renda é baixa e a quem pagaria minha estadia seriam meus pais, você vê algum problema quando a isso? Estou pensando em tirar o visto antes de pedir demissão!!
    Quanto tempo eu poderia permanecer lá com o visto de turista???

    • Beatriz, o visto de turista ao chegar aqui, não vai passar de 6 meses e ai você vai está ilegal. Será que vale apena?

  125. Tatiana Garofalo disse:

    Meu namorado foi a entrevista no consulado e recebeu um formulário verde, com o código 221g, e o agente disse que ele nao tem nada a fazer, apenas esperar um “processo administrativo”. Vc sabe o que é isso e quanto tempo demora? Normalmente nesses casos o visto é concedido ou negado?
    Obrigada
    Tatiana

    • Tatiana, processo administrativo pode ser qualquer coisa, desde um nome duplicato(alguem com o mesmo nome de seu namorado que já teve visto, ou probleams nos EUA). Pode ser que ele tenha tentado um visto no passado, ter vivido ilegalmente nos EUA e muitas outras possibilidas. O que acontesse nesses casos? eles vão fazer uma envestigação sobre a vida do seu namorado, se nada constar contra ele que venha comprometer a segurança dos EUA, ele terá o visto aprovado. Quanto tempo? pode ser uma semana como pode ser alguns meses, tudo vai depender, falou? boa sorte! Mas não se preoculpe, quem não deve não teme!!!

  126. Junior Justino disse:

    Olá João tudo bem? vou tentar o visto para os EUA e pretendo ficar na casa de um amigo “americano” (vou gastar bem menos) lá em NY você acha q isso pode interferir em algo? ou eu não devo mencionar q vou ficar na casa dele e sim em um hotel por exemplo?

    • Junior, o melhor é não falar que vai ficar na casa de amigos ou parente. Este é um dos caminhos para o visto ser negado, vai por mim!

  127. redinson disse:

    olá, em 2009 fiz uma solicitação de visto e eles deram somente para 3 meses fui a NY na semana santa e voltei em 10 dias, segundo o consul, eu nao declarava aquilo que constava na minha conta corrente, ja que nao tinha nada que comprovasse minha renda, somente minha movimentação bancária! hj eu declaro o minimo, 1500,00 mensais na declaração de IR, mas possuo média de ganhos mais alta, cruzando com minha conta corrente! há alguma possibilidade deles negarem por este motivo? possuo carros em meu nome, e faço faculdade de administração de empresas, concludente! obrigado!!!

    • Redinson, as suas chaces agora são melhores pois você foi e voltau, além do mais parece que faz as coisas certa, portanto marque a viagem. Boa sorte!

      • redinson disse:

        obrigado amigo!!

  128. Marcos disse:

    João, fiz entrevista hoje cedo, no Rio de Janeiro, graças a Deus primeiramente e segundo a suas dicas de ouro, tive meu visto concebido. Aí vai a principal dica é não ficar nervoso. Levei tanto documento achando que iria mim pedir, só mim pediu meu passaporte, perguntou com o quer eu trabalhava? e pra aonde iria? disse visto concebido! Aí galera outra coisa é prestar bastante atenção no que o consul perguntar, pois o portuguese deles não são bons. No momento que tive lar não vir ninguém ser negado o visto. Outra dica é não chegar tão cedo, pois você só é atendido no horário marcado, o bom mesmo é chegar uns 30 minutos mais cedo e perguntar logo se já estão chamando seu horário! Pela a quantidade de pessoas que vir lá eu achei o consulado muito organizado e super rápido! Boa sorte galera!! João muito obrigado pelas dicas!!!

  129. patricia disse:

    ola! preciso da ajuda de vcs. O que puderem me aconselhar, ja fico grata.
    Eu ja moro aqui nos EUA. Meu visto e J1. Porem, acreditem ou nao, eles me deram 08 meses de visto. Portanto, cheguei em agosto de 2012, e o visto venceu mes passado.
    Quero voltar pro Brasil pra visita, mas tenho que retornar pros EUA pois estou afilada a um programa de doutorado de 05 anos.
    O que eu faco? Tem como eu renovar meu J1 no Brasil sem passar pela entrevista?
    Ou tenho que fazer tudo do zero?
    Muito obrigada!
    Patricia

    • Patrícia, você deixou a coisa complicar e poderia ter renovado o seu visto aqui mesmo, sem precisar ir no Brasil. Bem, pode ser que você ainda tenha uma chance, apesar de não acreditar muito. Se você ainda está estudando, junte toda essa documentação da escola onde estuda e procure um ecritório do USCIS(urgente) próximo de você para renovar o visto. Alegue que não percebeu a data de expiration e seja muito honesta nesta explicação. Pelo que parece, pretende ficar mais 5 anos, como estudante. Se você voltar ao Brasil, depois do visto expirado, não acredito que vai conseguir voltar, mas tudo é possível. Veja que você também não pode ficar estudando com visto expirado. Em algum ponto eles vão te procurar e deportar, principalmente depois do que aconteceu emm Boston. Agora as regras estarão mais duras para estudantes. Procure ler sobre esse assunto na página do orgão de imigração. Boa sorte!

  130. Charlie disse:

    João, bom dia, vim aqui dizer que na segunda feira passada, minha esposa, minha filha e eu, fomos até o consulado na tão temida entrevista, levei 3 pastas cheias de documentos, apenas me pediram os passaportes, perguntaram pra onde a gente iria e o que minha esposa e eu fazíamos (profissão), a moça, ficou calada por uns 2 minutos e disse: “SEUS VISTOS FORAM CONCEDIDOS E BOA VIAGEM”, gente é muito simples lá, é só não ficar nervoso, suas dicas foram muito úteis pra mim João, muito obrigado e sucesso a você…

    • Fico muito contente em ouvir as histórias de pessoas como você Charlie. Nunca foi tão fácil, certo? espalhe o nosso trabalho por ai e boa viagem! Mas o blog não é somente sobre vistos, têm muitas outras informações valiosas para os turistas!!!

  131. Jill Oliver disse:

    Olá, primeiramente parabéns pelo blog e pela presteza das informações.
    Dei uma boa pesquisada e verifiquei que é muito relevante comprovar os laços com o Brasil, principalmente comprovar que possui uma vida financeira estável!
    Neste ponto, para mim, percebi que pode ser um tanto difícil comprovar os meus laços com o Brasil, mas que podem ser comprovadas de outra forma, por isso peço a opinião do amigo se estas outras provas podem ser vistas com bons olhos no consulado.

    Pois bem, minha situação é a seguinte, pretendo ir para Miami/Orlando passar a lua de mel em abril de 2014, a minha noiva tem 25 anos, enfermeira graduada e com dois empregos registrados (estamos solicitando juntos o visto). Como ela tem dois empregos, acredito que ela não terá maiores problemas.

    Agora eu, pode ser complicado, pois tenho 30 anos, não declaro IR, não tenho conta corrente, moro com meus pais e no meu nome só possuo uma moto e uma empresa de assessoria e consultoria em cerificação de ISO 9.001, 14.001 e etc. Essa empresa foi aberta em 2012, mas até o momento não ela está parada, só tenho a contratação do plano celular empresarial nela.

    Embora a empresa já esteja aberta, fazem alguns anos que presto esse mesmo serviço à três clientes com pagamentos informais, e estes nem fazem questão de emissão de nota fiscal. E para piorar a situação, os depósitos destes serviços são feitos na conta corrente do meu pai.

    Também sou advogado(recém inscrito), mas ate agora só tenho um cliente( possuo contrato de honorários como prova), é a minha primeira e única ação por hora.

    A meu favor eu tenho um cartão de credito internacional, que é adicional, meu pai é o titular. Tenho minha noiva com uma situação financeira mais palpável, por assim dizer. Possuímos os contratos dos prestadores de serviço para a cerimônia e recepção do casamento, o que demonstra que iremos casar.

    Meu pai já tem residência própria a anos, mas financiou um apartamento para mim, o apartamento é no mesmo edifício em que ele reside, para ser mais exato é no mesmo andar e na frente da porta dele. Eu não possuía meios de comprovar renda e mesmo que consegui-se a taxa de juros não seria tão boa quanto para ele (funcionário publico apostentado), por isso ele ajudou e financiou o apartamento. Mas tudo isso esta no nome dele, embora a conta de luz esteja no meu nome!

    Apesar de eu não possuir conta corrente, não declarar IR, não ter carteira de trabalho assinada e num primeiro momento parecer que não possuo laços no Brasil nem estabilidade financeira, o fato de solicitar o visto junto com minha noiva, a minha inscrição na OAB, o meu único, porem não menos importante, contrato de honorários advocatícios, contas a vencer(talão de luz, anuidade da OAB, IPVA, etc) e os contratos relativos ao casamento(no nome da noiva a maioria) pode demonstrar os meus laços com o Brasil e a solicitação do visto ser positiva ?

    Surtirá algum efeito positivo, relatar que, embora esteja no nome do meu pai o apartamento financiado, este é meu, para residir com minha noiva? Afinal, se meu pai tem dois apartamentos no mesmo edifício, o outro só poderia ser para mim(filho único) morar ou para ele alugar e auferir renda! Mas é provável que no consulado entendam que seria minha residência ?

    Fotos da reforma que estamos fazendo no apartamento, com a intenção de demonstrar que pretendemos casar e residir nesta propriedade após o casamento é valido? Possui algum efeito?

    Nós sempre viajamos Chile, Argentina, Paraguai e cidades do Brasil, mas no mercosul sempre usamos o RG, gostamos de viajar, somos realmente turistas, mas para estes lugares não temos vistos que demonstrem esta situação. Para provar que sempre viajamos a estes lugares e retornamos, só possuímos fotos das viagens, é valido usar estas fotos? Surte algum efeito positivo?

    Enfim, parece ser meio nebuloso vislumbrar que realmente tenho uma vida no Brasil, que realmente voltarei e que tenho condições financeiras para manter me no Estados Unidos, por isso questiono, se diante desta cultura social que a muito percebo, onde uma grande parcela dos brasileiros é autonomo/informal, não possui conta corrente, não declara o IR e que mesmo na faixa etária dos 30 anos, ainda convive e/ou é dependente financeiramente dos pais, não é levada em consideração para analisar os laços do solicitante, com o seu país, na hora de aprovar o visto ?

    Cordialmente,

    Jill Oliver

    • Meu caro Jill Oliver, não se desespere, mas tenho que te dizer que aos 30 sendo depentende dos pís, só no Brasil mesmo, né?. Bem, Como você só vai viajar em 2014, espere até lá para tirar o seu visto, no próximmo ano, faça uma declaração de IR em conjunto com a noiva, abra uma conta bancária e peça ao seu pai para fazer alguma movimentação nesta conta, peloa próximos meses. Já têm cartão de crédito, ótimo, não importa que você não seja o tuitular. Organizando melhor a sua viada financeira até o ano que vem, você vai conseguir o visto, nem é tão complicado assim. Ao preencher o DS-160, informe das viagens que fizeste na A. do Sul, conta positico pra você, falou? Ah, você é advogado, certo, use a sua documentação como tal, isso é positivíssimo e não há motivos pra não conseguir o visto, falou? abraços!!!

      • Jill Oliver disse:

        Hehehehe … Mas o pior que há uma mudança cultural na nossa sociedade, muitas pessoas casando e deixando os pais cada vez mais tarde, geralmente quando já possuem uma certa estabilidade, casa própria e etc. A princípio é algo que percebo apenas na capital,amigos meu do interior já estão indo pro terceiro filho!
        Mas enfim, conversei com meu contador, vou trabalhar na movimentação financeira da empresa, vou fazer minha declaração de isento este ano, mais alguns pontos importantes como meu cadastro na prefeitura e o carne anual de iss para advogado autonomo e etc. Também que possuo um contrato para ministrar uma materia em curso de especialização numa faculdade, então o certo é tentar com isso tudo deixar público o meu histórico financeiro e de laços com o Brasil. Vou conversar com minha noiva também para pensarmos em solicitar o visto por setembro, e ate lá trabalhar com conta corrente própria, emitir nota fiscal da empresa, pró labor e etc. Agradeço a atenção e as informações, como você mesmo disse – sem desespero!

        Abraços

        • Agora você está com sensatez. Faça essas coisa ai que dá cert!

          • Jill Oliver disse:

            Sei que a minha situação não era das melhores, mas como realmente não possuía tempo para em outro momento estar solicitando o visto, conversei com minha noiva e decidimos arriscar. Se o visto fosse indeferido precisávamos organizar uma lua de mel alternativa.

            Juntei todos os documentos possíveis, fiz um histórico com a conta corrente neste ultimo mês, faturas do cartão de crédito internacional, separei todos os contratos de prestação de serviços e honorários advocatícios, reuni as notas fiscais de compras dos últimos 5 anos, inclusive do material para reforma do apartamento, sua matricula, que muito embora no nome do meu pai, pensava explicar que ele havia financiado para mim, caso fosse necessário! Até talão de água, luz, telefone, ISS de advogado e anuidade da OAB.

            Preenchi o DS-180 meu e de minha noiva, agendei a entrevista e fomos para São Paulo com a cara e a coragem. Coloquei que meu pai seria o financiador da viagem, o que não é mentira, afinal de contas a lua de mel é um presente dele. (suspeito que este presente tem segundas intenções … tais como NETOS)

            No dia da entrevista chegamos com uma hora de antecedência. Eu de barba bem feita, terno impecável e um calhamaço de documentos, a noiva não estava social, mas também bem alinhada.

