Especialistas dá dicas para escolher com segurança o programa de intercâmbio

Agências certificadas são as indicadas para realizar o sonho de viver e estudar no exterior. 

Realizar um intercâmbio é um sonho para muitos brasileiros. Seja para vivenciar uma experiência no exterior, conhecer outras culturas ou até mesmo obter qualificação profissional, planejar uma temporada no exterior requer atenção a fatores importantes que podem garantir o sucesso da viagem. Uma delas é a escolha da agência de intercâmbio.

Recentemente, casos de agências de intercâmbio que faliram, deixando clientes desassistidos, com prejuízos financeiros e emocionais, repercutiram no país, gerando uma dúvida em quem se interessa pelo assunto: como escolher com segurança a agência de intercâmbio adequada?

Segundo o diretor da World Study BH e especialista no assunto, Paulo Silva, a experiência de mercado faz toda a diferença. “Quando falamos em contratar um serviço em outro país, longe de amigos e familiares, a experiência da empresa é determinante para a escolha do cliente”, destaca.  Além da experiência, do tempo de mercado, da qualidade do atendimento e das avaliações e feedbacks de quem já fez uso dos serviços, o especialista também orienta que o consumidor pesquise sobre as certificações conquistadas pelas empresas.

Estas chancelas, muitas delas internacionais, atestam critérios de qualidade e oferecem uma garantia ao consumidor de que os produtos oferecidos são, de fato, confiáveis.

Uma das certificações mais importantes entre as agências de turismo é o Selo Belta. Trata-se da única associação de agência de intercâmbio no país e existe há aproximadamente 27 anos. A verificação de qualidade deste selo, por exemplo, vai além do primeiro contato.

Mensalmente, são avaliados itens como situação financeira da empresa, o histórico e os aspectos jurídicos. Há, também, a ALTO (Association of Language and Travel Organization), uma associação internacional que une escolas de línguas e agências de viagem de aproximadamente 30 países.

Entre as certificações importantes para as agências de intercâmbio, também estão: a GWEA (Global Work Exchange Association), que tem como missão dar apoio a programas que envolvem troca de experiência entre jovens do mundo; a FIYTO (Federation of International Youth Travel Organizations), única associação e fórum para jovens profissionais na indústria de viagem e turismo, cuja função é promover o incremento de intercâmbio cultural; IAPA (Internaciontal Au Pair Association), que reúne as maiores e mais qualificada agências autorizadas de programas de Au Pair; a IATA (International Air Transporte Association), uma associação que representa o transporte aéreo internacional e, também, cuida para que as empresas aéreas operem  com um alto padrão de qualidade; e a WYSE (Word Youth Student & Travel Confederation), confederação de viagens global com uma rede de 5 mil destinos em 118 países.

De acordo com Paulo Silva, que também detém a franquia das agências da World Study em Brasília e Porto Alegre, a rede possui todas estas certificações e, ao longo de seus mais de 20 anos de mercado, a empresa se orgulha de já ter atendido alunos dos mais variados perfis: de estudantes de ensino médio, a executivos, pessoas da terceira idade e interessados em trabalho voluntário em outros países. “Como em qualquer mercado, há sempre empresas sérias e de reputação duvidosa.

É importante o cliente pesquisar e cobrar destas empresas que selos e certificações atestam a qualidade de seus serviços”, afirma Silva.

Ainda segundo o diretor da Word Study, querer inovar e cuidar do cliente, para tornar a experiência no intercâmbio especial, é fundamental. “A World Study é recomendada por instituições importantes ao redor do mundo. Tudo o que fazemos é buscar, constantemente, nos aperfeiçoar para melhorar a experiência dos nossos alunos”, afirma.

Dicas para escolher bem a agência, segundo Paulo Silva:

– Procure as certificações das agências que têm interesse em contratar;

– Avalie a experiência da empresa no mercado;

– Busque conversar sobre a experiência de pessoas que já contrataram o intercâmbio;

– Pesquise comentários e reclamações da agência na internet;

– Pesquise a situação da agência de intercâmbio, bem como o CNPJ, o CEP, a Razão Social, e a situação no PROCON;

– Não leve em consideração apenas marcas e preços;

– Faça uma comparação de todas as agências que lhe interessou;

– Pesquise as escolas e as hospedagens que estão nos pacotes.

– Preste atenção no atendimento. Contar com o cuidado e a eficiência da agência quando você estiver lá fora fará toda a diferença na experiência do intercâmbio.

Sobre a World Study

Em 1998, um grupo de entusiastas do intercâmbio cultural e ex-intercambistas, com mais de dez anos de experiência acumulada nesse segmento de mercado, resolveu unir forças para propiciar crescimento cultural, acadêmico e social às pessoas que compartilhavam este entusiasmo.

Nasceu, então, a World Study Educação Intercultural que, por meio do intercâmbio, entendido como uma ferramenta educacional, oferece as mais diversificadas opções de experiência internacional (intercâmbio) e um atendimento diferenciado, baseado no aconselhamento individualizado e na adequação do programa ao perfil de cada aluno. Atualmente, a empresa possui unidades em todas as regiões do Brasil e bases no exterior.

Sobre o autor: João Lucena

João Lucena foi Guia de Turismo, Agente de Viagens e proprietário de Agência de Viagem no Brasil. Mudou-se para os EUA ainda nos anos 80 e passou a atuar no setor hoteleiro e de restaurantes. Devido a paixão por viagens, dedica algumas horas diárias ao Viajando Online blog, trazendo dicas como; roteiros e destinos, promoções de passagens aéreas, hotéis, vistos de viagem e muito mais.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.