Aeroporto de Viracopos na Berlinda.

Desde sábado a noite, dia 13 de outubro,  é noticiado na mídia sobre o cargueiro americano que  saiu da pista durante o pouso, no aeroporto de Viracopos, em Campinas São Paulo. Aparentemente, às 16h desta segunda-feira, finalmente o avião foi retirado da pista do aeroporto. Mas mesmo assim o aeroporto de Viracopos está na Berlindaa, porque os pousos e decolagens, ainda não foram liberados.

Cerca de 470 voo foram cancelados desde o incidente, prejudicando cerca de 25 mil passageiros, que na sua grande maioria eram passageiros da Azul Linhas Aéreas. A Azul têm a sua base de operações em Viracopos. Sendo com certeza a companhia aérea mais prejudicada em todo esse incidente. Ela atende cerca de 85% dos passaageiros que partem ou chegam por Viracopos. Com essa estatística pode-se deduzir o número de pessoas prejudicadas neste final de semana.

Apesar de o Cargueiro já ter sido retirado, segundo a Infraero, ainda há que se fazer o limpeza da pista, antes de libera-la para pousos e decolagens. Em sguida a manutenção do asfalto entra em campo, junto com os peritos de segurança.

Por ser um dos principais aeroportos do país, este incidente coloca o aeroporto de Viracopos na berlinda, juntamente com toda a estrutura aeroportuária do Brasil. O aeroporto conta apenas com uma pista para pousos e decolagens, que é insufuciente para o volume das operações. Sem contar com a falta de equipamentos capazes de solucionar um problema como este, em apenas algumas horas. Qual seria a justificativa que os administradores dos órgãos competentes teria para explicar sobre o tempo que foi necessário para retirar o avião da pista de pouso. 44 horas, é realmente vergonhoso ainda assistir a essas cenas. Estamos prestes a receber os Jogos da Copa do Mundo de 2014. E ai como fica o passageiro que pagou a passagem com altas taxas de embaque?

Já privatizado e sendo um dos equipamentos mais importantes para o tráfego aéreo de São Paulo, Viaracops, Guarulhos e Brasília, ainda não tiveram nenhum investimento capaz de sanar os problemas dos nosso aeroportos. Alias, o governo anunciou o cancelamento da contrução do mertô de superficie partindo do aeroporto de Brasília para o Plano Piloto(centro da cidade). Um outro caso emblemático é o aeroporto de São Gonçalo, em Natal. É um projeto de 13 anos que ainda se arrasta na burocracia brasileira. Ele deverá ficar pronto, antes da Copa do Mundo, mas até o momento, só existe uma pista no meio do nada.

Como em Viracopos, todos os aeroporto do Brasil têm problemas estruturais e muitas deficiências no atendimento do crescente número de passageiros. Imaginem então quando chegar a competição da Copa em 2014. Além de uma grande quantidade de voos internacionais que chegará ao Brasil, o número de viagens internas deverá continuar crescendo. Mas quanto aos investimentos, não vamos esperar por milagres, pois eles não chegarão a tempo.

 

1 Comentário

  1. Zen Chan disse:

    Acho muito ruim essa situação, complicar mais setor de voos Brasil. Passei dias ruins em aeroportos , agora entro sempre mais baratos e bem mais confortáveis ônibus, troquem!

Sejam bem vindos no Viajando Online Blog, e façam uma boa viagem!