            Ouvi muita gente dizer na Internet para ir o mais normal possível, bem o meu normal do dia a dia é terno, mesmo porque após a entrevista teria de visitar alguns clientes. Consegui unir o útil ao agradável, fazer o visto, trabalhar e passear um pouco(Famiglia Mancini Cantina que o diga).

            No final das contas não tive que mostrar nenhum documento, só respondemos as perguntas.
            – O que fazem? A quanto tempo ? Quanto ganham? Já foram para outro país? Quem vai financiar a viagem? O que faz o Financiador? Quanto ganha? Onde moram? É imóvel próprio? Para onde vão? Quando vão? Quanto tempo pretendem ficar? Qual o motivo da viagem?

            Quando falamos que era de Lua de Mel, ele nos deu parabéns pelo futuro casamento e encerrou a entrevista dando a confirmação do visto! O entrevistador bem simpático, sorridente e calmo, bem diferente de outros entrevistadores nos outros guichês!

            ——————————————————–

            Mas enfim, percebi algumas coisas interessantes e ai vai a minha experiência e DICA:

            Trajes e Postura

            Sim, eu fui de terno, mas estava com um terno bem alinhado, com postura de quem usa terno no dia a dia, transmitia com ele confiança e aparência. Não estou querendo ser esnobe nem arrogante, mas acontece que havia muito homem adulto e rapaz com ternos e você percebia que não era usual, que aquela não era sua roupa do dia a dia. Havia um rapaz meio gordinho que deve ter pego o terno do pai e em não servindo a calça, colocou um jeans, a visão era horrível, pois ele estava de tênis, jeans, camisa social por dentro da calça e o palito. Havia um senhor também, que estava com um terno bem surrado, gravata fina e paletó bem caído. Parecia que a roupa não tomava sol a anos. Todos estes foram reprovados, saíram da entrevista com o passaporte na mão. Já alguns rapazes homossexuais, vestidos de forma extravagante, deixando patente sua opção sexual, sem falar no cabelo e postura, tiveram o visto aprovado! Por que? Por que eles se portaram como são e quem são.

            Então o ideal é vestir e portar-se normalmente como você é! Não tente ser quem você não é, isso é notado de longe por todos.

            Avaliação e Triagem

            Quando você entra, após entregar o passaporte a um funcionário brasileiro, que faz uma pré-triagem, ele te encaminha para uma das três filas existentes. Estas filas são distinguidas por coloração, azul, amarela e rosa. Na hora que vi isso não pude evitar de associar com os filtros aduaneiro e seus canais. Quando uma mercadoria chega ao Brasil, ele é filtrado em canais, pois é impossível vistoriar tudo que entra na aduana. Então, quando uma mercadoria entra no canal verde, esta segue sem nenhum embaraço, não se analisa nem a carga nem seus documentos, se cai no canal amarelo, é vistoriado os documentos, e assim sucessivamente. Realmente não sei se é apenas uma mera coincidência esta divisão de filas por cor ou se realmente funciona como um filtro. Caímos na fila azul, aguardamos um pouco e passamos pelo detector de metais. Lá dentro você segue ate um local dividido em fila e bancos, os bancos é o estagio inicial, lá você aguarda chamarem seu nome para pegar seu passaporte e ir para o outro lado do lugar, onde há fila. Não pude deixar de notar algo interessante, um funcionário brasileiro que administrava o encaminhamento das pessoas ate os guichês para a entrevista, portando um rádio, do qual recebia ordens e orientações. Havia dois guichês vazios, aguardando pessoas para serem entrevistadas, mas mesmo assim o rapaz nos encaminhou para um guichê que já possuía 4 pessoas aguardando para serem entrevistadas. Somando isso ao fato de no mínimo ter conseguido ver cinco câmeras visíveis, chego na seguinte conclusão.

            É óbvio que você esta sendo observado, analisado e testado desde a entrada do consulado até o fim da entrevista, seja a sua postura, seja sua vestimenta condizente ou não e até mesmo a sua linguagem corpora, pois o corpo fala, e fala mesmo(em audiência de oitiva da testemunha é possível ver na pratica como isso acontece e muito)! Então, é muito importante atentar-se com o nervosismo e tentar abstrair-se. Os cassinos de Las Vegas realmente são equipados com diversos mecanismos para perceber se o ganhador esta com uma expressão legitima ou não, câmeras que detectam a elevação da temperatura corporal não são ficção de filmes, são realidade! Se isso tudo existe num cassino, o que dizer do consulado americano? O principal é ter calma e falar a verdade, afinal de contas que não deve não teme.

  132. André disse:

    Esqueci de comentar. Tenho também 3 cartões de crédito internacionais com uns 15 mil de limite somando os 3 e minha esposa fez a declaração de IR esse ano, mesmo não sendo obrigada pelo valor anual de ganhos ser menor do que o exigido, só para podermos levar na hora da entrevista.

    • André a sua situação é tranquila e a sua esposa é um pouco preoculpante mas deve passar sem problema pelo fato de você já ter viajado para o exterior. Neste caso seria melhor ter feito o IR juntos, é bem mais atrativos para os olhos dos entrevistadores. Passe a dica adiante…

      • André disse:

        Ela ganha além dos 1.550 reais cerca de 600 reais de vale refeição e 410 reais de vale alimentação, se somar tudo 2560 reais. OS vales não vem discriminados no holerit, só no site dos cartões é que podemos tirar um extrato e comprovar. Todo mês vendemos esse cartão e completamos a renda. Vc acha interessante colocar esse valor do salario com os vales no formulário DS-160?

        • Claro, se você pode comprovar isso, é bem interessante!

  133. André disse:

    Boa noite João! Gostaria de sua opinião, se puder me ajudar! Quero viajar para Orlando com um grupo de 6 amigos. Dois dele já possuem o visto, recém tirado. Quando preenchi o formulário coloquei o nome de todos que vão.

    Marquei minha entrevista para o próximo mês junto com minha esposa. Somos casados há mais de 7 anos. Eu ganho em média 2.900 por mês(9 anos de empresa) e ela 1.550 (1 ano e 3 meses na empresa). Temos apartamento próprio quase quitado, carro, tudo em meu nome.

    No formulário colocamos que cada um vai custear sua própria viagem e pedimos pra fazer a entrevista juntos.Já fiz viagens internacionais para Europa e Argentina nós últimos 3 anos, mas minha esposa nunca pode me acompanhar. Essa será a primeira.

    Você acha que teremos algum problema em nossa entrevista em relação aos nossos ganhos ou outro problema qualquer??

  134. Luiz Henrique disse:

    Oi João! Gostaria da sua opinião no meu caso. Tenho uma relação há 8 anos homoafetiva, temos há 4 anos contrato de união estável declarado em cartório. Tenho 33 anos, trabalho há 8 anos numa empresa do setor elétrico, ganho por volta de 3 mil/mês e ele tem 28 anos, trabalha numa empresa concursado de distribuição de água há 1 ano e meio, ganhando por volta de 1600/mês. Temos casa própria e carro. Você acha que poderemos ter problemas em relação a declarar união estável ou referente aos salários?

    • Luiz Henrique, não acredito nessa possibilidade. O governo americano é “declardo a favor dos direitos humanos” e o seu caso não têm nada a ver com a sua vontade de visitar o paí. Se for essa a sua intenção, não vejo por que se preoculpar, ok? Direitos iguais para todos, não importa a sua orientação sexual!

      • Luiz Henrique disse:

        E em relação a renda? Ele poderia ser penalizado por ganhar 1600 por mês?

        • Luiz Henrique disse:

          Eu peguei uma promoção boa da Lan e acabei comprando já as passagens pros dois. Como sou ansioso, peguei e comprei até os ingresso pros parques já rs. Porém não temos uma poupança, pois vamos viajar com o dinheiro das férias e mais nossa participação dos lucros. Tenho medo de não conseguir por causa da renda mensal. Pois meu companheiro ganha 1.600 reais e eu 2900, não seria pouco ao olhos da imigração? Preenchi o formulário hoje, declarei nossa união estável e já agendei a visita… Acabei lendo comentários de pessoas que não conseguiram, agora fiquei com medo.

          • É Luiz, você cometeu um erro, Não se compra passagens e hotéis antes de ter o visto de viagem. Essa atitude têm feito muita gente perder dinheiro. Mas isso não quer dizer que vai acontecer com você. Também não precisa mencionar isso para o entrevistador, porque não vai melhorar ou piorar em nada a sua situação. As promoções de passagen acontecem sempre e você não precisa comprar antes de tirar o visto. Alias este blog também divulga essa promoções. Basta nós seguir nas redes sociais ou com o seu email, falou? Boa sorte!

          • Luiz Henrique disse:

            Bom dia João!
            Só passei aqui pra dizer que deu tudo certo. Fizemos juntos a entrevista e na hora nem solicitaram nada. Só perguntaram pra onde iríamos, qual nossas profissões e se já tínhamos viajado pro exterior.

            Muito obrigado pelas dicas!

  135. Wanderson disse:

    João estou preenchendo o formulário DS-160 da minha filha que só tem 2 anos. Tem uma parte que pede “Identification Number” o que devo colocar pois a mesma não tem Identidade ainda só tem registro de nascimento e passaporte, o que devo colocar?

    • Wanderson, não estou bem certo, mas acho que deve preencher com o número do passaporte. se não for isso, acho que ficar em branco não acarreta nenhum prejuízo. Mas não estou bem certo. Procure mais informações, ok?

  136. joao desculpe pela confusao de email, e que meu amigo manda e ele volta , bom como perguntei, me chamo marco,entao vivo aki na suica, tive um visto negado em janeiro ai no brasil embaixada de brasilia,para estados unidos, dai resolvi vir para europa, o2 amigos que estao comigo conseguiram em londres pegar o visto para os estados unidos, eles ficaram la ilegal por 10 anos, e nada constou aki, entao estou pensando em tirar o visto aki em londres, estou com visto de 06 meses de turista, ja passei por lisboa, suica e londres, entao deu tudo certo, so estou na duvida se a embaizada daqui amercana tem acesso aos dados do brasil??? se voce ja ouviu falar……
    Responder

    • elas são conectadas Marcos, o seus dados estão em todas as partes!

  137. Bruno disse:

    João, eu e meu irmão fomos aos Estados Unidos em 1995 a passeio na casa de minha tia que tinha cidadania americana chegando la minha tia fez a proposta a minha mãe de nos deixar la, que era bom pra gente, iriamos estudar em boas escolas e aprender inglês etc. fiquei 7 anos la estudando com visto vencido junto com meu irmão. no mês de janeiro desse ano meu irmão resolveu tentar visto, tirou um novo passaporte pois o anterior ja estava vencido a muito tempo. ele colocou no formulário DS-160 que nunca esteve nos estados unidos que iria a passeio em NY ficaria la uma 10 dias. Na entrevisto o consulado pergunto a ele três perguntas, O que vai fazer nos Estados Unidos? Turismo e compras ele respondeu! Quanto tempo vai ficar ? 10 dias ele respondeu. Conhece alguém la ? Não conheço ninguém lá, ele respondeu. Visto concebido. Moral da historia, mês que vem vou tentar o meu visto somente a passeio mesmo e rever alguns parentes e estou confuso se devo colocar que já estive la pois mim falaram que ele tem todo histórico la. Já meu irmão fala que se eu disser já estive la é visto negado na certa! o que devo fazer João? Realmente esta mais fácil nos dias de hoje?

    • Bruno, o seu irmão é um sortudo, pois eles t6em o histórico sim. Acontece que aquele formulário que eles entregam no avião, o seu irmão e provavelmente você também, nunca devoveram e talvez seja isso que não acusou a permanências suas no país. Isso é um caso raro, porém acontece. Se eu fosse você usaria a mesma tática do seu irmão!

      • Bruno disse:

        João não mim lembro de ter preenchido formulário nenhum mesmo não, só mais uma perguntar se constar la que já tive na pais, eles podem mandar mim prender por mentir? o visto eu sei que vai ser negado!

        • Lógico que não Bruno, apenas vão negar o visto. não esquenta!

  138. Charlie disse:

    Ok, só uma duvida, se for negado no consulado, vão ser negado os 3 (meu, da minha esposa e da minha filha) né?
    Estou perguntando isso, porque se fosse o caso minha filha iria com minha cunhada (que ja tem visto) que vai junto na viagem, obrigado.

  139. Charlie disse:

    Bom dia, fui na agencia de viagens em que estou comprando o pacote, onde vamos viajar eu, minha esposa e minha filha de 12 anos, a agencia me disse pra eu tirar o visto da minha filha antes (disse que ela tem visto garantido, por ser menor de 15 anos, disse que ela não precisa ir ao consulado, o visto chega na minha cidade através de um despachante da agencia de viagens), e assim que sair o dela pra eu dar entrada no meu e da minha esposa, o que você acha, fica mais fácil pra eu conseguir tirar os outro depois, ou é melhor minha filha ir comigo no consulado pra eu tirar visto familiar ?

    • Esses caras não sabem o que falam. Eu nunca ouvi falar em tal asneira. É claro que tirar o visto em família é muito mais fácil. Porém isso pode está acontecendo como uma nova tática. Mas eu não confiaria!

