Como Evitar Pagar Muito IOF nas Compras no Exterior?

Em abril de 2011 o Governo Federal subiu a alíquota do IOF, de 2.38% para 6.38%. Este aumento foi feito para tentar diminuir a entrada de capital estrangeiro no Brasil. Prática essa que vem acontecendo nos últimos anos, devido ao bom desempenho dos negócios financeiros no país. O Brasil tem cada dia mais recebido investimentos do exterior e o governo aplicou esse aumento tentando manter o nosso real forte. Na verdade isso não ocorreu e ainda atingiu os viajantes brasileiros que fazem compras no exterior e pagam com cartão de crédito. Como 70% das compras em viagens de férias são pagos com esta modalidade, no final pode pesar um pouco para aqueles que exageram nos gastos. Haja visto que o brasileiro tem gastando muito, tanto na Europa como nos Estados Unidos, hoje ele pode buscar algumas alternativas para evitar pagar um alto IOF nas compras no exterior. Falaremos sobre esse assunto neste artigo de hoje.

 

Com IOF – Imposto sobre Operações Financeiras na alíquota de 6.38% pode afetar em muito o seu bolso em todas as transações que você realizar no exterior, dentre elas, as compras, e gastos em geral, como pagamento de hotéis, gastos em restaurantes, e atividades de entretenimento, buscar alternativas para evitar essas despesa, pode ser interessante.

CARTÕES DE CRÉDITOS PRÉ-PAGOS

Existe hoje uma proliferação de Cartões Pré-pagos e que podem ser comprados no Brasil, ainda com uma vantagem a mais que é o fato de você colocar neles o valor estimado que deve gastar em sua viagem internacional. A precursora Visa Travel Money, é uma das mais procuradas entre todos eles, mas você ainda tem outras alternativas

A American Express lançou o Global Travel Card  que são vendidos nas agência do Itaú e Bradesco. A outra opção é o Pré-pago Mastercard Travel Card que são vendidos pelo Grupo Fitta.

Um dos principais emissores de cartões pré-pagos para viagens internacionais, é o Banco Rendimento, que lançou no último semestre de 2011 o Rendimento Muiltimoedas. Este é a segunda geração de cartões pré-pagos para brasileiros viajando ao exterior. É também uma grande alternativas para quem está viajando, por ter a oportunidade de carregar este cartão em oito moedas diferentes. Permitindo assim ao viajante manter várias opções de pagamentos em seus gastos em viagens internacionais. São essas as moedas, Dólar Americano, Canadense, Australiano e Neo-Zelandês, Euro, Libras Esterlina, Franco Suíço e peso Argentino. Desta formo o viajante pode manter saldo em todas essas moedas ao mesmo tempo.

 

E você que vai viajar para o exterior já pensou em economizar um pouco sem ter de pagar muito IOF. Pois pense nisto a partir de agora, adquirindo os cartões pré-pagos.  Com eles o IOF é somente de 0.38% sendo assim uma economia de 6% em qualquer gasto que você fizer lá fora.  Porém existe uma desvantagem nos cartões pré-pagos.  Não é necessário senhas para fazer pagamentos. Deixando assim algumas pessoas inseguras sobre a confiabilidade deste meio de pagamento. Por outro lado, a senha é obrigatória na hora de fazer saques lá fora.

Se você já usou algum destes cartões em suas viagens, que tal dividir com esta comunidade as suas experiências. Quais os pontos positivos e negativos na sua opinião?

1 Comentário

  1. Mac disse:

    Estive na europa no começo do ano e o melhor modo de comprar no exterior é com cartão de débito do seu próprio banco. O Visa Travel também não é vantagem. Portanto, se for viajar, entre em contato com o seu banco e veja se ele pode lhe disponibilizar um cartão de débito internacional. Sacar no exterior também não é vantagem. Sempre que possível, compre com débito do seu próprio cartão do banco.

Sejam bem vindos no Viajando Online Blog, e façam uma boa viagem!