  140. Prezado Por favor, me ajude, me disseram que o registro do nome no serasa ou spc pode interferir quando for tirar visto e o pasoporte , isso é vdd??? me ajude por favor, teve amigos meu que ja me disse isso. SERÁ QUE ISSO É VDD MESMO???

    • Não é verdade Carlos, A não ser que sua dívida seja muita grande e exista um ordem para você não sair do país

  141. Wanderson disse:

    Entendi, no caso da minha esposa, estou orientando ela a dizer, em caso o Consul perguntar. Que a viagem dela e dar minhas filhas vão ser bancado por mim. Esta certo? O meu Imposto de renda vai ficar no valor de R$ 50.000,00 é pouco? e só tenho na conta R$ 19.000,00 pois fiz alguns investimento, como foi a comprar de um terreno. por gentileza mim explicar melhor, Minha esposa vai ser entrevistada junto a mim ou separado?

    • Sim você vão ser enntrevistados juntos, desde que marque a entrevista para a família, As perguntas serão feitas para os dois mas eventualmente, eles podem perguntar a cada um. Não têm segredo Wanderson.

  142. Stefânia disse:

    Liguei no Citi bank e eles disseram que pode ser pago em qualquer banco.Outra duvida,o numero do MRV ira sair no comprovante do pagamento do boleto?

    • Rodrigo disse:

      Olá, tbm estava com essa dúvida, mas resolvi arriscar e paguei pelo internet banking do Banco do Brasil. Foi aceito normal. Sobre o MRV, o numero é o que fica no próprio boleto, no campo nosso número.

    • O MRV é o que está no seu boleto Stefânia!

  143. Stefânia disse:

    Entao,la fala nos bancos autorizados,mas nao fala o banco.

  144. Stefânia disse:

    Bom Dia!Eu gerei o boleto da taxa do visto para os Estados Unidos para pagar.Posso pagar no Itau?E o nº do MRV o banco que vai me informar qd efetuar o pagamento?

    • Stefânia acho que você deve pagar no Citi Bank. Você leu o post com as dicas?

  145. Wanderson disse:

    Bom dia João, Como vou tentar o visto com a família estou com algumas duvida! Eu e minha esposa moramos juntos a 9 anos porem não somos casados no civil, Isso pode nos prejudicar na entrevista? Minha esposa vai ser entrevistada junto a mim? Levar as crianças no dia ajuda em alguma coisa? Desde já grato!

    • Wanderson, principalamento no eu caso que não é casado legalmente, levar as crianças é uma boa idéia, Porém, você devem está antenados pois eles podem perguntar a todos e as respostas devem ter coerência, falou?

      • Wanderson disse:

        Entendi, no caso da minha esposa, estou orientando ela a dizer, em caso o Consul perguntar. Que a viagem dela e dar minhas filhas vão ser bancado por mim. Esta certo? O meu Imposto de renda vai ficar no valor de R$ 50.000,00 é pouco? e só tenho na conta R$ 19.000,00 pois fiz alguns investimento, como foi a comprar de um terreno. por gentileza mim explicar melhor, Minha esposa vai ser entrevistada junto a mim ou separado?

  146. Nailton disse:

    João é verdade que estão liberando visto mais facilmente nos dias de hoje?

  147. Marcos disse:

    Olá João, fui para estados unidos com 9 anos de idade fiquei morando com meu Pai que na época morava ilegal, Estudei la aprende Inglês, cheguei fazer até o primeiro ano de High School, completei 16 anos vim embora, agora estou querendo voltar lá a passeio com minha namorada que já esteve lá antes e ainda está com visto valido. Ao uns 8 anos atras já tive um visto negado será que foi porque fiquei ilegal la? Hoje tenho um novo passaporte, tenho trabalho fixo, esse ano estou declarando imposto de renda, mesmo assim corro risco de ser negado? Se o Consul perguntar se já estive nos Estado Unidos devo falar que sim?

    • Marcos, deve sempre falar a verdade, mesmo correndo o risco de ter o visto negado outra vez. Não por falar a verdade mas é que eles t6em todo o seu histórico de quando ficou lá. Mentir seria pior do que falar a verdade, Vai por mim! O seu visto foi negadpo no passado exatamente por esta razão. Ter vivido lá ilegalmente!

      • Marcos disse:

        Entendi!
        João a pessoa nessa situação minha não consegue mais visto? Você conhece gente que já viveu la ilegalmente que já conseguiu outro visto? O que devo fazer para demostrar a eles que só quero ir a passeio?

        • Pode conseguir sim, mas é bem mais difícil Marcos. Conheço pessoas que conseguiram sim. Para provar isso, você precisa ter uma vida muita bem estabilizada no Brasil. Isso seria a primeira regra, o que na verdade não garante o visto, mas… Você deve tentar com o que você têm, e ser completamente honesto e, contar com a sorte, vai precisar dela!!!

  148. Wanderson disse:

    João, minha mãe morar nos Estados Unidos a 17 anos. Casou-se com americano e pegou o greencard mais não fez aplicação para cidadania. Depois de 6 anos se divorciaram tudo certinho. Todo ano ela vem nos visitar esse ano estamos querendo fazer diferente. Estou querendo ir com a minha esposa e minhas 2 filhas ver ela e conhecer os Estados Unidos. A viaja vai ser bancada por mim e minha mãe. Eu trabalho de carteira assinada a 3 anos como Representante Comercial (vendedor) tenho salario de $ 1.215,00 reais na carteira e comissão das vendas que gerar em torno de $ 2.500 reais a mais. Porém nunca declarei o IR. Estamos querendo tentar o visto para viajar agora em Julho aproveitando as ferias das meninas e a minha também que vai cair no mesmo mês. O que devo fazer para ter grandes chances de não ser negado?
    Devo falar que ela morar lá? Fiquei sabendo que isso só piora as coisas porem é a verdade! O que vc sugere?

    • Acho que você deveria aproveitar que está dentro do prazo e fazer o seu imposto de renda com esse valor de salário + comissão, não precisa falar que sua mae mora lá, mas está saindo de férias com a família, só isso!

      • Wanderson disse:

        Obrigado João, outra pergunta não tenho casa própria, no momento estou morando de aluguel e mexendo com construção em terreno que acabei de pagar! Isso pode dar algum problema?

        • Nenhum problema, leve essa documentação de terreno e alguma coisa da construção, só para uma segurança, mas eles não vão te perguntar nada sobre esse assunto de moradia!

          • Wanderson disse:

            Companheiro, muito obrigado pela a sua atenção! Vou seguir sua dicas! Desde já grato!

  149. la,entao vivo aki na suica, tive um visto negado em janeiro ai no brasil para os estados unidos, dai resolvi vir para europa, o2 amigos que estao comigo conseguiram em londres pegar o visto para os estados unidos, eles ficaram la ilegal por 10 anos, e nada constou aki…. 85 more words

    • ola, me chamo marco,entao vivo aki na suica, tive um visto negado em janeiro ai no brasil para os estados unidos, dai resolvi vir para europa, o2 amigos que estao comigo conseguiram em londres pegar o visto para os estados unidos, eles ficaram la ilegal por 10 anos, e nada constou aki….
      Responder
      Cancele a resposta

      • la, me chamo marco,entao vivo aki na suica, tive um visto negado em janeiro ai no brasil para os estados unidos, dai resolvi vir para europa, o2 amigos que estao comigo conseguiram em londres pegar o visto para os estados unidos, eles ficaram la ilegal por 10 anos, e nada constou aki….
        Responder

  150. Lis disse:

    Olá João, tudo bem? No formulario onde eles perguntam onde vc vai ficar, preenchi o endereço de uma amiga americana. Isso é ruim? Seria melhor colocar um hotel? E na outra pergunta sobre um contato nos EUA, eu coloquei o contato dela. O que vc sugere? Já que eu ouvi falar que não é bom dizer que tem amigos lá. Estou nervosa pois quero ir a NYC a passeio, mas estou desempregada e meu pai que custearia a viagem, como eles geralmente reagem a isso!? **seu blog foi mto esclarecedor!!

    • Lisa, espero está errado, mas o seu visto têm uma grande chance de ser negado. Primeiro, você não trabalha, segundo, T6em essa amiga no em NYC. Isso não te favorece em nada, ok? Mas o que está feito, está feito, e agora não pode mais mudar. Boa sorte!

  151. Rodrigo disse:

    Boa tarde,
    Preenchi o DS-160 com alguma informações erradas como os endereços em portugues (no padrão dos Correios), o tipo de visto B2, mas na hora de marcar a entrevista, escolhi B1/B2, e não coloquei a escola que fiz o ensino fundamental, apenas o ens. medio em diante. Você acha que essas informações inconsistentes podem me atrapalhar na entrevista? Outra coisa é que já comprei a passagem (sei que não é recomendado, mas não resisti a uma boa promoção) e informei no formulario até os nº dos voos, será que dará algum problema? Obrigado!

    • Problema não dá Rodrigo, quanto aotipo de informação que vc não colocou, nao vai afetar em nada a aprovado ou desaprovar o seu visto.

      • Rodrigo disse:

        Obrigado João!
        Mais uma dúvida.. Na hora que enviei o formulario só imprimi a página de confirmação e não ele inteiro, agora queria pegar para estudar direitinho o que tinha colocado mas não tem essa opção mais, como tenho o arquivo salvo no PC, posso tentar resgatá-lo? Pode dar problema se eu preencher uma nova aplicação apenas para ver os dados sem enviar de fato?

        • Acho que não deveria fazer isso não Rodrigo. Fica quieto, mudanças neste formulário pode não ser bem visto.

      • Reis Junior disse:

        joão, me ajuda,

        1º tenho visto de turismo e quero emitir o de minha filha de 3 anos, posso sozinho tirar o dela, ou tem q ir eu e a mae dela?

        2º tenho visto e quero emitir o visto americano de meu sobrinho, a mae dele (minha irmã) é falecida e seu pai mora no interior e não tem grau de instrução pra lidar com essas situações, como faço pra eu sozinho tirar o visto americano de meu sobrinho?

        • Reis essa é uma situação mais delicada, primeiro precisa de autorização de viagem do pai dele. Juizado de menores entre outros documentos. Pesquise ai no Blog que têm todas as resposas. Para a sua filha, é melhor tirar o visto juntos em família, incluindo a esposa claro!

          • Reis Junior disse:

            posso tirar sozinho o de minha filha?

            sobre o do sobrinho: 1º confeccionamos autorização de viagem do seu pai autorizando, ok, mas se eu for tirar o visto dele, o visto nao virá com periodo especifico pra a viagem, ou vira com 5 ou 10 anos, igualmente o meu?

            quais documentos devo providenciar além da aut de viagem?

            • Se você conseguir, deverá ser igual ao seu, Para os documentos, pesquise no Blog pelo post autorização de viagem para menor desacompanhado. algo assim. Você têm lá todas as respostas…

  152. Charlie disse:

    ok, obrigado………….

  153. Charlie disse:

    Bom dia, na hora da entrevista levo os cartoes de creditos ou as faturas ??? Meus limites de créditos não são muito altos, algum problema nisso? Sou membro do Lions Clube da minha cidade, isso ajuda alguma coisa ???

    • É bom apresentar o cartão do Lions, quem sabe? sim leve os cartões para a entrevista Charlie!

  154. Vinicius disse:

    Olá ! Tive o visto aprovado, minha dúvida, nesse prazo de 10 dias úteis eles irão olhar SERASA SPCSP etc… , paguei com cartão de crédito o visto coloquei meu cpf depois de ter o visto aprovado fiquei meio aflito, mas eu tenho restrições no meu nome no SERASA , será que eles podem revogar o visto, meu irmão renovou o dele e funcionário do Governo e tb tem restrição será que pode ocorrer algo errado nesses 10 dias úteis, ou eles somente irão imprimir a estampa do visto, obrigada
    outra dúvida minha prima tem visto de turista, ela está para pedir visto de noiva , namora um americano, ela também tem restrição no nome será que isso será problema ou não tem relação alguma, restrição nossa nos bancos e sobre cartão de crédito e cheque especial, os bancos abusaram então resolvemos deixar para acordo, de qualquer forma se souber nos informar ficamos agradecidos. gratos

    • Sem problemas com restrições de nome no SERASA, não se preoculpe!!!

  155. Charlie disse:

    João bom dia, tenho uma cunhada que já tem o visto e já viajou pra lá há uns 3 anos atrás (a condição financeira dela é muito boa), ela vai pra Orlando em Julho e vai levar minha filha de 12 anos junto (minha filha não tem o visto ainda), minha esposa e eu estamos querendo ir também, porém, não declaramos IR e estamos fazendo a declaração este ano, minha esposa é funcionária pública municipal concursada e ganha na faixa de R$ 2.000,00 e também é psicóloga e ganha mais uns R$ 1.500,00, eu sou registrado em uma empresa ha quase 3 anos, porém, meu salario em carteira é de apenas R$ 750,00, mas ganho mais do que ela por mês (sem comprovação), a movimentação na conta corrente da minha esposa é alta, passa dos R$ 10.000,00 por mês, mas quase nunca tem saldo sobrando, tenho casa própria em meu nome, minha filha estuda em escola particular, mas não tenho veículos em nossos nomes, apenas um consórcio que pago no nome da minha esposa e não fui contemplado até o momento, o problema também é que meu nome está com restrição no SPC e Serasa (somente o meu), o que devo fazer, tirar o visto da minha filha primeiro, como se a tia (minha cunhada) dela estivesse pagando a viagem, ou tento tirar da família toda juntos (como se eu estivesse pagando a viagem)? e gostaria de saber por eu ter restrição financeira se implica alguma coisa na liberação do visto? Também tenho a opção de tirar o visto como se a minha cunhada estivesse dando a viagem pra nós também, o que é melhor? desde já, obrigado.

    • Charlie, primeiro, as restrições no se u nome não implica, mas esse salário é muito baixo. Como sua esposa movimenta R$10.000 por m6es, vocês tiram o visto de família e ela é a bancadora da viagem. Porém, deve ter extratos bancários, cartões de créditos que comprove, por outro lado, os gastos, já que não têm saldo de conta. Esses valores também deveria constar no IR, mas não é obrigatório. Pode ser que voc6es não queiram mostrar todos esse ganhos para o governo. assunto pessoal. vai por mim!

      • Charlie disse:

        Então, posso levar os extratos bancarios junto, mas não dará problemas pra ela, por não estar no seu IR ?? meu IR esse ano (referente a 2012) vai sair na faixa de R$ 24,000,00 e o dela na faixa de R$ 40.000,00, o problema João num é que não queremos mostrar esses ganhos pro governo é que oscila muito o saldo na conta, entendeu???, sempre ta positiva a conta, mas o saldo é baixo, apenas a movimentação é que é alta…

        • Tudo bem, mas se vocês tiverem alguma poupança, seria bem interessante, Não esqueça de juntar os cartões de crédito, isso também vai te ajudar. Não esquente a cabeça, não vai prejudicar em nada.

          • Charlie disse:

            Seu blog é muito legal e útil, muito obrigado e sucesso a vc, me ajudou muito………….

            • Stefânia disse:

              Uma duvida..Primeiro tenho que preencher todo o formulario,depois pagar a taxa e so depois agendar a entrevista?

                • Stefânia disse:

                  Mas aonde que gero essa taxa para pagar?

                  • Stefânia, se você ler o artifgo com atenção, vai ver que o link para gerar esta página do formulário, está lá. Alias. aqui você encontrar respostas para tudo, sobre o visto de viagem!

              • Samuel disse:

                Eu tbm estava com essa duvida. So consegui depois de preencher os questionários mesmo e pagar a taxa. mas vi em alguns sites que você pode verificar as datas disponíveis antes de agendar, mas nao sei como pois não consegui.

  156. JOSIAS disse:

    BOA NOITE João Lucena, estou pretendendo tentar meu visto americano mes que vem, mas com um salario de R$ 1500,00 por mes qual é a chance de consegui um, e quantos contra-cheques devo apresentar ao consulado, desde ja agradeço a sua resposta. obrigado

    • Josias o salário é baixo sim, mas vai lá que dar certo? apresente os três últimos contra-cheques. Seria bom ter o IR também falou?

      • JOSIAS disse:

        obrigado pela informação, sucesso

  157. camila disse:

    vou tentar meu visto e coloquei no formulario que minha mae e meu irmao estao lá, mas eu faço faculdade á 2 anos, isso prova que eu tenho vinculos aqui no brasil, sera que pode ser negado por eu ter falado que meus parentes estao la?

    • Camila, acho que o seu visto será negado, desculpe!

  158. Samuel disse:

    João, eu posso marcar a entrevista antes de mandar o formulário em definitivo? Veja: pretendo ganhar tem pagando as taxas e marcando o visto, o formulario eu posso ir preenchendo aos poucos, é possivel?
    Outra divida existe algum consulado que tem fama maior q outro em conceder ou negar vistos? Ou seja, em algumas das cidades é mais facil ou não influencia?

    • Todos os consulados são iguais, você não pode maracar a entrevista sem ter enviado o formulário, acredito. Boa sorte!

  159. Daiane disse:

    Olá João, boa tarde! Achei muito legal seu blog. Vou te contar que estou pagando pelo serviço de um despachante e ainda tenho dúvidas se as chances de meu visto sair são boas, pois eles não querem se comprometer com nada.

    Vou te contar minha história e vc me da sua opinião:
    Tenho 31 anos, sou formada em química e faço mestrado na minha area (vou terminar no começo de 2014). Trabalhei 6 anos em um laboratorio ganhando mais de R$ 4.000,00 por mes (e declarando IR em todos esses anos), so que em janeiro fui mandada embora e como nunca tive oportunidade de estudar fora, resolvi pegar o dinheiro que recebi e investir em um curso de ingles em NY (Vou tirar visto de estudo por conta da carga horario do curso, já tenho o I20).

    Moro sozinha em um apartamento financiado pelo banco (quase 3 anos de financiamento) em meu nome, sou solteira, e estou fazendo o mestrado, mas estou desempregada.

    O curso que vou fazer vai ser em NY, mas vou ficar na casa da minha em uma cidade vizinha. Minha prima é nativa dos USA. Vou pedir a carta convite para ela. (Essa carta tem que ser enviada pelo correio pela minha prima ou pode ser enviada por email, ou de proprio punho enviada escaneada por email?)

    Estou com uma duvida enorme, pois cada um que eu converso me diz uma coisa diferente.

    Me indicaram colocar que meu pai esta custeando a viagem, mas na verdade quem esta custeando sou eu (com o dinheiro que recebi). Meu pai declara imposto de renda e tem propriedades, mas se olharem no extrato bancario dele vão ver que quase sempre a conta corrente dele esta no vermelho e que isso mostraria que ele não teria como custear a viagem.

    E como vou levar meu IR’s e meus extratos eles vão ver que o montante do dinheiro esta na minha conta e que esse dinheiro não veio do meu pai.

    Realmente não sei qual a melhor saida para mim!!

    Poderia me ajudar com sua experiencia?

    • A carta seria mais interessante se for por correio, assim você pode provar o endereço que vai ficar. Você deve colocar que você vai custar a viagem, se têm como provar os recuros que têm em poupança. Daiane, Não têm segredo. Na verdade esses dispachantes não sabem nada, desculpe. Na sua situação, você não precisa de despachante. Está pagando para eles fazerem nada. O que fazem é levar a sua documentação e dar entrada. isso vc mesma pode fazer. Não se preoculpe que eles(consulados), não são bicho papão Daiane. Seja honesta em suas informações para com o pessoal do consulado e tudo vai sair bem. vai por mim. Boa sorte!

      • Daiane disse:

        Olá João,
        Vim deixar meu depoimento sobre o visto!! Minha entrevista foi ontem.
        Foi uma mulher que me atendeu, simpatia zero. Me fez 3 perguntas: pq eu estava indo para os USA, se eu era solteira e tinha filhos e quem ia custear a viagem!!! Não me pediu para ver nenhum documento, absolutamente nenhum!! Até estranhei. Ou eles tem muita informação nossa antes da entrevista ou eles realmente estão abrindo as pernas!!

        Muito obrigada pelo conselho, foi realmente muito útil!!

        Sorte para todos que estão tentando o visto!

        • Samuel disse:

          Daiane, seu visto foi aprovado?
          Qual foi o consulado?

        • Daiana, têm pergunta pra você do Samuel. Parabéns pelo visto aprovado. Fuciona bem melhor quando você toma as decisões corretas antes de processar o pedido da entrevista, não funciona?

  160. Adriana disse:

    Boa noite João! Pretendo levar meus dois filhos mais velhos para a Disney em Setembro. Sou professora de inglês, já tive carteira assinada, mas no momento trabalho em casa com aulas particulares. Fiz meu imposto de renda de 2012 no valor de 3.500,00 mensais, mas não possuo contra-cheques, apenas os recibos que dei aos meus alunos e um contrato de trabalho de uma escola onde presto serviço autônomo. No formulário para o visto coloquei que custearia minhas despesas e meu marido custearia a dos meus filhos. Sou casada com um militar do exercito. Na verdade nos dois pagaremos as despesas juntos. Possuímos conta corrente juntos mas somente ele possui cartão internacional. Temos casa própria financiada pela caixa, e um carro em meu nome. Eu já obtive um visto de estudante em 1996, fiquei um mês em uma universidade mas já faz muito tempo. Pretendemos ficar la por 12 dias, meu marido tem contra-cheques, o valor e de mais ou menos 3.000,00 bruto e também já declarou o IR. Depois de ler vários comentários fiquei com medo de ter o visto negado, fiquei preocupada com a questão da renda, afinal nos usamos muito dinheiro em especie, recebo dos meus alunos e já pago alguma coisa, não movimento muito no banco. E outra coisa foi o fato de eu ter colocado que eu pagarei minha viagem e meu marido a dos meus filhos, fiz isso porque queria incluir minha renda também. Meu marido ficara com meu filho mais novo, que e uma criança especial, por isso não vai conosco. Minha entrevista e agora dia 19. Tenho motivos de estar preocupada?

    • Adriana acho que está tudo bem, mas seria bom tirar o visto de todos, incluisive do marido, mesmo ele não viajando. Só que você já deve ter reenchi do o Ds-160. Mesmo assim acho que está tudo bem?

      • Adriana disse:

        Pois então eu ate insisti para que ele tirasse o visto com a gente e ele não quis justamente porque vai ficar com meu filho mais novo. Somente depois eu soube que ele não poderá entrar conosco no Consulado. Acredito que agora não seja mais possível inclui-lo na entrevista… mas torço para que de tudo certo. Obrigada por ser tao prestativo e ajudar tantas pessoas! Quando voltar do Consulado vou postar o resultado, tomara que seja positivo! Mais uma vez obrigada!

  161. Mister disse:

    João, muitissimo obrigado pela atençao, fico mais tranquilo em saber disso…assim que chegar voltarei pra contrar… abraços e parabens pelo blog, nota 10.

  162. mister disse:

    Ola João.
    Sabe dizer porque, quando eu acesso o site da CEAC com meu case number, da “ISSUED” e quando eu acesso com o application ID aparece “processo administrativo” ??? eu entrei em processo administrativo no dia 1 de março…. nao da pra entender mais nada…… qual sera que esta certo…era pra tar os 2 dando iguais, nao é ? obrigado

    • Mister, eu também não entedi nada do que você perguntou. Desculpe! De que processo administrativo você está falando, seja mais específico.

      • mister disse:

        Me desculpe Joao, vou explicar melhor.
        Fui tirar o visto com minha familia, mas só eu fiquei em processo administrativo. minha mae, irma e noiva tiraram na hora, e eu que ia custear a viajem da minha noiva,e tenho fortes vinculos no brasil, cai em processo administrativo. enfim, eles nao pediram nenhum documento pra mim. apenas me entregaram uma folha verde. Nessa folha verde, consta um numero “case number” , e no site CEAC, da pra verificar o status do processo. Tem 2 numeros que podem ser usados, o “case number” que fica na folha verde, e o “application ID” um numero com letras que vem na DS-160. com esses 2 numeros no site da CEAC podemos verificar… mas ai que ta o problema, em um numero o status da “ISSUED”. e no outro da “administration processing”. Entao, minha duvida é, se os 2 numeros sao do meu processo, eram pra dar iguais certo?
        muito obrigado

        • É deveriam está iguais sim Mistir. Mas como em um está Issued, deve ser notícias boas que vem por ai. Não se preoculpe. O que deve ter ocorrido foi alguma informação no DS-160 que não está de acordo as info das demais pessoas que estão viajando juntos. Mas o seu visto vai sair sim! Também poderá ser chamado para nova intrevista, isso acontece!

          • Mister disse:

            Obrigado pela resposta João. Espero que sejam boas noticias…
            Só pra constar. O numero da Ds-160 esta dando como processo administrativo….. e o numero que o consul colocou na folha verde esta dando como issued.
            No final da entrevista, ele falou, vistos aprovados, mas o seu vai demorar mais um tempo para chegar…. vai entender…. e o pior é esperar sem saber, nem rastrear vou poder mais…ja que estao dando diferentes… e o pior ainda, é ter que voltar a sao paulo, pois sou de curitiba… e vou ter mais um gasto…fazer o que né…. obrigado, mais novidades e eu postarei aqui para o pessoal que estiver na mesma situaçao que a minha.
            abraços

            • Seu visto foi aprovado Mister, a questão administrativa, é assunto interno, não se preoculpe que logo-logo o seu passaporte estará chegando, falou?

  163. marcos disse:

    ola João Lucena boa noite, pretendo tentar meu visto, moro com minha mae e ela tem um comercio de roupas registrado no nome dela, porem tenho uma renda mensal de r$ 1,300 estou pensando em chamar minha mae pra ir comigo no consulado e que ela iria comigo e que me ajudaria na despeza , tenho chance de consegui o visto?
    obrigado

    • Tirar o visto com ela fica mais fácil, como se ela fosse viajar também. Se é que não vai. Sozinho com esse salário, pode não conseguir!

      • marcos disse:

        como seria a resposta correta se me perguntarem, quem vai manter a minha dispeza. eu responderia que seria minha mae ou responderia que seria eu com a ajuda de minha mae?

        • Marcos, pode ser sua mãe, dependendo do que ela ganha, se for bem mais do você?

          • marcos disse:

            por ser um comercio em uma cidade do interior a renda deve girar em tordo de r$3,500 a r$4000,00 por mes, mais muito obrigado João Lucena, irei tentar e postarei o resultado aqui…tudo de bom, Deus abençoe vc pelo trabalho que esta fazendo.

  164. Karen disse:

    Melhor eu esperar minha promoção e a minha matricula na faculdade né? Eu li boa parte dos comentários do seu blog,pelo que percebi quando se tem o visto negado a primeira pergunta que fazem na próxima tentativa é o que mudou na vida da pessoa nesse tempo intermediario entre uma entrevista e outra.

  165. Karen disse:

    Entendi daqui a quanto tempo você me recomenda a tentar novamente? Meu primo de segundo grau pode fazer entrevista junto?
    Sinceramente parece muito aleatório,parece que é cota,sorteio ou sei lá o que,o consul nem na minha cara olhou,falta de respeito

    • É assim que funciona Karen, eles são funcionários públicos, não esqueça disso. Você pode tentar a qualquer momento e acho que o primo pode tentar junto sim, por ser familia. Se eu fosse você organizava melhor a sua documentação. Mas não esqueça que já fez o seu histórico e isso fica armazenado. Vai lendo ai os comentários que vc vai ter uma idéia do que as pessoas falam, ok?

  166. Karen disse:

    Então isso que a embaixada diz que ter o visto negado da primeira vez não influencia na segunda é mentira?/

    • Na verdade não. Mas se você não pôde provar vínculo na primeira entrevista, fica complicado provar em um futuro próximo, concorda?

  167. Karen disse:

    Bom João como disse ganho 2.600 e sou gerente administrativa em um comércio do ramo alimenticio e mesmo assim foi negado,tenho 24 anos,acho que fiquei nervosa,como disse moro com minha vó,tia,e minha prima e o filhinho dela moram juntos,mas pra resposta não ser muito longa falei vó e tia,não menti,mas provavelmente daqui a uns 2 meses minha mãe virá morar aqui,pois ela mora sozinha você disse que eles podem ter pensado que ela está nos EUA e com meu pai não mantenho contato mesmo,não sei se eu devia ter esperado,e serei promovida a gerente geral muito em breve meu salário deve ir pra em torno de 3.800,e irei declarar meu imposto de renda do salário de 2.600 agora em março,e pretendo começar a faculdade daqui 4 meses,pois preciso aguardar a outra escola fornecer meu histórico escolar para prestar vestibular,tendo em vista todas essas mudanças você acha que terei boas chances daqui uns 6 meses? meu primo de segundo grau que iria comigo,tem como fazermos entrevista juntos?
    Quando for promovida receberei uma bonificação,caso queira converter essa bonificação em passagens aéreas eu posso,então colocar da proxima vez que a empresa bancária ira bancar seria uma boa ou não? Ou é melhor apenas levar uma carta dizendo que tenho uma bonificação podendo ser recebida quando eu desejar?
    Obrigada e desculpe a quantidade de perguntas

    • Karen você já sabia que ia ser negada, mas não se desespere. Basta se organizar e fazer as coisas certas. Mas depois de ser negado a primeira vez, fica complicado. Comece declarando o IR e fazendo movimentação bancária. Se vai voltar a estudar, é um ponto positivo. São as coisas básicas de se manter o vínculo que eles tanto pedem, Ok

  168. karengonc@gmail.com disse:

    Um absurdo,meu visto foi negado hoje,as perguntas foram simples,embora tenha levado carta da empresa,declaração de imposto de renda,holerites,o consul da cabine 8 que parece o Chris Rock não quis ver absolutamente nada,disse que eu não me enquadrava e que meu visto havia sido negado,não sei o que pode ter dado errado,ele perguntou quantos anos eu tinha,o que fazia no Brasil,quanto ganhava,perguntou em que eu era formada,não sei se foi porque eu disse que não era formada que ele me negou,pois só tenho ensino médio,e o pior que ele nem olhava na minha cara,em nenhum momento olhou,perguntou se ja tinha ido pra fora do Brasil,falei que não,com quem morava,falei com minha vó e tia,e pra onde eu ia

    • Karen, com certeza já o peenchimento do DS-160, você se entregou para os oficiais. Ao que me parece, você não pode provar vínculos fortes com o Brasil. A colocar que morava com a avó e Tia, automáticamente eles deduziram que você estava vindo para os EUA para encontrar os seus país. Faz sentido? Ao mesmo tempo, parece ser jovem e uma “imigrantes”, em potencial, sem um bom trabalho e disposta a ventura-se nos EUA. Talvez isso não faça sentido pra você, mas pra eles faz.

      • karengonc@gmail.com disse:

        Então João,o salário 2.600,00 gerente administrativa,pra eles é um cargo ruim? fiquei na dúvida se mentia ou não referente com quem morava,porque na verdade sempre morei com minha tia e minha vó,meu pai mora na mesma rua que eu mas não falo com ele,e minha mãe mora aqui na cidade vizinha,e minha pretensão era ficar apenas 7 dias

        • Erineuza Moniz disse:

          Olá João !
          Se permitir quero colocar esta informação no seu blog.

          A proibição sobre as noivas ou esposas de entrar nos Estados Unidos com um visto de Turismo.Ao contrario daquilo que poderia parecer lógico, uma noiva ou esposa não podem entrar nos Estados Unidos com um visto de turista – ou visto de renúncia , se sua intenção é de residir nos Estados Unidos de modo permanente no momento da entrada.
          Qual é a justificação legal para esta proibição?

          Tal como no momento de entrada nos Estados Unidos, aqueles que têm a intenção de residir de modo permanente nos Estados Unidos, não podem entrar com um visto de turismo uma vez que o visto exige que o detentor tenha uma intenção “temporária” ou não imigrante. Claro, a representarem-se como turistas eles podem ser acusados de terem cometido uma “fraude”. Isso por si só poderá ter consequências seriamente negativas.
          Para resumir: NÂO ENTRE NOS ESTADOS UNIDOS COM UM VISTO DE TURISTA SE VOCE TIVER A INTENÇÃO DE FICAR ALI DE MODO PERMANENTE. TIRE O TEMPO NECESSÀRIO PARA OBTER O VISA CORRETO POR MUITO INCOVINIENTE QUE POSSA SER.

    • Samuel disse:

      Qual foi o consulado? estou com medo do meu ser negado tbm.

  169. Murilo Matos disse:

    Boa Tarde!É preciso levar extrato bancario no dia da entrevista?se a pessoa nao fizer movimentação?

    • É sempre bom apresentar toda a sua situação financeira, Murilo. Se não tiver, não leva, mas não é bom. Como você vai provar que têm condições de viajar e vínculo com o Brasil?

  170. Stefânia Ellen disse:

    Bom Dia.Tenho algumas duvidas.Em Junho vou ter uns dias de ferias e vou aproveitar para tirar meu visto para viajar no final do ano para Miami e Orlando.Tenho 28 anos,sou formada em administração,trabalho como auxiliar administrativo,carteira registrada a 1 ano e 1 mes com salario de 1.300,00,tenho uma casa financiada pela Caixa no meu nome e do meu irmão,quem paga a prestação da casa é meu pai.Tenho cartões internacionais.Uma quantia de R$ 4.000,00 na conta que estou juntando ate final do ano p viajar,e no final do ano tem o Decimo Terceiro tmb para ajudar na viagem.Quais as Chances que tenho,devido minha renda nao ser muita?É dificil preencher o formulario?tem uma agencia que eles fazem,mas cobra 150,00 pra preencher com os nossos dados.Agora em março ja posso preencher agendando para o periodo de Junho?Quais as documentações tenho que levar no dia da entrevista?Vou ficar la 10 dias,vou viajar com minha avo e uma tia,que já tem visto,mas ainda nao sabemos em qual hotel vamos ficar,estao aguardando eu conseguir o visto p marcarmos.Desde ja agradeço.

    • Stefânia, leia os textos sobre visto no Blog que você encontra todas as repostas, Ok? inclusive têm um sobre o preenchimento do DS-160. Acho também que você é uma imigrante em potencial, mas mesmo assim têm vínculos com o Brasil e Têm chances de conseguir o visto, mesmo com o salário tão baixo. Boa Sorte!

      • Stefania Ellen disse:

        Ok.Obrigado!

  171. Carlos Alberto disse:

    Ola João
    Tenho visto americano que vence agora em Março de 2013, tirado em 2003, tenho varias viagens para os USA, mas estou desempregado desde novembro de 2012, qual o risco de ter meu visto negado?, não pretendo viajar agora, mas gostaria de ter o visto pronto para qualquer eventualidade.

    Grato pela resposta

    • Carlos Alberto, sem dúvidas, renovar agora seria o melhor para você, mas por está sem trabalho, não aconselho fazer. É bom esperar até que volte a trabalhar. Mesmo porque a renovação é sempre mais fácil. Mas você precisa mostrar um vínculo com o Brasil. A outra vantagem de fazer agora, antes de vencer, seria o fato de você não precisar fazer uma nova entrevista. Mesmo assim acho que você não deveria correr este risco. Eles podem negar a renovação.

      • Carlos Alberto disse:

        Muito Obrigado pela pronta resposta, irei esperar então, alias parabéns pelo seu BLOG.. muito elucidativo.

        Grande Abraço

        Carlos Alberto

  172. Samuel disse:

    João, permita-me tirar mais algumas dúvidas. A entrevista é marcada antes ou depois do preenchimento do questionário? o agendamento é feito pela internet? Como faço pra marcar a entrevista da minha noiva junto comigo? Ela esta desempregada e vou custear toda viagem. Alem de marcar entrevista junto deveria fazer a carta de custeio? abraços

    • entrevista é marcada depois do formulário e o agendamento pode ser pela internet sim. A sua noiva como não é familia, deve precisar da carta custéio. Mas o visto dela fica a mercer dos entrevistadores. Ele é mais difícil por ela não ser sua esposa, por exemplo!

      • samuel disse:

        Entendi. Mas iremos em lua de mel. Como faço pra marcar a entrecista junto com ela? Tem essa opcao na hora de marcar a entrevista ou eu tenho que pedir la no dia?

        • Não, Samuel, você vai marcar a entrevista para fazerem juntos, ok?

          • Samuel disse:

            E isso mesmo que preciso saber, como marco junto essa entrevista? coloco ela como esposa ja que viajaremos casados?
            Na hora de marcar no site tem uma opcao de marcar entrevista para 2 pessoas?

  173. Uilian disse:

    João

    Como eu sou isento e não declaro IR, o fato de eu já ter viajado para Londres ajuda pra tirar o visto americano?
    Eles levam em conta isso ou não faz diferença?
    Mesmo com uma renda atual de R$ 1200,00, acredito que não terá problema, já que já fiquei alguns dias em Londres e voltei. rs

    • É verdae Uilian, ajuda sim, aliás muito!

  174. Fernanda Carneiro disse:

    Ola João.
    Estou pretendendo viajar para a Disney em Outubro deste ano com o meu filho de 6 anos e meu marido.
    Trabalho na Caixa Econômica há quase 8 anos, tenho uma renda mensal de mais ou menos 5 mil mensais,declaro IR há 8 anos, tenho apartamento ( em construção , foi comprado na planta ano passado) , carro no meu nome e uma poupança de mais ou menos 60 mil.
    Ocorre que meu marido esta desempregado há uns 6 meses, mesmo sendo isento, ele também sempre declarou IR , tendo como bens 1/6 do apartamento que moramos atualmente e 1/6 de 2 terrenos em Maricá, esses bens foram herdados do seu pai.
    Nos tiramos passaporte há pouco mais de 2 anos, pois tínhamos a intenção de viajar naquela época e como ocorreram outras prioridades, como a compra do imóvel por exemplo, nós acabamos por adiar esta viagem .
    Gostaria de saber de você, sobre o fato do meu marido estar desempregado, como devemos tratar esta questão pois serei eu quem custeará toda a viagem.
    Ah, outra coisa, há mais ou menos 1 ano, eu cheguei a preencher o formulário DS 160 você acha que isso interfere em algo já que eu não dei prosseguimento ao processo?

    • Fernanada, as coisas estão em em sua casa. Financeiramente vocês não têm problema, porém, Pode ser que eles questionem sobre o DS-160 de 2 anos atrás, mas isso não deve atrapalhar o seu visto. Seja sincera na entrevista, e acho que sairá tudo bem.

  175. moises disse:

    primeiro gostaria de parabenizar o blog, é otimo, estou querendo e muito tentar meu visto…sou de MG e sou professor de matematica recem formado, ainda nao cosegui pegar aulas para trabalhar, queria uma opiniao sua do que eu devo fazer, me aconselha consegui umas aulas primeiro para eu tentar o visto ou voce acha que por eu ser professor tenho chance de consegui o visto?
    desde ja agradeço

    • Moises, o aftor de ser Professor não melhora suas chances, se voc6e leu o post, sabes que precisa provar um vínculo com o Brasil para ter o seus visto a provado. Para isso, leia novamente, se ainda não está bem claro. Junte toda essa papelada ai e tente. Se ainda não tens um trabalho, pode ser um pouco difícil conseguir, boa sorte!

  176. Stefania disse:

    Olá..Uma duvida,os extratos que tenho que levar pode ser que imprimos pela internet?ou tem que ser aqueles do caixa mesmo?E basta levar os cartoes internacionais ou tem que levar a sfaturas também?

    • Stephane, pode levar os extratos da Internet já os cartões não precisa levar extratos!

  177. Obrigado por responder, não tenho uma renda alta no momento mas posso provar que tenho renda fixa e carteira assinidada e estudo,
    vínculos que mostram que voltarei pro Brasil depois da viagem, acho que é o que importa né?
    Outra dúvida, preciso levar um comprovante de isenção do IR ou apenas os extratos e contra-cheques bastam?
    Vou ficar tranquilo e responder diretamente, mostrando que posso custear sozinho.
    Devo mencionar também que possuo um Visa Travel Money pra fazer compras lá?
    Tô economizando 700 reais todo mês, o que me garante 1000 pra pagar as diárias no hostel e pelo menos 1500 dólares pra gastar lá.

    • Você está bem informado. O IR seria a melhor coisa pra você. Os TC é uma boa, mostra que você têm dinheiro para a viagem, leve-os, bem penssado!

  178. Uilian disse:

    Bom dia

    Li alguns comentários e queria pedir umas dicas. Pretendo fazer uma viagem de 7 dias pros EUA no fim do ano e tenho algumas dúvidas quanto ao visto que quero tirar mês que vem.

    Sou isento do imposto de renda, trablho como assistente administrativo e tenho uma renda fixa de R$ 1100,00. Moro sozinho num apartamento alugado há 4 anos. Faço faculdade e tenho 23 anos. Eu mesmo vou custear a viagem, ficarei num hostel.
    Tenho grandes chances de ter o visto aprovado ou eles podem complicar por a renda não ser alta?
    Meus vínculos com o Brasil são a faculdade e meu trabalho, vou levar comprovantes bancários e gostaria de ficar mais tranquilo até o dia da entrevista. Gostaria de algumas dicas pra conseguir.

    Desde já obrigado!

    • Uilian, cerca de 96% dos vistos são aprovados e você têm chance de ter o seu visto, mas não se engane, também pode ser negado. Os seus vínculos contam sim, mas o seu salário é muito baixo e você é considerado um imigrante em potencial, se me entende. A dica é, seja firme em sua entrevista e não mostre nem em sonho, algum sinal de está nervoso. Mostre que têm condições de bancar a sua viagem e que pretende voltar para terminar os seus estudos. acho que é por ai.

  179. Erineuza Moniz disse:

    João boa noite!
    Tenho duvidas, tive informações que tenho que casar de novo nos Estados Unidos.
    Sou casada no Brasil, tenho que casar de novo?
    Outra duvida meu esposo e do Estado de Massachusetts.
    Será que tem postos? onde ele pode ser atendido.
    Meus documentos para ter validade nos Estados Unidos tenho consularisar?
    por exemplo os documentos do meu esposo para ter validade no Brasil.
    Teve que passar pelo consulado Brasileiro em Boston.
    Os meus daqui do Brasil, para ter validade ai nos EUA . Será que tem que consularisar.

    • Todas as perguntas têm as respostas que você esperava e em Mass, têm ecritório de imigração, Erineuza.

  180. Kleber disse:

    João, parabéns pelas dicas. Cometi o erro de comprar um pacote de viagem para Orlando(Eu minha namorada e mais um casal de amigo) sem tirar o visto previamente. Acontece que há uma semana atrás minha namorada foi demitida do trabalho. Como você acha que ela deve proceder agora? Ela tem 21 anos, faz faculdade mas não tem bens em seu nome. Eu tenho trabalho fixo (Salário R$ 2.100), tenho curso técnico e superior, uma boa economia na poupança, mas sou isento do IR. Também não tenho bens em meu nome. Li em algum lugar, que apenas parentes podem fazer a entrevista juntos. Se realmente for possível nós dois fazermos a entrevista juntos existe alguma chance de adquirirmos nossos vistos ou nossa viagem foi por água abaixo? Se puder me dar alguma dica, ficarei muito grato. Obrigado

    • Obrigado. Kleber, é muito difícil falar. Como ela perdeu o emprego, eles não precisam saber dessa informação. Fazer a entrevista juntos, acho que pode ser possível, como noivos(quase casados). Mas comprar pacotes ou passagens antes de tirar o visto, é um grande erro. Poderá ter prejuízos financeiros, se não conseguir o visto. Ele deve levar a documentação que levaria de qualquer forma, independente se está ou não trabalhando. A matrícula da faculdade ajuda bastante, e, com certesa vai sair tujdo bem. Boa sorte!

  181. Patricia disse:

    Boa tarde Joao, meu namorado vai para orlando no final do ano, eu não tenho condições de ir mas meu sogro falou que me daria a viagem de presente, para eu ir também. Nesse caso tem como eu conseguir o visto ou não por ele não ser meu parente? ele deve ir para a entrevista?

    • Façam a entrevista juntos, você e seu namorado, e coloque no DS-160 quem vai bancar a viagem!

  182. Bruna disse:

    Olá João, para conseguir o visto é necessario declarar imposto de renda? sou isenta.

    • É melhor com o IR, mas pode conseguir sem declara, vai depender de sua situação financeira!

  183. Erineuza Moniz disse:

    João obrigado pela informação, sendo assim meu esposo viajará em breve.
    vou ficar triste distante dele , mas se tem que ser assim, fazer o que né.
    Que Deus me ajude e tudo dará certo. faço tudo com verdade e sinceridade.
    Deus vai me ajudar.

  184. Erineuza Moniz disse:

    Muito obrigado João pela sua resposta.
    Eu gostaria de tirar o visto B1/B2 mas por ser casada com cidadão americano.
    não posso tirar.(A proibição sobre as noivas ou esposas de entrar nos Estados Unidos com um visto de Turismo.)
    Ao contrario daquilo que poderia parecer lógico, uma noiva ou esposa não podem entrar nos Estados Unidos com um visto de turista – ou visto de renúncia , se sua intenção é de residir nos Estados Unidos de modo permanente no momento da entrada.)

    • Hum… Aprendi algo novo com você. Se você preencher a petição I-130, no Brasil, vai levar muito tempo, talvez mais de uma ano para você se legalizar. Fazendo nos EUA, dependendo do Estado, ela pode ocorrer em menos de 6 meses.

  185. Erineuza Moniz disse:

    Olá parabéns pelo blog.

    Sou casada com um cidadão americano, moro aqui no Rio de Janeiro.
    Meus esposo não gosta de viver aqui, e me convenceu ir para os
    Estados Unidos, Como faço para tirar visto de esposa aqui no Brasil para imigrar?
    Já ouvi falar no K3, andei lendo no sait do consulado e lá diz que meu esposo.
    Para dar entrada no I-130 aqui no Brasil tem que provar residência ele ainda não tem residência.(RNE)
    Deu entrada há pouco tempo. Ou será melhor ele ir embora e dar entrada nos Estados Unidos.
    Dar entrada na petição de lá, ( fazer a chamada de lá )pelo que andei lendo aqui no consulado do Rio Não dar mas entrada desde de Agosto de 2011, eu teria que reunir todos os documentos e formulários e preencher e mandar pelo correio, estou triste pois não gostaria de ficar muito tempo longe do meu esposo.Gostaria de saber qual a melhor opção ? obrigado

    • Você deveria tirar um visto de viagem B1/B2, embarque com ele e nos EUA você dá início ao processo de legalização. A petição I-130 é o documento que você vai precisar preencher. Mas o ideal é você contratar um advogado e imigração nos states. Deve providenciar toda a documentaçào e fazer a entrevista com o marido, para o visto. A legaliuzação é um processo mais demorado. Pode também tirar o visto K-3, o que achar melhor.

  186. luzineteads@gmail.com disse:

    Se pagarei a viagem com dinheiro de ferias o contador da empresa pode fazer uma carta dizendo aproximadamente quanto receberei?

    • Sim, mas se faz alguma diferênça, é outra coisa!

  187. Olá!
    Estou planejando uma viagem para Orlando, em setembro, e já estou com passaporte em mãos, eu e meu namorado vamos dar entrada com o processo de visto. Sou funcionária pública municipal há 5 anos, tenho 32 anos mas estou com medo da minha renda, que é de 3 mil mensais, não ser suficiente para comprovar que posso custear a viagem! Minhas chances de ter o visto negado são grandes ou pequenas? Há, e declaro IR há 3 anos!

    • Têm boas chances sim mesmo com salário baixo!

  188. Simone disse:

    Olá, estou pretendendo ir aos EUA com meu noivo, sendo que ele está desempregado, só estudando para concursos, e eu vou arcar com os custos da viagem.
    Eu já tenho visto americano, e já fui uma vez a NY, ano passado. Meu noivo não tem o visto ainda, e a dúvida é se ele tem chances de conseguir.
    Eu sou servidora pública federal, ganho em torno de R$ 8.000,00 líquidos, tenho carro e dinheiro na poupança.
    Será que se ele levar meu passaporte e minha declaração de IR, e informar que vou pagar a viagem, dá certo?
    É necessário que eu faça uma carta de custeio?
    Ah, eu tenho 33 anos e ele, 34.
    Obrigada

    • Simone, como você têm uma vida financeira estável, têm grandes chances, apesar de não existir o vínculo estável entre vocês. Porém, como noivos, apenas, e ele está desempregado, corre o risco de não conseguir. A carta custéio neste caso, pode ser um ponto positivo, dependendo de como o entrevistador veja a situação. Só quero adiantar que 96% dos visto, são aprovados. Você não considaraia um casamento neste momento. Casal em Lua de mel, têm tudo haver e visto praticamente garantido.

  189. Ana disse:

    João, Bom dia!!! Gostaria de saber se posso marcar a entrevista junto com meu namorado, ou são só para pessoas da mesma familia?
    Obrigada
    Ana Luisa

  190. Reginaldo Oliveira disse:

    Olá, tenho entrevista agendada para obter o visto de turismo, a minha esposa já tem o visto e já viajou. Gostaria de saber se ela pode me acompanhar na entrevista no consulado.

    Abraços a todos

    Reginaldo Oliveira

    • Reginaldo, acredito que não, mas você pode levar o passaporte dela para mostrar na entrevista!

  191. Jessica disse:

    Ok João,obrigada,levarei as cartas e os holerites,pelo que você falou o principal são os holerites,grata pela ajuda,so que não recebo salario em conta é ordem de pagamento recebo com o cpf no banco,só as vezes que peço alguma quantia de adiantamento que o patrão coloca na minha conta,e não vejo uma forma de como provar que recebo via ordem de pagamento,se tiver uma sugestão fico grata

  192. Michelle Shimeni disse:

    Olá João! Parabéns pelo blog e pela atenção que vc dispensa p as pessoas q vem ate aqui com suas dúvidas. Não vi nenhum caso parecido c o meu, vc poderia me ajudar? Bom tem uns 3 anos que sou consultora de vendas, vendo produtos cosméticos para salão de cabeleireiros, represento a empresa da minha tia em São Paulo mas moro em Conselheiro Lafaiete Minas Gerias, coloquei no DS 160 que minha renda é de 3 mil, mas não é um valor fixo depende do mês, vai de 2 mil a 3 mil, só q nunca declarei imposto de renda, por isso não consegui fazer o decore eletrônico, então fiz o ISS na prefeitura como autônoma em gestão de negócios, mas la não consta o valor mensal que eu ganho. Pois bem, o ISS tem o mesmo valor que o decore para o consulado ou não? E estou levando os extratos bancários dos últimos 3 meses com o valor de 5 mil, estou levando tb o comprovante q estou fazendo um curso no senac. Só que também tenho uma dúvida, eu coloquei no DS 160 que sou solteira, pois moro junto com meu noivo e tenho a certidão registrada em cartório de união estável, mas não sabia se eles consideravam como casada, então chegando la eu falo q sou solteira e não coloquei casada por essa dúvida, ou falo que sou solteira mesmo? Vou ficar apenas uma semana pois minha amiga mora em Bostom, e quero muito conhecer os EUA, coloquei que vou visitá-la. Quais as chances vc acha que tenho de conseguir o visto? Agradeço desde já. Um abraço. Michelle Shimeni

    • Michelle, você fez uma besteira, não devia ter anunciado que ia visitar uma amiga. Espero que não, mas pode ter dado com os burros nágua, com essa declaração. Também pecou em falar que não é casada. Essa combinação, não é muito bom. Não por não ser casada, mas solteira, com trabalho de autômona, vai visitar uma amiga? Isso não cola, mesmo que seja verdade. Mas não se desespere. O erro está em fazer as coisas sem pedir ajuda antes. Depois da coisa feita, não tenho muito como te ajudar. Porém, só porém, leve a doc. de união estável e procure mostrar, mesmmo sem eles pedirem. Tire extratos de bancos de vários meses, se poder, investimentos e o que mais você tiver para provar sua estabilidade financeira no Brasil. Agora se o seu noivo tirasse o visto com você, as chances seriam bem melhores. Boa sorte!!!

  193. Jessica disse:

    Meus 3 últimos holerites são de quase 3 mil reais,mas não sou registrada,posso levar a carta de vinculo empregaticio e de ferias somente acha que servira? sera que isso de visto ser aprovado reprovado não seria o proprio sistema que faz um sorteio?

    • Jessica. os holerites são melhores do que carta de recomendação, ou coisa parecida!

  194. JP disse:

    João,
    Minha mãe é autônoma, mas têm a casa e o carro (Novos) em seu nome, porém ambos foram comprados por meu pai, teria algum visto dela ter o visto negado para ficar 7 dias nos EUA???

    obs: ótimo Blog!!! Parabéns!!!

    • JP, não entendi muito bem, mas não vejo motivo para ela ter o visto negado, por ser autônoma. Se ela têm bens, está tudo certo!

  195. Jessica disse:

    Não tenho bens no nome,então meu vinculo é o emprego,e a viagem pagarei com o dinheiro das minhas férias,só posso comprovar meu emprego com a carta de vinculo e os 3 ultimos holerites,e não recebo o salario em conta recebo por ordem de pagamento

  196. Giovana disse:

    Oi Joao !
    Estou planejando ir para a Disney no início de 2014, com meu marido, meus filhos (2 e 4 anos), meus pais (aposentados) e com uma tia avó. Somente eu e meu marido temos o visto ainda válido para os EUA (mas precisamos tb renovar antes da viagem), inclusive já fomos diversas vezes. Meus pais sao aposentados, mas com renda baixa e minha tia funcionária do exército com renda compatível com a viagem. Gostaria de saber qual a melhor forma de todos nós conseguirmos os vistos. Penso que minha tia nao terá problemas, podendo até realizar a entrevista sozinha. Na realidade iremos ajudar e nao custear integralmentenas despesas de meus pais.

    • Giovana, a princípio, acho que você e seu marido não precisarão de entrevista, mas seria interessante ir ao CASV todos juntos, para tirar as medidas biométricas e entregar a documentação e passaporte. É bom se certificar de que todos estão com a documentação em dias e correta e, preencher o formulário DS-160 de acordo, informando que você vai bancar parte da viagem dos seus pais, e assim proceder na entrevista, se forem chamados, já que acredito que isso vai ocorrer e seria bom que ocorrece, facilitando assim o visto para todos. Uma última dica. Renove os seus antes de vencer, pois facilita para todos. Boa sorte!

  197. Mariana disse:

    Olá, João. Eu já tenho visto, mas pretendo viajar com a minha mãe, que não tem. Como ela nunca trabalhou, é do lar, gostaria de saber se posso acompanhá-la na entrevista para que sinta mais segura.
    Muito obrigada.

    • Marina, Isso você precisa ver ao marcar a entrevista dela. É possível que não, mas ela pode levar o seu passaporte para provar que estão viajando juntas.

  198. Jessica disse:

    Olá,carta de vinculo empregaticio é bom constar que estarei em periodo de gozo de férias tal data devendo retornar ao trabalho em tal data também?Ou a carta de férias ,é melhor que seja separada? Você teria algum modelo? Tem que ser reconhecida firma ou basta carimbo da empresa e assinatura dos socios?

    Obrigada

    • Jessica, não sou muito a favor destas cartas, Elas não funcionam(com excessão da carta convite), e parece um apelo muito manjado pelos oficiais do consulado. O melhor é você apresentar uma documentação convincente como IR, Extratos de contas, investimentos, imóveis etc.

  199. nasser disse:

    Ola Jõao, Obrigado pela resposta. Ja marcamos para o mesmo horario,agora no dia 25 e 26 de fevereiro. fiz com uma agencia. Mas como faz para marcar a entrevista junto ? tenho que pedir para agencia, ou é na hora que chamarem ela vem comigo ? obrigado.

    • Devia ter marcado, verifique com a agência se não foi marcada para fazer juntos, se não, acredito que pode mudar e, deveria fazer isso!

      • nasser disse:

        ótimo, vou fazer isso João. Obrigado

  200. nasser disse:

    Ola, marquei meu visto e da minha noiva, eu tenho como comprovar forte vinculo com o brasil,otima situaçao financeira, mas ela nao tem. No caso eu vou pagar tudo, o que eu faço ? obrigado

  201. maila gomes disse:

    Olá!
    Vou fazer a entrevista dia 19. Sou estudante, faço estagio, e irei bancar a viagem. Vc acha melhor colocar que minha mae ira custear, ela nao declara IR, nem eu.

    • Depende da situação financeira dela. Se pode provar recusros suficiente pra bancar, tudo bem. Do contrário, você mesma pode ser a sua financista.

      • maila gomes disse:

        João, o fato é o seguinte, no formulario ds160 coloquei q eu irei custear a viagem, na profissao coloquei estudante, logo em seguida, o endereço da faculdade e posteriormente pedia pra colocar a renda se empregado, como sou estagiaria nao coloquei. Levarei contrato de estagio e extrato da conta corrente e poupança, vou levar da minha mae tbm.
        Minh amiga q viajará comigo tbm nao colocou a renda e teve o visto aprovado. Vc acha melhor eu preencher novamente o ds 160 e colocar minha renda, ou deixo como está e levo os meus comprovantes de rendimentos.

        Grata

        • Maila, é melhor deixar como está e levar os comprovantes, ok?

  202. Patricia disse:

    Joao, Boa noite, sou estudante universitaria, minha mãe irá arcar com todos os custos para minha viagem para orlando ela tem emprego, casa, carro, cartão de credito internacional etc
    vc fala de ter boa condiçao financeira, vc diz de quanto mais ou menos, visto que meus pais tem uma renda de uns R$4.000 por mes, meu visto pode ser negado?

    • Patricia, 96% dos visto são aprovados. Se os seus pais têm condições de bancar a sua viagem, não vejo razão patra medos, Ok?

  203. Paula Silva disse:

    Olá,

    Vim relatar como foi o meu processo de visto aqui no RJ.
    Ontem 31/01 fui ao CASV, estava marcado para as 13:40 e as 13:34 já tinha deixado o local (claro que cheguei um pouquinho mais cedo), foi somente pra tirar foto e digitais.
    Hoje, 01/02, fui ao Consulado, tinham as filas organizadas por horário, precisei deixar o celular no guarda volumes, não entra celular mesmo.
    Lá dentro uma fila eles pegam o passaporte e depois devolvem, aí vai para uma outra filinha da entrevista.
    A maioria dos vistos foram aprovados, vi dois sendo negados, ambos de casal, um de senhores que estavam desempregados e outros jovens pois disseram que iam para cidades diferentes e depois se encontrariam por lá.
    Chegou a minha hora, confesso que estava beeeem nervosa, mas foi super tranquilo. A menina que me atendeu muito simpática me perguntou somente:

    Pra onde vc vai?
    Já viajou pra fora do país?
    Vc faz o que?
    De que? (Perguntando o ramo da empresa)
    Quanto vc ganha?

    Pediu pra eu colocar a mão direita, jogou meu passaporte em algum lugar que não vi e falou “Seu visto foi aprovado. Boa viagem!”

    Levei todos os documentos porém nao me solicitou nada.

    Resumindo, está bem tranquilo mesmo.

    Agradeço ao blog, pois me ajudou muito!

  204. Quéren disse:

    Ola eu e meu marido tivemos o visto negado em são paulo recebemos uma carta de que não teriamos vinculo no brasil mas tinhamos todos os documentos que comprova que tevos vinculos meu marido é dono de taxi meu cunhado esta custeando a viajem estavamos com todos os documentos que comprova e não pediram nada desses documentos, estamos com passagem comprada hotel e carro reservado para a Disney dia 05/03/13 vamos tentar novamente na embaixada americana em brasilia provavelmente na semana que vem gostariamos de algumas dicas de como proceder na proxima entrevista

    • Se eles já negaram, obviamente não vai querer ver os seus documentos na próxima entrevista, Quéren, esta história de outra pessoa bancar a viagem, é furada. A verdade é que vocês devem ser considerados imigrantes em potencial. Este foi o fato que fez a negativa do visto. É claro que você deve tentar, toda regra têm excessão. Desculpe, não tenho nada para te falar que você ainda não saiba.

      • Queren disse:

        Esqueci de escrever que estamos indo com nossas duas filhas nao seria so nois dois é uma viagem de familia o caso é que meu marido se enrolou na entrevista porque estava nervoso quanto ao meu cunhado ser custeador da viagem acho que nao é o problema pois o entrevistador nem questionou sobre isso creio que foi por ele ter perguntado ao meu marido onfe. ficariamod e ele falou que nao sabia

        • Quéren disse:

          one. ficariamos e ele falou que não sabia

          • Se já têm passagens e Hospedagem, como ele fez isso. Marcou a maior bobeira. Agora, pode ser que consiga concertar o mau feito, indo todos para a entrevista. Só não vejo a necessidade de ir a outro consulado. Isso não funciona Quéren. Vocês podem voltar ao mesmo em São Paulo, não têm problema nenhum, se você está em SP, porque fazer essa viagem a BSB?

  205. Samuel disse:

    Prezados, pretendo casar em Novembro deste ano e no mesmo mes ir a Miammi passa a Lua de Mel. ja tive visto para os EUA, fui 2x acredito nao ser problema para mim tirar um novo, mas minha noiva e nova, estuda e nao trabalha, ou seja nao tem renda, mas faz faculdade, temos chance de conseguir o visto pra ambos? Acredito ter renda suficiente para bancar a viagem dos dois

    • Se têm renda, não têm problema, bastar fazer a entrevistas juntos. Mas precisa ser coerente ao preencher o DS-160

      • Samuel disse:

        Obrigado Joao, o que vc chama de Coerente? Outra duvida, se eu nao precisar fazer entrevista? meu visto foi concedido em 1999, venceu em 2009, acho que precisarei, correto?

        • Claro que precisa. Só não precisaria se eles ainda não tivesse vencido

          • Samuel disse:

            obrigado cara

  206. Rodrigo disse:

    Olá boa tarde, acabei de tirar o passaporte (e foi um sufoco com essas panes no sistema da PF) e agora estou planejando tirar o visto. Li muitos comentários e tirei mtas dúvidas a respeito. Mas gostaria que comentasse meu caso se possível: agora estou trabalhando e tiro minhas férias em abril, quero ir pra Los Angeles a turismo e compras, além de visitar uma tia que mora por lá, declaro IR mas não tenho nenhum bem em meu nome pois moro com meus pais. Minha namorada quer ir junto, o problema é que ela acabou de terminar a faculdade e foi dispensada em novembro da empresa onde trabalhava, ela não declara IR mas guardou uma boa quantia na poupança, será que isso basta pra ela passar na entrevista? Eles negam para pessoas desempregadas? Posso falar que vou custear a viagem para nós 2? Obrigado.

    • Pode falar que vai custear a viagem dela sim Rodrigo e, devem preencher o DS-160 igualmente e fazer a entrevistas juntos.

      • Rodrigo disse:

        Olá obrigado pelas respostas e parabéns pelo blog. Agora estamos preenchendo o DS-160 e pintou uma dúvida, na hora de colocar que eu iria custear a viagem dela, é preciso colocar o grau de relacionamento, mas nas opções nao tem “namorado”, só conjuge, amigo, e parente… devo colocar como “amigo” mesmo?

  207. Rosana disse:

    Oi Joao, estou nos USA como Au Pair. meu visto eh o J-1 e expira em 13/02/13, gostaria de visitar minha familia no Brasil em Maio, nao ficarei ilegal aqui apos meu visto expirar,pois estou extendendo meu programa, mais se viajar para fora do pais necessito outro visto para voltar, gostaria de saber se posso renovar este visto enviando meus documentos para o Brasil para um responsavel levar minha documentacao no CASV em Belo Horizonte/MG, uma vez que nao necessito fazer uma nova entrevista e nao ha necessidade da coleta de impressoes digitais pelo fato de meu ultimo visto ter sido emitido após o dia 1º de janeiro de 2008. Gostaria de viajar para o Brasil com o visto americano renovado, se possivel. Obrigada!!

    • Você sabia que pode pedir a extensão do seu visto aqui mesmo nos States? Leia o post sobre Rosana, está na página.

  208. Karen disse:

    Se bem que se for eu custeando a viagem,e meu patrão fizer uma carta falando que tenho tanto em comissão acumulada,que será liberada nas minhas férias seria melhor né?

  209. Karen disse:

    Ah João,quanto ao CNPJ descobri que era outro ramo,so que ele utilizou o mesmo CNPJ então so houve uma atualização então consta no site da receita como empresa aberta em 2009,a carta seria como se eu tivesse comissão acumulada que preferi converter na viagem,acha que de nada adiantaria?
    O problema é que não declaro imposto de renda,bom na verdade declaro zerado,pois tenho uma empresa no meu nome,só que não movimento a uns 2 anos,então só declaro zerado pra não perder meu cpf mesmo,obrigada pela ajuda e desculpe o incomodo.

  210. Veridiana disse:

    Oi Joao, por favor me ajude,

    Meu pai mora nos eua a mais de 15 anos e tem green card, minha irmã e madrasta tb. Fui convidada por eles para passar o natal de 2013 lá, além de me convidar, eles convidaram uma amiga minha e sua sobrinha/afilhada, aí agora que vem todas as minhas dúvidas:

    Tenho 32 anos, sou autonoma, declaro IR todos os anos mas no limite da tributação, tenho um ótimo movimento na minha conta bancária. Tenho mais de 15.000,00 na poupança para viajar, não tenho cartão de crédito, tenho um carro em meu nome, e fiz uma união estável em 2004 e meu esposo é funcionário publico aposentado,( ele não vai comigo). Vc acha que posso ser nagada? Devo dizer ou esconder que meu pai me convida? (ele precisa enviar uma carta convite a mim dizendo que me hospeda e me custeia?) Dizem que se vc falar que tem parentes eles negam por achar que vai tentar imigrar e se vc mentir eles tem como ver e te negam (isso me deixa desesperada pois não sei o que fazer principalmente nesta pergunta).

    E quanto a minha amiga? Ela trabalha em uma empresa multinacional há muitos anos, e tem fortes vinculos com o Brasil, ela deve ir na entrevista com a mesma carta convite do meu pai ou de outra pessoa? (meu pai tem um amigo que tem a cidadania e se ofereceu para mandar uma carta tb) e quanto a afilhada dela?tem que ir na entrevista junto? a minha amiga deve se responsabilizar por sustentá-la ou a avó dela (que é mae da minha amiga) deve apresentar renda?

    Nunca tentei o visto pois morro de medo de ser negada, me ajude!

    Obrigada

    • Veridiana, deveria pedir uma carta convite ao seu pai. Não têm problema nenhum falar que têm parentes lá, se ele for legal! leia os comentários ai que você vai encontrar resposta que te ajudarão!

      • Veridiana disse:

        Só por favor me diga como devo proceder em relação a criança? A tia deve se responsabilizar na entrevista ou a avó deve ir na entrevista com os comprovantes de renda?

        • Quem for a responsável pela viagem dela é quem vai para a entrevista Veridiana. se ela for menor, precisa de autorização dos pais etc. é um pouco complicado. leia no Blog sobre.

  211. Karen disse:

    Obrigada,fico no aguardo 🙂

  212. Karen disse:

    Olá João,espero que possa me ajudar,meu caso é complicadissimo e extenso,meu sonho sempre foi visitar os EUA,trabalho a 2 anos em uma pizzaria como supervisora,meu salário é baixissimo R$1063,00,com adicional noturno,as vezes feriados beira R$1250,00,mas movimento em torno de R$2000,00 em minha conta,tem meses que mais,tenho 23 anos,inclusive farei 24 anos na data da entrevista que está agendada para dia 14/02,declaro imposto de renda zerado,pois tenho uma empresa em meu nome e não a fechei ainda,então é a mesma coisa que não declarar,pedi para meu patrão me ajudar,fazendo uma carta de custeio,então gostaria de pedir sua sugestão nos seguintes pontos;

    1. Só fui registrada dia 01/09/2012,inclusive o CNPJ da pizzaria mudou justamente nessa data,precisaria de uma carta falando do periodo que trabalhei sem registro,só que não sei qual CNPJ eles teriam que colocar se o antigo ou o atual,pois creio que traria estranheza pro consul eu estar registrada atualmente com um CNPJ,e do tempo anterior ser outro,ja que é a mesma empresa.
    Pensei na seguinte possibilidade mau patrão tem outra pizzaria,será que ele fazendo uma carta dizendo que trabalhei 1 ano e 7 meses na outra pizzaria,colocando o cnpj dela na carta,dizendo que fui transferida pra outra(a que estou registrada) colocando o cnpj seria a solução?
    2. Não sei o que seria melhor,meu patrão assinando a carta como se a empresa estivesse custeando,ou se ele estivesse custeando. Pois como o CNPJ mudou,então com o número atual não há declaração de imposto de renda da empresa,pois a última declaração foi ano passado,então eu só teria como levar contrato social e extratos. Ja com se for ele me custeando teria a declaração de imposto de renda dele,só que ele só que creio que ele só movimente a conta juridica,não sei se ele movimenta conta fisica.
    3. Fiz esses dias um cartão adicional de um cartão internacional da minha vó,não sei se isso ajuda em algo por ser adicional,ja que tenho restrição em meu nome referente a empresa que tinha então não posso ser titular de cartão.Devo levar o cartão? nem o usei ainda.
    4. Como movimento um pouco mais do que ganho tenho que falar que tenho atividade extra?

    Bom desculpe o extenso texto,mas estou realmente desesperada,e ainda veio a calhar de ciar no meu aniversário a entrevista,seria muito decepcionante pra mim ter o visto negado.

    • caraka, assim vc me mata. se eu fosse você procuraria um despachante, mas vou tentar te ajudar, só preciso de um tempo. Aguarde!

    • Karen tranquilidade nessa hora é tudo que você precisa. Não vá para a entrevista nervosa porque isso será muito prejudicial para você. Essa é a primeira coisa. Segundo, essa história de CNPJ está muito confuso. O que eu acho é que você deve levar a sua declaração de IR, os seus contra-cheques, cartão de Crédito, extratos bancários etc. Esquece CNPJ, pois não vejo esta carta com bons olhos. Ela pode ser uma faca de dois gumes(ajudar e atrapalhar ao mesmo tempo). Seja homesta e firme, além de mostrar tranqüilidade durante a entrevista. Isso sim pode ser a chave para você pegar o visto. Quanto a carta do seu patrão, eles não ver isso como um ponto positivo, mesmo porque você está lá a pouco tempo e mudou de CNPJ etc. Esqueça isso. Você precisa sim, provar para o pessoal do consulado, que existe alguma coisa no Brasil que te obriga a voltar. O que é isso? já que você se encontra no grupo de risco como imigrante? Vai firme que você vai conseguir o seu visto. Boa sorte!

  213. Thiago Pontes Fonseca disse:

    Seria Melhor declarar o imposto de renda antes da entrevista né. Então direi que estou indo fazer compras… é a verdade, rsss. 150 reais do passaporte, 500 reais de passagem para brasilia, mais o valor do visto para depois ser negado é dose em amigo!

  214. Thiago Pontes Fonseca disse:

    Oi Amigo, vou agendar minha visita para querer um visto para os estados unidos, minha intenção é fazer compras em Miami. Sou Casado e tenho um filho, sou Enfermeiro (Nível Superior), trabalho na minha área e ganho em média 3,400 por mês, tenho uma poupança de 10 mil reais. Nunca declarei IR, mas tenho carteira assinada e contra cheques, além dos extratos bancários que comprovam meu salário. Minha duvida é e se ele questionar porque não vou levar mulher e filho sendo que é uma viagem de turismo. quem que tem familia e nao leva junto na viagem. sera que isso vai ser um problema?

    • Thiago, não chega a ser um problema. você deve falar a verdade. Ser honesto é a melhor forma de se conseguir um visto americano. Agora, não ter o IR, não é muito bom, atrapalha um pouco, só um pouco!

  215. mozart disse:

    ola, tenho 21 anos e queria saber se tenho chance de conseguir o visto americano, pois tenho entrevista dia 25/04, atualmente sou estudante de engenharia no 5 º semestre porem nunca estagiei ou trabalhei, nao por falta de vontate, quem ira custear minha viagem sera eu e meus pais, porem irei sozinho com minha namorada, nao tenho nada em meu nome, porem meus pais tem 3 apartamentos, 1 terreno e carros, meu pai eh dependente da minha mae(funcionaria publica) no IR assim como eu e meu irmao mais velho, quais documentos devo levar? obrigado ps: procurei algo parecido com minha pergunta mas nao achei obrigado.

    • Mozart se você leu os posts sobre o visto t6em a resposta lá em algum deles. De qualquer forma; IR do país imóveis, extratos bancários e de investimentos e por ai vai.

  216. ludmila pereira disse:

    Quando tentei a ultima vez, ano passado, levei comigo uma carta convite da minha irmã que é legal no pais, nos convidando para passear, mas nem isso ele quiz olhar.Eu so querro mesmo é passear, como me negaram o visto, eu e meu esposo fomos passar as ferias em lisboa, mas nao desistir do meu visto, porque sofro muito com a grande saudades que tenho da minha filha e do meu neto que tem 1 ano.Por favor, aguardo sua orientação.

    • Claro Ludmila, você ficou 2 anos ilegal, como acha que eles ainda vão te dár um visto. Além do mais a sua filha continua lá e ilegal. Naturalmente, era isso que você deveria esperar. Qdo o seu nome aparece na tele do PC, eles sabem tudo de sua vida. Pode tentar outras vezes, não creio que conseguirar, mas tudo é possível.

  217. ludmila pereira disse:

    Ola bom dia!
    Sou funcionaria publica,efetiva , 26 anos de trabalho meu salario de 3.000reais. tive uim visto de turismo em 2001com minha filha que na epoca tinha 15 anos, meu visto era so para passear na disney , sendo o visto de 6 mes, so que com liçença de dois anos do trabalho fique nos estados unidos 2 anos retornadno para o0 brasil em 2003.Porem minha filha hoje com 25 anos ainda morar nos estados unidos ilegal.Ja tentei o visto varias vezes e foi negado,na epoca eu era divorciada, hoje sou casada, e apos dois mes de casada retornei ao consulado mais uma vez, negaram o meu evisto e do meu esposo, ele é funcionario publico nunca teve nos estados unidos e nunca havia tentado o visto , ele tem um salario de 5.500 reais.Somos.Levei documento de casa , carro, extrato de banco, declaração de imposto de renda minha e dele, e nada pediram.Simplismente negaram.

  218. carlos sousa disse:

    Ola,
    Existe algum periodo minimo pra retornar ao EUA.Caso eu queira retornar em curto prazo ao pais

    • Ha qualquer hora carlos, não esse tipo de exigência.

  219. carlos sousa disse:

    Ola,
    Existe algum periodo minimo pra retornar ao EUA.Caso eu queira retornar em curto prazo ao pais?

  220. Uiara disse:

    Muitooo obrigada, seu blog é realmente muito bom!

  221. Uiara disse:

    Boa tarde, li todos os post e não encontrei nenhuma situação semelhante a minha. Eu e meu namorado (moramos juntos mas não somos casados no papel) tenho 29 anos e uma filha de 10 (mora conosco mas ela não ira na viagem) estamos programando um passeio p Orlando ele é médico, nunca solicitou visto, declara ID, tem empresa com o irmão tbm médico, mas eu não trabalho e tbm tranquei minha faculdade ja faz um bom tempo, portanto não tenho comprovantes de renda a não ser movimentação bancaria e o meu carro vendi ano passado, ele comprou uma casa pela empresa dele e um carro de um valor considerável no nome dele quitado. Uso cartão do meu “marido” que é internacional tbm. O que devo fazer para que eventualmente meu visto não seja negado? Quais as chances do meu visto ser aceito? Devo ir com ele na entrevista ja q é ele quem vai custear a viagem? Um contrato de união estável ajuda? Aguardo sua resposta. Obrigadaa

    • Deveria tirar o visto para a filha também mesmo não viajando, seria uma viagem em família para Orlando, algo assim. O fato de não serem casados oficialmente não é tão relevante. A entrevista deveria ocorrer para todos juntos e a filha deve está em sintonia com vocês, pois ela também será entrevistada. Respostas firme e com segurança, o seu visto não terá problema, pois pelo que parece, o marido se garante financeiramente.

  222. walter disse:

    boa noite, buscarei meu primeiro passaporte amanhã 23/01…após isso tentarei o visto juntamente com minha esposa…me casei faz 9 meses mas ela não tem nenhum documento com nome de casada…( ela tem passaporte válido com nome de solteira e viajou aos EUA a uns 15 anos!), ela tem comprovante de renda de uns 1500R$ mas não declara IR pois é isenta, eu sou sócio de uma empresa declaro 1900R$ mensais mas minha empresa tem faturamento comprovado pelo simples nacional de aproximadamente 100.000R$ mensal , tenho um visa(titular), 2 master(titular), um diners (dependente) e um AMEX ( dependente) internacionais..tenho 4 carros em nome da empresa e um APT financiado em meu nome…será que vão nos conceder o visto ? ps. vamos a miami a passeio passar 10 dias.

    • Tranqüilo Walter, leve essa documentação da empresa que você é sócio. Não terá problemas. Coloque a esposa como sua dependente mas comprove a movimentação financeira(extratos) dela também.

  223. Bruna disse:

    Olá, João.

    Eu e meu marido estamos com entrevista marcada para o próximo dia 8/2. Estamos programando ir para Orlando de férias, por 10 dias. Porém, o que mais nos preocupa é a declaração de Imposto de renda – único documento que não temos – pois éramos isento. Temos carro no nome e apartamento, levando esses documentos/comprovante ainda assim é complicado a aprovação, sem o IR? Se tivermos reserva de hotel e passagens de ida e volta tbm pode colaborar?

    • Bruna, Passagem antecipada, hotel antecipado, não funciona. Além do mais, se você não conseguir o visto, vai perder dinheiro. O que eu faria? junte todos esses imóveis, extratos bancários e de investimentos financeiros, se tiver, cartões de créditos, folha de pagamento de salários etc. vai funcionar também.

  224. lais disse:

    Olá João,

    Eu sou au pair (não sei se vc conhece o programa, eu moro em casa de familia americana e cuido das crianças deles e estudo também). Meu namorado pretende vir me visitar, mas eu mesma vou pagar as passagens e ele poderá ficar aqui comigo na casa.

    Mas meu namorado tem 21 anos, ele faz faculdade e trabalha como fotógrafo (carteira assinada), mas ele não tem Imposto de renda e nada no nome dele e o salário de mais ou menos 1500. Vc acha q tem chances dele conseguir o visto? A minha familia americana disse que pode mandar uma carta de referência pra ele dizendo que pode ficar aqui pelo período da viagem. Mas também nem sei como é possível fazer essa carta. Vc acha que isso pode ajudar?

    Obrigada

    • Lais, ele têm chances sim, apesar da idade e ser considerado um imigrante em potencial. A carta deve ser uma carta convite oferecendo a residência deles como hospedagem. É simple. Mas seria bom não mencionar que você está aqui, isso complicaria.

      • lais disse:

        Muitissimo obrigada pela resposta rápida.

        Sem querer ser inconveniente tenho mais uma dúvida. Seria melhor ele dizer que vem a passeio e tiver um patrocinador? Esse patrocinador precisa estar com ele na entrevista?

        • Não precisa está presente.